Steven Tyler: cantando Beatles a pedido de Paul McCartney

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: NME, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O líder do AEROSMITH, STEVEN TYLER, foi requisitado por PAUL MCCARTNEY para interpretar quatro canções dos BEATLES numa apresentação em Washington nesse dia 5 de dezembro.

Slash: "Só dá para exceder até certo ponto"Metallica: os fantasticos carros de James Hetfield

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Tyler irá cantar faixas de 'Abbey Road' de 1969, no Kennedy Centre Honors.

McCartney deverá receber um prêmio de prestígio na cerimônia, junto com o cantor/compositor Merle Haggard, o compositor Jerry Herman e a apresentadora de TV Oprah Winfrey.

"Paul McCartney me ligou e me pediu pra cantar as quatro últimas faixas de 'Abbey Road', e eu disse 'Umm OK.' Eu topo," Tyler disse à [estação de rádio norte-americana] 95.9 WATD-FM.

Os artistas são reconhecidos na cerimônia por suas contribuições à cultura Americana. No passado, Bob Dylan e Elton John foram honrados com a premiação.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Aerosmith"Todas as matérias sobre "Paul McCartney"Todas as matérias sobre "Beatles"Todas as matérias sobre "Steven Tyler"


Decca Records: A gravadora que negou um contrato aos BeatlesDecca Records
A gravadora que negou um contrato aos Beatles

Rate Your Music: os melhores discos de todos os temposRate Your Music
Os melhores discos de todos os tempos


Slash: Só dá para exceder até certo pontoSlash
"Só dá para exceder até certo ponto"

Metallica: os fantasticos carros de James HetfieldMetallica
Os fantasticos carros de James Hetfield


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

adGoo336