Matérias Mais Lidas

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemEddie aparece em versão samurai no primeiro show do Iron Maiden em 2022; veja foto

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemConfira as músicas que o Iron Maiden tocou no primeiro show de 2022

imagemRoger Daltrey revela a música "amaldiçoada" que o The Who não toca mais ao vivo

imagemDee Snider cutuca bandas com falsas aposentadorias e ingressos caros

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemJen Majura disse que sair do Evanescence não foi decisão dela e recebe apoio dos fãs

imagemO clássico do Helloween que fez Angra mudar nome original de "Running Alone"

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemSentado em cadeira de rodas, Paul Di'Anno faz primeiro show em sete anos

imagemEvanescence anuncia a saída da guitarrista Jen Majura

imagemOzzy Osbourne dá sua opinião sobre o streaming e dispara contra Spotify; "É uma piada"

imagemIron Maiden apresenta Eddie em versão samurai ao vivo; veja vídeo oficial


Stamp

Oligarquia: o mesmo Death Metal de 20 anos atrás

Por Débora Brandão
Fonte: Metal Media
Em 12/10/12

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Panda Reis e sua instituição chamada OLIGARQUIA são duas figuras fortes no cenário underground nacional, seja pelo seu pesadíssimo Death Metal da 'Velha Escola', seja pela opinião ferrenha de seu baterista, que não tem meias palavras nem 'rabo preso' com ninguém. A banda preserva esta postura desde seu nascimento em 1992 e hoje com a adição do vocalista Max Hideo, eleva cada vez mais seu inconformismo e seus ideais, mostrando que o Metal nacional tem opinião própria e atitude.

Confira uma parte da entrevista:

'Distilling Hatred' apresentou uma Oligarquia renovada, tanto na formação quanto na música. Passado um bom tempo do lançamento, o que a banda pode colher dele?

Panda Reis - Essa renovação aí citada eu diria mais na formação mesmo, pois na música estamos tocando o mesmo death metal tradicional, simples e old school de 20 anos atrás... Mas na formação e talvez desempenho, principalmente nas guitarras e vocais, são claros, pois hoje temos vocalistas e guitarristas muito melhores que nos anteriores, então até o som mais simples como o nosso, ganha um brilho a mais. Não acredito que esse CD tenha dado frutos novos dos que davam em "árvores" antigas (risos), ele apenas serviu pra mostrar pro pessoal que a Oligarquia tava na ativa como sempre, na estrada e gravando disco, que as mudanças por mais problemáticas que possam ter parecido pra quem estava de fora, foram super tranquilas pela gente, por que já eram esperadas há tempo. 'Distilling Hatred' serviu pra apresentar o Max Hideo como ótimo vocalista que é, e pra descabaçar o Guilherme na parte de composições.

Um dos aspectos mais legais de 'Distilling Hatred' é o formato de seu lançamento, em SMD, o que barateou muito o preço final para venda (R$7,00). Quando surgiu a idéia? Ela funcionou?

Panda Reis - A ideia surgiu quando estávamos buscando selos ou gravadoras para lançar o CD, e percebemos que todas as portas estavam fechadas pra gente, percebemos que a saída seria lançar de forma independente e para isso acontecer em uma banda de proletários como a nossa, teríamos que buscar a saída mais barata e profissional que tivesse no mercado, aí demos de cara com o "Ralph" (risos)! E sua tecnologia em SMD era perfeita pra nós naquele momento, juntamos com alguns amigos (Poluição Sonora Recs) e conseguimos fundos de nossos poucos apoiadores e o lançamos. Adoro a capa feita pelo meu amigo Felipe (Unearthly), ele entendeu perfeitamente o que eu estava falando... Esse disco merecia uma maior distribuição, uma tiragem maior, ele já está fora de catálogo a meses, em menos de um ano de lançado ele já "não existia" mais... Mas funcionou pra caraio, pois atingimos quem a gente queria, aquelas mesmas mil pessoas que acompanham a banda, nem me importei muito com outros meios e pessoas que não os headbangers e underground que acompanham a banda, são por isso que ele ta on line pra ser baixado desde depois de dois ou três meses após seu lançamento, e teve gente chamando a gente de louco, por que com essa atitude disseram que encalharíamos os CDs. Como tem gente idiota na cena... O CD esgotou-se ao mesmo tempo em que os downloads aumentaram! (risos)

Para ler a entrevista completa, por favor, visite:
http://metalmedia.com.br/newspress_br/?p=10812
http://soundcloud.com/metalmedia/oligarquia-consumed-by-greed

Contato para shows e merchandise: [email protected]
Sites Relacionados:
www.oligarquiadeath.com.br
www.facebook.com/oligarquiadeath
www.myspace.com/oligarquiadeath
www.metalmedia.com.br/oligarquia
Fonte: Metal Media

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Débora Brandão

Responsável pela Metal Media Management, cresceu ouvindo clássicos do Rock n' Roll e Heavy Metal por influência de seus pais. Em 2007 iniciou sua carreira na área da música trabalhando em uma gravadora nacional e fundando uma assessoria de comunicação voltada a bandas de Rock/Metal. Hoje, com grandes nomes no Roster, a Metal Media é uma das empresas que mais apoia e acredita no Metal Nacional.

Mais matérias de Débora Brandão.