Guns N' Roses: "banda cover de si mesma desde o RIR 2001"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Francisco Silva Júnior, Fonte: G1
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 03/10/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O portal G1 publicou uma resenha do show da banda GUNS N' ROSES no Rock In Rio. Confira abaixo um resumo da mesma.

5000 acessosGuns N' Roses: Axl Rose erra o carro, fica irritado e confuso5000 acessosRammstein: "Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!", diz Till Lindemann

A matéria começa dizendo que GUNS N' ROSES, chuva, atraso e Rio de Janeiro é uma combinação que já virou tradição e caracteriza a apresentação da banda no Rock In Rio 2011 como "pouco inspirada".

Sobre o visual do vocalista Axl Rose, o portal define sua forma como "rechonchuda" e seu figurino no início do show como "Pica Pau desce as cataratas" (o vocalista vestia uma capa de chuva amarela).

O portal comparou o estado atual da banda com seus primórdios: "o Guns N' Roses se tornou uma banda cover de si mesma desde o Rock in Rio 2001".

O portal comentou também sobre os integrantes atuais da banda, que tocaram com maestria os clássicos dos anos 80 e 1990, dizendo que neles todos "falta o carisma dos integrantes da formação clássica". O portal chama os momentos solos dos mesmos de "longos e tediosos".

Sobre o repertório do show, o site destaca que em nenhum momento o show conseguiu esquentar o público de verdade, sendo "Knocking on Heavens Door" um dos raros momentos em que houve uma interação banda-plateia.

Também foi comentada a performance de Axl Rose, que se mostrou feliz e bem-humorado, mas ficou a maior parte parado, pelo fato do palco estar muito molhado, e também teve sua vez se esvaindo à medida que o show acontecia.

A resenha se encerra destacando a música "Estranged", do álbum "User your illusion II", de 1991, como o momento mais inspirado de Axl e sua trupe.

Confira a resenha completa, que traz diversas fotos e vídeos do GUNS N' ROSES no Rock In Rio 2011, clicando aqui.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Guns N RosesGuns N' Roses
Axl Rose erra o carro, fica irritado e confuso

1945 acessosGuns N' Roses ou Raça Negra: Faça o quiz e veja se acerta1911 acessosGuns N' Roses: os 30 anos de Appetite na capa da nova Kerrang!0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

SlashSlash
"As bandas por onde passo tendem a ser complicadas"

Rock In Rio 1991Rock In Rio 1991
10 curiosidades sobre a 2ª edição do evento

Guns N RosesGuns N' Roses
Quem são os críticos citados em "Get In The Ring"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"

RammsteinRammstein
"Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!"

VídeoVídeo
Ex-rockeiro explica o real significado da mão chifrada

GuitarristasGuitarristas
E se os mestres esquecessem como se toca?

5000 acessosGuns N' Roses: transtorno bipolar, a doença de Axl Rose5000 acessosVoz: 10 músicos que cantam tão bem quanto os vocalistas de suas bandas (Parte I)5000 acessosFotos de Infância: Pantera5000 acessosTarja Turunen: entrevista da cantora na revista Playboy5000 acessosJoão Gordo: "Quem come carne diz que vegetarianismo é coisa de viado"5000 acessosGary Moore: excesso de álcool no sangue matou músico

Sobre Francisco Silva Júnior

Francisco nasceu e mora em Natal/RN. Escuta rock desde 1996, quando ouviu o disco “Dois” da Legião Urbana. A partir daí, não parou mais. Ouvia bastante Nirvana, Pearl Jam, Alice In Chains, Silverchair e outras, quando mais jovem. É engenheiro de computação e trabalha como professor do serviço público federal. Atualmente, dedica algumas horas de seu tempo como vocalista e guitarrista de uma banda. Curte todos os estilos e sub-estilos do rock e do metal, mas hoje em dia, tem preferência por jovens bandas britânicas como Oasis, Radiohead, Muse, Keane e Arctic Monkeys.

Mais matérias de Francisco Silva Júnior no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online