Mick Jagger: 'Ser cantor de rock não exige muita inteligência'

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 28/06/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

MICK JAGGER afirmou que ser um cantor é “meio pouco exigente intelectualmente” e que considerou tornar-se professor.

3 acessosEm 26/07/1943: nascia Mick Jagger5000 acessosGibson: as dez melhores composições épicas do rock

Em uma entrevista com John Humpfrys da BBC Radio 4, Jagger, que encerra o festival de Glastonbury na noite desse sábado, dia 29 de junho com os ROLLING STONES, disse que ele está feliz com o que ele conseguiu ao longo dos anos sendo músico, mas que queria ter feito mais de sua vida.

Jagger, que foi aluno da London School Of Economics quando os Stones ainda começavam,disse ao programa Today que ele poderia ter sido dançarino, não fossem as lesões. Ele emendou: “Todas essas coisas que você pensa quando é um adolescente, que você consegue pensar, bem, eu teria gostado de fazê-las, mas não haveria finalidade alguma. Eu não me sinto frustrado por falta de controle de modo algum e estou muito feliz com o que fiz.”

“Claro que você gostaria de ter feito, todo mundo quer fazer mais de sua vida. Mas é algo meio pouco intelectualmente exigente ser um cantor de rock, você sabe, você faz o melhor que pode.”

Tanto o pai de Jagger, Basil Fanshawe como seu avô, David Ernest Jagger eram professores, levando ele a declarar que ele poderia ter tentado seguir a profissão. Disse ele: “Ser um professor teria sido muito gratificante. Há milhões de coisas que eu adoraria ter feito, político, jornalista – eu pensei em ser jornalista certa vez.”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

3 acessosEm 26/07/1943: nascia Mick Jagger3 acessosEm 26/07/1943: nascia Mick Jagger275 acessosRolling Stones: novo DVD sai em setembro583 acessosRolling Stones: banda planeja 1° disco de inéditas desde 2005790 acessosMick Jagger: divulgada a capa do novo single "Gotta Get A Grip"1545 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Rolling Stones"

Ultimate Classic RockUltimate Classic Rock
Nomes originais de álbuns clássicos

GuitarristasGuitarristas
Time Magazine elege os 10 maiores de todos os tempos

Rolling StonesRolling Stones
Keith Richards "cheirou" cinzas do pai com cocaína?

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Rolling Stones"

GibsonGibson
As dez melhores composições épicas do rock

Black SabbathBlack Sabbath
Tony Iommi explica o segredo para tocar "Paranoid"

R.E.M.R.E.M.
Banda é dona da faixa que mais faz homem chorar

5000 acessosNotas altas: as dez mais impressionantes do Heavy Metal5000 acessosIron Maiden: a música "Wasting Love" é um Plágio?5000 acessosMini Iron Maiden: tocando "Ghost Of The Navigator" na escola5000 acessosVan do Halen: as ladainhas preferidas dos "roqueiros"5000 acessosMetallica: Hetfield elege as suas dez músicas favoritas4006 acessosDinho Ouro Preto: A Dilma me incomodava, mas o impeachment me incomoda também

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online