Rush: remix do "Moving Pictures" em 5.1 Surround Sound

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar Correções  

De acordo com o site MusicTap, um remix em 5.1 Surround Sound do clássico álbum do RUSH, "Moving Pictures", será lançado em 5 de abril. Dois pacotes serão disponibilizados: um set de CD/DVD e um de CD/Blu-ray.

Rock Till You Drop: Música e conteúdo compôem a fórmula do Rush (vídeo)

Dane-se Bruce Dickinson: Simone Simons no metrô é muito melhor

O remix em 5.1 Surround Sound do "Moving Pictures" foi realizado pelo produtor/engenheiro canadense Richard Chycki – que é conhecido por seu trabalho com o AEROSMITH e OUR LADY PEACE, e que fez equipe com Nick Raskulinecz (RUSH, DEATH ANGEL, STONE SOUR) no último álbum de estúdio do RUSH, "Snakes & Arrows", de 2007. Ele recentemente escreveu em seu blog oficial: "Terminei os ajustes na 'Red Barchetta' [em 3 de fevereiro]. Foi realmente uma experiência incrível propagar as faixas originais de um CD tão clássico nas palavras em 3D do surround (O carro acelera e cola na sua traseira [à propósito]). A experiência de escutar é drasticamente envolvente e está acoplada com músicas e performances que resumem o que essa banda é. É definitivamente um grande momento para se redescobrir o RUSH."

"Depois de uma discussão com a banda, a meta aqui era prestar uma séria homenagem à produção daquela era, de forma que uma considerável parte de tempo foi dispendida na pesquisa e no trabalho com efeitos, etc., o que equivaliam ao original mas se ajustariam ao universo 5.1. E, é claro, a fixação também foi uma questão crítica. Estou satisfeito com os resultados e Alex Lifeson [guitarrista do RUSH] ficou bem impressionado quando ele veio para escutar os resultados finais."

Na atual turnê do RUSH, "Time Machine Tour", pela primeira vez eles apresentam o álbum "Moving Pictures" ao vivo e na íntegra.

Lançado em 1981, o "Moving Pictures" foi o álbum mais bem sucedido do RUSH, ganhando quatro discos de platina e trazendo algumas das músicas mais conhecidas da banda e as favoritas permanentes nas rádios "Tom Sawyer" e "Limelight", além da instrumental indicada ao Grammy "YYZ".




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rock Till You Drop: Música e conteúdo compôem a fórmula do Rush (vídeo)

Rush: Mike Portnoy grava cover da clássica YYZ (vídeo)Rush
Mike Portnoy grava cover da clássica "YYZ" (vídeo)

Rush: bateria isolada de 2112 é tão incrível que até a banda compartilhaRush
Bateria isolada de "2112" é tão incrível que até a banda compartilha

Regis Tadeu: Neil Peart, que falta faz!Regis Tadeu
Neil Peart, que falta faz!

Geddy Lee: o que ele pensa sobre Flea e Les ClaypoolGeddy Lee
O que ele pensa sobre Flea e Les Claypool

Rush: Assine a petição para que Neil Peart tenha sua estátua em Lakeside ParkRush
Assine a petição para que Neil Peart tenha sua estátua em Lakeside Park

Rush: De 2002 a 2015Rush
De 2002 a 2015

Rush: Geddy Lee revela quais os 10 baixistas favoritos deleRush
Geddy Lee revela quais os 10 baixistas favoritos dele

Rush: Geddy Lee mostra foto de seu primeiro baixoRush
Geddy Lee mostra foto de seu primeiro baixo

Stereoshake: Banda brasileira lança versão de "Tom Sawyer", do Rush


Trios de rock: os 10 mais em lista do site Gibson.comTrios de rock
Os 10 mais em lista do site Gibson.com

Progressivo: análises exemplificando a guitarra progressivaProgressivo
Análises exemplificando a guitarra progressiva


Dane-se Bruce Dickinson: Simone Simons no metrô é muito melhorDane-se Bruce Dickinson
Simone Simons no metrô é muito melhor

Metal Extremo: chocando os jurados em reality-showsMetal Extremo
Chocando os jurados em reality-shows


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin