Slayer: a ausência de Jeff não atrasará novo álbum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Mateus Silva, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 21/08/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Slayer passou o último ano excursionando sem Jeff Hanneman, que se recupera de um fascite necrosante, uma doença que come a carne humana, que acredita-se tenha sido contraída a partir de uma picada de aranha.

4525 acessosSlayer: Kerry King elege seus dez álbuns de metal favoritos5000 acessosCourtney Love: "Parei com drogas e transei como um coelho"

Perguntado se a ausência de Jeff tem atrasado o processo de gravação do novo álbum, Kerry King disse: "Ainda não. Nós gravamos muito pouco. Temos um pouco feito. Temos duas músicas novas feitas. Há três outras demos e algumas que precisam ser acrescentadas dos vocais e das guitarras-solo."

Hanneman está sendo substituído temporariamente na estrada por Gary Holt, guitarrista do Exodus, que foi descrito por King como "o Glenn Tipton de nossa era. Realmente bom, realmente polido e ninguém fala sobre ele. Com o 'Big Four' eu pude trazê-lo para a frente e empurrá-lo goela abaixo das pessoas e dizer: 'Ei, esse filho da puta toca muito, prestem atenção'".

Ainda não há informações sobre a volta de Hanneman aos palcos, nem previsão do lançamento do novo álbum do Slayer.

A entrevista (em inglês) pode ser vista abaixo.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 21 de agosto de 2012
Post de 22 de agosto de 2012

SlayerSlayer
Kerry King elege seus dez álbuns de metal favoritos

778 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa399 acessosTudo no Shuffle: Thrash Metal, 10 Grandes Riffs587 acessosDave Lombardo: Ele quase morreu por overdose de café? Não!0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slayer"

Max Kolesne e Dave LombardoMax Kolesne e Dave Lombardo
Bateria não pode sobrepor guitarra

Dave LombardoDave Lombardo
Dez álbuns que marcaram a vida do baterista

SlayerSlayer
"Eu perdi um grande amigo", diz Tom Araya

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"

Courtney LoveCourtney Love
"Parei com drogas e fodi como um coelho"

RoadrunnerRoadrunner
Os melhores frontmen de todos os tempos

Iron MaidenIron Maiden
A tragédia pessoal do baterista Clive Burr

5000 acessosAxl Rose: sugerindo prática oral sexual a Paul Stanley5000 acessosMetal Progressivo: os dez melhores álbuns do estilo5000 acessosLista: as dez melhores músicas para se ouvir na estrada5000 acessosStatik Majik: A coleção de vinis do baterista Luis Carlos5000 acessosSebastian Bach: a "Escola de Grito" do vocalista5000 acessosKorn: famosa capa é homenageada em seriado da Rede Globo?

Sobre Mateus Silva

Fã incondicional de Hangar e SOAD, Mateus desde que se entende por gente sempre ouviu Rock. Influenciado pelo seu irmão mais velho, guitarrista por hobby, começou ouvindo Joe Satriani. Ouve desde Nu Metal até Death Metal, e bandas como Pantera, Project46, Cavalera Conspiracy, Almah, Death, Big Four of Thrash, Dream Theater, The Beatles, Five Finger Death Punch, DevilDriver, Scars On Broadway fazem parte do seu player diário. Espera um dia tocar 10% do que Aquiles Priester toca, sua maior inspiração na bateria.

Mais matérias de Mateus Silva no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online