Paul McCartney: músico tem seu telefone hackeado

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: ultimateclassicrock.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 05/08/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Ter o telefone hackeado se tornou a principal ira na mídia em 2011. Depois do escândalo telefônico que derrubou o News of the World (tablóide britânico), forçando-os a interromper a publicação após ser revelado que repórteres estavam invadindo os telefones celulares de celebridades e pessoas desaparecidas, Sir Paul McCartney revelou que ele também foi vítima de hackers.

159 acessosCanal Nostalgia: como os Beatles mudaram a história da música5000 acessosGuitar World: revista elege os 50 guitarristas mais rápidos

A BBC relatou que Paul levará o caso às autoridades após retornar à sua terra natal, já que atualmente ele está em turnê nos EUA. Esta notícia é uma coincidência com outro anúncio sobre sua ex-mulher Heather Mills, que acusou um jornalista do Mirror Group de invadir os voicemails que o ex-Beatle deixou para ela.

Em 2001, quando McCartney e Mills estavam namorando, eles tiveram uma briga e ele deixou uma mensagem de desculpas, enquanto ela estava na Índia. Essa mensagem foi comprometida, quando um jornalista do Mirror Group telefonou para ela sobre o seu retorno, citando a mensagem.

McCartney chamou a matéria de "uma violação terrível da privacidade". Ele revelou que quando chegar à Grã-Bretanha, ele vai investigar o assunto com a polícia. "Eu não sei muito sobre isso, porque eles não dirão a ninguém exceto à própria pessoa", disse McCartney. "Então eu conversarei com eles sobre isso".

Ele também ponderou sobre a prevalência do hacking, dizendo que: "eu acho que isso vem acontecendo há muito tempo e as pessoas sabem sobre isso". Apesar destes comentários, McCartney disse que vai esperar para ouvir o fatos antes de mais comentários.

No início desta semana, Mills acusou de invasão o jornalista que telefonou para ela. E ele respondeu: "OK, OK, sim fizemos isso, ouvimos suas mensagens de voz, eu não vou mentir".

O ex-editor do Mirror Group, Piers Morgan admite ter ouvido a mensagem em questão, de 2006. "Em um estágio, recebi uma fita de uma mensagem que Paul havia deixado para Heather em seu celular", escreveu ele. "Foi de partir o coração. O casal tinha claramente uma desavença, Heather tinha fugido para a Índia, e Paul estava implorando para que ela voltasse. Ele parecia solitário, miserável e desesperado, e até cantou 'We can work it out' no telefone".

No entanto, em resposta à reivindicaçõe de Mills sobre ter sido hackeada, Morgan respondeu: "Eu nunca invadi o telefone, não mandei ninguém hackear o telefone, e nunca fiquei sabendo de nenhuma publicação sobre a invasão de um telefone".

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Paul McCartneyPaul McCartney
O dia em que ele deu um soco na cara de Eddie Vedder

159 acessosCanal Nostalgia: como os Beatles mudaram a história da música520 acessosThe Beatles: 50 anos de uma revolução cultural2655 acessosBeatles: Sgt Peppers em super box especial para fãs brasileiros1074 acessosDave Grohl: Paul McCartney quem indicou médico que curou a perna0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

Beatles e Elvis PresleyBeatles e Elvis Presley
O dia em que eles tocaram juntos

Capas clássicasCapas clássicas
Os locais onde foram feitas nos dias de hoje

FacebookFacebook
As bandas de rock mais "curtidas"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Paul McCartney"0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"

Guitar WorldGuitar World
Os 50 guitarristas mais rápidos de todos os tempos

Os SimpsonsOs Simpsons
Bandas de Rock na versão amarela

MetallicaMetallica
Ulrich comenta os motivos da saída de Jason Newsted

5000 acessosRob Halford: "Ninguém escolhe ser Gay"5000 acessosMetal Brasileiro: 10 bandas recomendáveis fora o Sepultura5000 acessosSlash: Alucinações, sexo, dinheiro e armas de fogo no auge do vício5000 acessosLeitura progressiva5000 acessosIdeologia Rock: como não gostar de AC/DC?5000 acessosResenha - Machine Messiah - Sepultura

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online