Rob Halford: ele acha que nunca mais vai estar 1.000 por cento

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Brave Words & Bloody Knuckles, Tradução
Enviar Correções  

Bryan Reesman do Grammy.com recentemente falou com os membros do JUDAS PRIEST, Rob Watford, Glenn Lipton e Richie Faulkner sobre o "Redeemer Of Souls", o 17º álbum de estúdio do grupo e o primeiro em seis anos, com lançamento previsto para a semana que vem. Estão disponíveis alguns trechos dessa conversa.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Grammy.com: Esse novo álbum tem um sentimento bem maniqueísta, com metade das músicas sendo bem rasgadas e a outra metade soando bem épica. Foi intencional?

Faulkner: "Eu acho que a única coisa que foi intencional é que queríamos fazer o que a banda está fazendo há 40 anos, o que é não ter conceito ou regras, e se ele tem um som bom, nós seguimos com ele. Seja um som épico ou mais direto."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Grammy.com: Este é o primeiro álbum de Richie Faulkner com o PRIEST. Como ficou a dinâmica de composição dessa vez?

Tipton: "Foi ótimo. Richie foi jogado bem no final. O primeiro show que fizemos foi ‘American Idol’ [2011], em frente a 30 milhões de pessoas, então fomos para um massivo festival na Europa, foram vários desafios iniciais no lado ao vivo das coisas. Ele passou por tudo com louvor, mas nós nunca soubemos como seria o lado da composição. E foi como se sempre estivéssemos juntos. Foi algo bem natural.... Ele colocou sua própria marca na música. Isso é algo memorável."

Grammy.com: Como você está se sentindo ultimamente Rob? Eu lembro de você em uma cadeira de rodas no ano passado, quando estavam promovendo o DVD "Epitaph".

Halford: "Foi um pequeno problema. Eu operei as costas. Está tudo bem agora. Não estou 1.000 por cento, mas acho que nunca mais vou estar lá, bem francamente. Neste ponto, quem está? Eu entrei na faca gritando de dor e acordei bem. Eu acho que quando você está lidando com desafios físicos, isso realmente realça sua personalidade e o que você quer da vida. Eu só queria voltar ao meu trabalho como vocalista e estar liderando uma banda de metal o mais rápido possível."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Linkin Park: 20 coisas que você não sabe sobre a bandaLinkin Park
20 coisas que você não sabe sobre a banda

Suzi Quatro: a importância da linda baixista para o rockSuzi Quatro
A importância da linda baixista para o rock


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Goo336 Cli336 Goo728 Goo336