Lothlöryen: "deixamos as referências a Tolkien de lado"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Wesley M. Soares, Fonte: Shinigami Records
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 02/02/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Na iminência do lançamento do novo álbum “Raving Souls Society”, o Lothlöryen através do guitarrista Leko Soares concedeu uma reveladora entrevista ao site mineiro Datamundo. Na conversa, o guitarrista entre outros assuntos explicou sobre as mudanças na formação, na temática e na sonoridade da banda e fez um desafio aos que ainda comparam o Lothlöryen ao Tuatha de Danann: “Esperem até março, ouçam o novo álbum e tentem comparar as bandas”.

5000 acessosButcher Babies: Conheça o Porn Metal de ex-coelhinhas da Playboy5000 acessosLobão: show mais curto da história do Rock não pertence a ele

Confira os principais trechos:

DATA MUNDO – Sobre o novo trabalho, qual o conceito que há por trás do novo álbum do Lothlöryen?

LOTHLÖRYEN - No novo álbum decidimos deixar de lado qualquer referência as obras do Tolkien para fugirmos do lugar comum. Adotamos um tema único para o álbum e podemos dizer, por isso, que é nosso primeiro trampo conceitual. Tentamos falar nas músicas sobre as diversas manifestações que a loucura tem e como ela influencia e influenciou em episódios históricos e no cotidiano das pessoas. Daí o nome “Raving Souls Society” (Sociedade das Almas Delirantes).

DATA MUNDO – O Lothlöryen é uma banda que tem sofrido durante os últimos anos com várias mudanças na formação. Que motivos vocês atribuem a isto?

LOTHLÖRYEN - Falta de foco, perseverança. O Underground não é para muitos, é para os que acreditam e respiram a cena diariamente. Da minha turma do metal da adolescência, dá pra contar nos dedos de uma mão os que continuam na ativa, escutando metal e indo aos shows. A maioria desiste no meio do caminho e isso é igual com os músicos. Alguns entram nessa com a esperança de um dia aparecer na mídia, fazer sucesso e quando o tempo passa e eles percebem que a realidade de uma banda de Metal é muito diferente de uma banda Pop, por exemplo, a maioria acaba ficando pelo caminho. Como já dizia o refrão: “It´s a long way to the top If you wanna rock n’ Roll”

DATA MUNDO – Que mudanças o vocalista Daniel Felipe trouxe à sonoridade atual da banda?

LOTHLÖRYEN - Digamos que foi um giro de 180º na nossa sonoridade. O timbre do Daniel é muito diferente do Leo Oliveira. Eu diria que pudemos explorar mais nossas possibilidades já que o Daniel é um vocalista muitíssimo versátil. O cara é capaz de cantar com perfeição uma balada de Hard Rock e fazer vocais rasgados na música seguinte sem soar forçado. Do ponto de vista do compositor, isso é o paraíso.

DATA MUNDO – Falando em comparações, no passado a banda sofreu muito com as excessivas comparações ao Tuatha de Danann? E hoje, como está essa situação, visto que o som de vocês mudou bastante?

LOTHLÖRYEN - Somente os mais desavisados continuam comparando. O “Some Ways back no More” já é um álbum que fizemos meio que para por uma pedra sobre essas comparações pois mostrava um som muito diferente do que o Tuatha fazia na época. Para os que ainda estão em dúvida, esperem até março, ouçam o novo álbum e tentem comparar as bandas. É um desafio, rs.

Leia a matéria na íntegra acessando o link abaixo:

http://www.datamundo.com.br/entrevistas/entrevistado_2301201...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "J. R. R.Tolkien"

BurzumBurzum
A polêmica história e filosofia de Varg Vikernes

O HobbitO Hobbit
UCR lista canções relacionadas a Tolkien

RockRock
Seis bandas que se inspiraram na cultura Pop

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "J. R. R.Tolkien"0 acessosTodas as matérias sobre "Lothloryen"

Butcher BabiesButcher Babies
Conheça o Porn Metal de ex-coelhinhas da Playboy

LobãoLobão
Show mais curto da história do Rock não pertence a ele

OrtografiaOrtografia
Como deveriam realmente se chamar as bandas?

5000 acessosMetal Alemão: as 10 melhores bandas segundo o About.com5000 acessosOzzy Osbourne: os conselhos do Madman sobre masturbação5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha4542 acessosIron Maiden: Assista a introdução dos shows da nova tour5000 acessosKerry King: velho, gordo e careca? Está falando de mim, seu babaca?5000 acessosIron Maiden: Os mesmos três acordes em quarenta músicas

Sobre Wesley M. Soares

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online