Paul McCartney: tendo que pagar para tocar "Hey Jude"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Doctor Robert, Fonte: BOL Notícias
Enviar Correções  

Justiça seja feita! Enfim!

De acordo com notícia veiculada pelo site BOL Notícias, sir Paul McCartney vai tentar recuperar os direitos das músicas dos Beatles, comprados por Michael Jackson e pela Sony Music. Jackson teria gasto US$ 47,5 milhões para adquirir os direitos de 160 a 260 canções dos Beatles, incluindo "Yesterday" e "Let It Be" em 1985 e, alguns anos depois, vendeu para a Sony por US$ 95 milhões metade dos direitos das músicas, segundo o site Daily Mail.

Rock Nation: rádio elege "melhor do Hard Rock dos 80s"

50 a menos: Cientistas descobrem que o Número da Besta é 616

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O ex-beatle vai se fazer valer de uma lei norte-americana, que prevê que músicas feitas antes de 1978 tornam-se propriedade do autor após 56 anos. Assim, no prazo de cinco anos, McCartney pleiteará os direitos autorais e receber os lucros sobre execuções e gravações de suas músicas, algo que vem importunando-o há tempos. Em entrevista ao Daily Mail, McCartney teria dito anos atrás: "O que irrita é que eu tenho que pagar para tocar algumas de minhas próprias músicas. Toda vez que tenho que tocar 'Hey Jude' tenho que pagar."

Para ler a matéria completa, é só clicar no link:
http://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/entretenimen...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rock Nation: rádio elege melhor do Hard Rock dos 80sRock Nation
Rádio elege "melhor do Hard Rock dos 80s"

50 a menos: Cientistas descobrem que o Número da Besta é 61650 a menos
Cientistas descobrem que o Número da Besta é 616


Sobre Doctor Robert

Conheceu o rock and roll ao ouvir pela primeira vez Bohemian Rhapsody, lá pelos idos de 1981/82, quando ainda pegava os discos de suas irmãs para ouvir escondido em uma vitrolinha monofônica azul. Quando o Kiss veio ao Brasil em 1983, queria ser Gene Simmons e, algum depois, ao ver o clipe de Jump na TV, queria ser Eddie Van Halen. Hoje é apenas um bom fã de rock, que ouve qualquer coisa que se encaixe entre Beatles e Sepultura, ama sua esposa e juntos têm um cãozinho chamado Bono.

Mais matérias de Doctor Robert no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280