Dan Spitz: a vida complicada do pai de filhos gêmeos autistas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 


1829 acessosManowar, Joan Jett e outros: gravando Rap antes do New Metal?5000 acessosAve, Satan!: As dez melhores músicas sobre o Inferno

O ex-guitarrista do ANTHRAX, DAN SPITZ, afirma que sua vida doméstica é um inferno – porque é uma luta diária ser pai de gêmeos autistas.

Essa é a inspiração por trás de sua nova banda, o RED LAMB, e seu disco de estreia [de 2012], que ele co-escreveu com DAVE MUSTAINE do Megadeth.

E enquanto apenas uma faixa, ‘Puzzle Box’ fala diretamente sobre o autismo, o disco inteiro é sobre os desafios que a condição apresenta diariamente.

Spitz – que está no meio de uma turnê pelos EUA chamada ‘Anarchy For Austism’ disse ao site Metal Assault: “Você sente minha dor em todas as outras músicas porque ela transcende seja lá pra qual assunto possa ser que eu e Dave escrevemos a respeito. É tudo parte de mim. O momento em que eu estava quando compus esse álbum não era bom.”

“Minha vida cotidiana é um inferno. Ficamos presos em nossa casa a maior parte do tempo, como presidiários. Há correntes em nossas portas. Quando nossos filhos saem de casa, eles não sabem o nome deles – eles não conseguem simplesmente sair pra entrar no carro.

Ele podem literalmente ter o que chamamos de colapsos. O filho de alguém pode ter um ataque de birra, mas nos nossos é mais sério, e pode acontecer com qualquer mudança no padrão de vida cotidiana deles. O padrão tem que ser exatamente o mesmo. Para colocar eles no carro é uma grande transição, ao ponto que eles podem literalmente se jogar no chão da garagem e tentarem se machucar. Eles não suportam isso.”

Saídas simples para fazer compras tornam-se dramáticas quando os jovens Brendan e Jaden estão envolvidos. Spitz revela: “Chamam a polícia, e muitas vezes acham que estamos tentando bater em nossos filhos ou algo assim. Tem que se explicar ao policial que eles tem autismo.”

“Dave já se hospedou em minha casa e ele já lidou com nossos filhos, então ele sabe a dor que eu vivo. Ele sabe do que se trata. Ele entendeu que o meu tempo pode ser pausado a qualquer momento quando há um desastre em casa que eu preciso cuidar, e isso vem em primeiro lugar.”

“Outros produtores podem não ter entendido isso porque eles não entendem o mundo do autismo. Meu mundo opera de modo diferente. Então Dave teve um papel muito importante em captar o sentimento e a raiva que eu sinto por dentro, pra por pra fora”.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

5000 acessosTom Araya: ensinando filhos a ouvir Metal5000 acessosGene Simmons: "Não deixarei meus filhos ricos"5000 acessosKiss: Os conselhos de Gene Simmons para empresários e pais5000 acessosAlice Cooper: cantor fala sobre a dureza de ser pai2277 acessosPublicidade: os verdadeiros pais da música5000 acessosDia dos Pais: músicos em homenagem aos seus filhos5000 acessosRockstars: filhos de roqueiros seguindo os passos dos pais5000 acessosBeatles: os filhos (quase clones) dos Fab Four5000 acessosPapai Truezão: astros do Heavy Metal em fotos com seus filhos5000 acessosLars Ulrich: baterista ensinou seus filhos a ouvir Metal2347 acessosFor Dads About To Rock: Matérias sobre filhos de Rockstars5000 acessosKeith Richards: Guia para pais responsáveis5000 acessosQOTSA: O que Josh Homme faz quando seus filhos querem ouvir One Direction?5000 acessosKiss: foto histórica com as mães e os pais em 19763555 acessosPaul Di'Anno: ele parou com as drogas por causa dos filhos5000 acessosIggor Cavalera: Ele cria os cinco filhos para serem amigos e companheiros

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 10 de abril de 2013

Manowar, Joan Jett e outrosManowar, Joan Jett e outros
Gravando Rap antes do New Metal?

2065 acessosLoudwire: as 10 melhores bandas americanas de Metal0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Anthrax"

Dan SpitzDan Spitz
A vida complicada do pai de filhos gêmeos autistas

MetallicaMetallica
Scott Ian conta o dia em que Mustaine foi expulso

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Joey Belladonna e Jackie Chan

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Anthrax"0 acessosTodas as matérias sobre "Red Lamb"

Ave, Satan!Ave, Satan!
As dez melhores músicas sobre o Inferno

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1992

Heavy MetalHeavy Metal
Os 11 melhores álbuns dos anos 2000 segundo o Loudwire

5000 acessosNuno Bettencourt: Rihanna canta muito, mas ele não quer mais tocar com ela5000 acessosSteve Vai: as 10 melhores faixas de guitarra na opinião dele5000 acessosHard Rock: as 25 melhores músicas acústicas do gênero5000 acessosIron Maiden: veja a banda como você não gostaria de vê-la3632 acessosMotorhead: Lemmy Kilmister em impensável versão minion5000 acessosMetallica: os riffs reaproveitados do Exodus

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online