Kirk Hammett: "Nossa música continuará depois que morrermos"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar Correções  

O guitarrista do METALLICA, KIRK HAMMETT, fala de seu recentemente realizado festival de filmes de horror – o FEAR FESTEVIL – para a edição inglesa da revista METAL HAMMER, em matéria que é capa desse mês.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na longa entrevista, Kirk comentou:

"O lance todo com [o pianista com o qual a banda se apresentou no Grammy] LANG LANG veio à tona em apenas uma semana, tipo, ‘OK, fomos convidados para tocar no Grammy com um pianista clássico, aqui está a faixa, vocês querem fazer isso? ’ E nós dissemos, ‘Claro! ’, apesar de sermos apenas uma pequena banda de thrash metal de São Francisco. Talvez na minha cabeça. Eu acho que queremos nos considerar como uma pequena banda de thrash de SF. Claro, há situações e estratégias empresariais e tudo mais que usamos para nos tornarmos maiores, mas no frigir dos ovos, o que importa é a música. Quando estivermos mortos, a música vai seguir viva, e isso será nosso legado, e não lotar quatro estádios seguidos na Suécia ou tocar com Lang Lang no Grammy. Vai ser alguém descobrindo ‘Disposable Heroes’ em 2086 e pensando ‘Isso é uma parada muito boa, de que ano é? 1986, wow! ’".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Capas de disco: como seriam se fossem gifs animadosCapas de disco
Como seriam se fossem gifs animados

Metal contra o câncer: festival aceita cabelo como ingressoMetal contra o câncer
Festival aceita "cabelo" como ingresso


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Goo336 Goo336