Kiss: Paul Stanley defende uso dos personagens por novos membros

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

O frontman do KISS, Paul Sanley, defendeu a decisão de ter os atuais membros do KISS, Tommy Thayer e Eric Singer, vestidos como Peter Criss e Ace Frehley, respectivamente como "Spaceman" e "Catman", explicando que os 4 membros originais do KISS "vão continuar" mesmo após Stanley não estar mais por aí.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Durante uma aparição no "The Joe Rogan Experience", Stanley reiterou sua crença de que foi um erro tentar introduzir novos personagens na banda (em uma rápida encarnação dos anos 1980. O guitarrista Vinnie Vincent era o Ankh Warrior e o falecido Eric Carr era o Fox). Ele disse: "Eu acho que nós nos perdemos logo que substituímos Peter e decidimos que precisaríamos de um novo personagem. E o problema com esse tipo de coisa é que começou a se tornar algo – de forma interessante, eu acho – dissimulado. Parecia ser algo falso, parecia quase um zoológico. Quero dizer, nós tínhamos uma raposa, um guerreiro egípcio. De repente poderíamos ter o rapaz tartaruga e o homem sapo. Então, eu acho que assim que trouxemos Ace e Peter de volta para a turnê de reunião, que eu esperava que fosse durar para sempre... Em outras palavras, eu esperava que todos fossem se juntar e todos percebessem seus erros e que nós pudéssemos continuar juntos para sempre. Mas quando isso não aconteceu, eu achei, você sabe, que nós realmente construímos essas quatro imagens. E, indiscutivelmente, nós podemos ir para qualquer lugar no mundo e as pessoas sabem quem é o KISS, independente de saberem ou não quem são essas pessoas. Então nós tivemos que desistir daquilo, porque achamos que esses caras não eram mais capazes ou não queriam dar cem por cento, e então, quem perde? Os fãs. Não, essas são as imagens que vão continuar quando eu nem mesmo eu estiver mais aqui."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Alguns meses atrás, Stanley disse à Rolling Stone que parte da razão para os novos personagens do KISS não funcionarem é que as pessoas "não compram isso. Perdeu a credibilidade." Ele adicionou: "Nós vimos um declínio começar gradualmente, mas nós rapidamente saímos da beira desse abismo. Voltamos a fazer múltiplas noites em uma arena na próxima turnê, não conseguir lotar um teatro é difícil."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metallica: Segundo James Hetfield, Lars Ulrich tocava horrivelmente mal, mas era ricoMetallica
Segundo James Hetfield, Lars Ulrich tocava horrivelmente mal, mas era rico

Metallica: A reação de James a famosos usando camisetas da bandaMetallica
A reação de James a famosos usando camisetas da banda


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Cli336 Goo336 Goo336