Santana: para ele, rapper Pitbull é o novo Queen ou Stones

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Leonardo Daniel Tavares da Silva, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

SANTANA perdeu a cabeça?

Carlos SANTANA está gostando muito de PITBULL depois que o rapper contribuiu em uma nova versão para a clássica 'Oye Como Va', para um novo álbum chamado "Corazon" e repleto de convidados. Na verdade, SANTANA acredita que Pitbull é "como o novo QUEEN ou os ROLLING STONES de hoje".


O rapper está certamente ajudando Santana a vender um número grande de álbuns. "Corazon", concebido como uma versão latina de "Supernatural", sucesso de 1999, estreou no Top 10 da Billboard desta semana, apesar de ter demorado "um pouco" para concluir a faixa.

"Estou muito grato a ele porque eu acho que ele tentou fazê-lo por cerca de 20 vezes", conta Santana à ABC News Radio. "Eu me sinto tão grato que ele tenha investido tal diligência e vontade de fazer isso. Tudo o que ele faz torna-se como o intervalo no Super Bowl, ou da NBA. Ele é como o novo QUEEN e os ROLLING STONES de hoje, porque cada vez que você quer encher de equipe o seu time, você bota a música pra tocar, sabe? Então é isso que Pitbull é: ele é, tipo, o cara da energia da arena".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Santana"Todas as matérias sobre "Queen"Todas as matérias sobre "Rolling Stones"


Entrevistas: Coices e tretas entre artista e entrevistadorEntrevistas
Coices e tretas entre artista e entrevistador

Queen: May diz que Freddie Mercury era um pé no saco com alguns fãsQueen
May diz que Freddie Mercury era um pé no saco com alguns fãs


Fotos de Infância: Skid RowFotos de Infância
Skid Row

Álbuns: Mike Portnoy revela os seus 10 favoritosÁlbuns
Mike Portnoy revela os seus 10 favoritos


Sobre Leonardo Daniel Tavares da Silva

Daniel Tavares nasceu quando as melhores bandas estavam sobre a Terra (os anos 70), não sabe tocar nenhum instrumento (com exceção de batucar os dedos na mesa do computador ou os pés no chão) e nem sabe que a próxima nota depois do Dó é o Ré, mas é consumidor voraz de música desde quando o cão era menino. Quando adolescente, voltava a pé da escola, economizando o dinheiro para comprar fitas e gravar nelas os seus discos favoritos de metal. Aprendeu a falar inglês pra saber o que o Axl Rose dizia quando sua banda era boa. Gosta de falar dos discos que escuta e procura em seus textos apoiar a cena musical de Fortaleza, cidade onde mora. É apaixonado pela Sílvia Amora (com quem casou após levar fora dela por 13 anos) e pai do João Daniel, de 1 ano (que gosta de dormir ouvindo Iron Maiden).

Mais matérias de Leonardo Daniel Tavares da Silva no Whiplash.Net.

adGooILQ