Obskure: cena cearense de luto com falecimento de ex-membro

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Leonardo Daniel Tavares da Silva, Fonte: Facebook
Enviar Correções  

Faleceu ontem, 30 de julho, após uma dupla parada cardíaca o músico Mano Carlos.

Na foto abaixo, Mano está de branco.

publicidade

Mano foi baterista do OBSKURE, na formação que lançou as demos "Opressions in Obscurity" (1992) e "The Singing of Hungry" (1993), integrou a primeira banda de punk rock de Fortaleza, a REPRESSÃO X e a primeira formação da S.O.H, SIEGE OF HATE.

publicidade

A ACR (Associação Cultural Cearense do Rock) emitiu o seguinte comunicado:

"UNDERGROUND CEARENSE DE LUTO

Faleceu ontem o baterista Marcos "Mano". Mano tinha 48 anos, foi vitima de uma parada cardíaca. Iniciou os trabalhos como baterista do RAMORTES, que depois viria a se transformar na REPRESSÃO X, uma das principais referências de punk rock do Ceará, sendo a primeira banda do estado a participar de uma coletânea em vinil: "Ronda Aternativa" que reuniu nomes como TROPA SUICIDA, VIRUS 27 entre outros. Também integrou a banda de hardcore ESTADO INDIGENTE e HLV3+. Entre 1992 e 1994 fez parte do OBSKURE, deixando dois registros "Opressions in Obscurity" (1992) e "The Singing of Hungry" (1993). Participou da primeira formação do S.O.H (SIEGE OF HATE). Mano era casado, deixou dois filhos. O sepultamento ocorreu hoje às 16 horas no cemitério Parque da Saudade".

Que o vídeo abaixo sirva como uma boa homenagem de quem curte o rock feito pelas bandas locais e nacionais a quem esteve nos primeiros momentos desta cena.

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metallica: a lista de exigências da banda em 1983Metallica
A lista de exigências da banda em 1983

Zakk Wylde: foto do arsenal de guitarras do músicoZakk Wylde
Foto do arsenal de guitarras do músico


Sobre Leonardo Daniel Tavares da Silva

Daniel Tavares nasceu quando as melhores bandas estavam sobre a Terra (os anos 70), não sabe tocar nenhum instrumento (com exceção de batucar os dedos na mesa do computador ou os pés no chão) e nem sabe que a próxima nota depois do Dó é o Ré, mas é consumidor voraz de música desde quando o cão era menino. Quando adolescente, voltava a pé da escola, economizando o dinheiro para comprar fitas e gravar nelas os seus discos favoritos de metal. Aprendeu a falar inglês pra saber o que o Axl Rose dizia quando sua banda era boa. Gosta de falar dos discos que escuta e procura em seus textos apoiar a cena musical de Fortaleza, cidade onde mora. É apaixonado pela Sílvia Amora (com quem casou após levar fora dela por 13 anos) e pai do João Daniel, de 1 ano (que gosta de dormir ouvindo Iron Maiden).

Mais matérias de Leonardo Daniel Tavares da Silva no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin