AC/DC Brasil: entrevista com JPA, fundador do Whiplash.Net

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Anderson Alves, Fonte: AC/DC Brasil.net
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 17/05/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O site Whiplash!, portal com o maior número de material e acessos sobre o rock e heavy do Brasil, foi criado e até hoje é administrado pelo maranhense João Paulo Andrade. Desde sempre o portal vem abrindo as portas e dando oportunidade para jornalistas amadores e profissionais que querem exibir seu material para um público diversificado em termos de rock e heavy metal.

13 acessosAC/DC: novo livro sobre Bon Scott promete chocar o mundo do Rock5000 acessosAs histórias por trás de 11 capas clássicas

O AC/DC Brasil entrevistou esse inovador brasileiro da comunicação, onde falou um pouco sobre seu trabalho no Whiplash! e também sobre AC/DC.

João Paulo, gostaríamos de te agradecer por esta entrevista. E para começar, conte-nos um pouquinho sobre você e da história do Whiplash!.

Eu que agradeço! O Whiplash! começou como um hobby de horas vagas em 1996. Se desenvolveu até virar um hobby que consumia mais tempo do que todas as minhas outras atividades. Com o tempo, além de meu tempo, começou a consumir também todo o meu dinheiro, o que me levou a ter que optar entre empregos e o site.

Curiosamente o site se tornou lucrativo nos últimos anos, mais do que nos meus sonhos mais otimistas. Hoje consigo viver de um hobby. Um sonho. O único arrependimento é por não ter largado os empregos para viver do site alguns anos antes. Eu sempre quis viver de rock. Por incompetência completa no trato com instrumentos e músicas, nunca conseguiria. O Whiplash! foi um atalho inesperado e feliz!

O Whiplash! é hoje um ponto de parada diário para qualquer fã de rock e metal do país. Como é administrar o maior site de rock e metal do Brasil? Dá um trabalho infernal, mas é extremamente divertido. Não me sinto trabalhando. São os anos mais felizes de minha vida no quesito profissional. Espero que dure bastante.

E com certeza durará! Pedimos aos leitores para que enviassem uma pergunta para você. E assim que a escolhemos, vimos que é algo que todo mundo gostaria de saber: "Você e a equipe do site tem algum plano guardado no baú do rock que pode nos adiantar?"Sim e não... Planos sempre existem, mas tudo no Whiplash! acontece de maneira muito orgânica, sem prazos, quando é para acontecer acontece. Então existem planos sempre, mas não dá para garantir quando e nem mesmo se vão ser colocados em prática. Dá para citar um novo layout, uma rádio e talvez um programa de TV. Mas esperem com MUITA paciência!

Maravilha! Agora vamos voltar um pouquinho, "Back in nineteen fifty five" (Let There Be Rock). Quem são, na sua opinião, os mais importantes músicos e bandas do rock n' roll?

A própria "Let There Be Rock" cita o Chuck Berry. Beatles mudou tudo, Sabbath mudou tudo, Led mudou tudo, Ramones mudou tudo. E a lista continuaria e continuaria e continuaria. É até injusto eu ter citado estes quatro, mas se era para citar...

E esta banda para você, AC/DC. Pode nos dizer qual foi primeira canção que ouviu e que te despertou interesse?

Sinceramente não lembro qual foi a primeira, minha memória é horrenda.

Tudo bem! Agora vai mais uma pergunta muito injusta, mas não poderíamos deixar de perguntá-la... Qual foi o primeiro álbum que você comprou da banda e qual é o disco que você mais gosta?

Ah! Esse eu lembro! Eu tinha dificuldade tremenda de encontrar discos do AC/DC onde morava e ouvia em fitas cassete copiadas de amigos. Até que consegui um Highway To Hell de segunda mão em vinil, que ouvi até furar! Com o advento dos cds juntei grana e pedi a coleção completa nos EUA nos primórdios da internet. Acho que fui dos primeiros usuários internacionais da amazon com este pedido, uns 20 cds o mais recente era o Live.

Muitas pessoas divergem ao falar sobre os dois vocalistas, Bon Scott e Brian Johnson. Qual é sua opinião sobre esse assunto?

Ambos são primorosos e não tenho favorito. Rara banda que conseguiu superar uma troca de vocalista sem perder nada, em minha humilde opinião...

O que você achou do novo disco da banda, "Black Ice"?

Tão bom quanto todos os outros. Se não o ouço muito como os mais antigos, é apenas porque este álbum não marcou meus anos de juventude, estou parado nos anos 80.

João, Os cinco rapazes do AC/DC, já podem ser chamados por "senhor". Acredita que ainda podem voltar com um novo disco e turnê?

Não só acredito como rezo para isso. Por uma série de circunstâncias nunca consegui assistir um show deles, então eles PRECISAM fazer outra tour!

Para finalizar, deixe uma mensagem para nossos leitores e leitores do Whiplash!.

"Well you can stick your nine to five livin' and your collar and your tie; And stick your moral standards 'cause it's all a dirty lie; You can stick your golden handshake and you can stick your silly rules; And all the other shit that they teach to kids in school ('Cause I ain't no fool)." Sabia que tinha este trecho na capa da primeira versão do Whiplash! que foi ao ar? :)

João, queremos te parabenizar e agradecer pelo trabalho e pela ideia fantástica que converge para termos essa fonte preciosa de informação de rock e metal. Mais uma vez, obrigado pela entrevista e torcemos muito para que o Whiplash! continue sempre crescendo e ganhando cada vez mais leitores e destaque!

Valeu muito pela força! Também espero! RS :)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Phil RuddPhil Rudd
Por que ele se recusa a fazer solos de bateria

13 acessosAC/DC: novo livro sobre Bon Scott promete chocar o mundo do Rock1010 acessosMetallica: Lars queria ver Phil Rudd tocando Enter Sandman1496 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "AC/DC"

TraduçãoTradução
O clássico Back In Black, do AC/DC

Rock in RioRock in Rio
Em 1985, a primeira noite do AC/DC e Scorpions

GibsonGibson
Escolhendo as 10 melhores bandas da Austrália

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "AC/DC"

CuriosidadesCuriosidades
As histórias por trás de 11 capas clássicas

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
"O Rio de Janeiro é uma porra duma merda!"

RockRock
As dez lendas mais macabras do gênero

5000 acessosPunk Rock: os 25 melhores discos segundo o site IGN5000 acessosJohnny Depp: a banda que poderia ter desbancado o Guns5000 acessosMegadeth: Dave Mustaine não está feliz com os improvisos de Kiko Loureiro?5000 acessosUltraje a Rigor: Roger diz que foi tratado como lixo pela equipe dos Stones5000 acessosAnimais e rockstars: você consegue identificar quem é quem?3834 acessosÁlbuns Homônimos: algumas pérolas que levam o mesmo nome da banda

Sobre Anderson Alves

Anderson Alves, nascido em 1990, é fã incondicional e apaixonado por rock and roll. O seu primeiro contato com o rock and roll foi quando conheceu o som de AC/DC, Ozzy Osbourne e Creeedence por volta do ano 2000 nos discos de vinis que encontrara em sua casa. Mais tarde conheceu a raíz do estilo, indo de Big Joe Turner, Hank Williams até Creedence e Elvis Presley. É também administrador, redator e editor de vídeos do fã site AC/DC Brasil.net, onde dedica uma parcela de seu tempo em tributo ao AC/DC e colaborador constante do site wiki brasileiro do rock e metal, Whiplash.net.

Mais matérias de Anderson Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online