Mike Portnoy: Ele não se importa mais em ser comparado ao Dream Theater

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Paulo Doc, Fonte: Team Rock, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 03/11/16. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Em matéria de Christina O'Neill no site Team Rock, Mike Portnoy admitiu que se sentiu “relutante” em relação ao vindouro álbum duplo Similitude Of A Dream, da THE NEAL MORSE BAND, após o álbum conceitual The Astonishing do DREAM THEATER.

1140 acessosMike Portnoy: já se conformou que sempre vão perguntar sobre o DT5000 acessosRolling Stone: as 10 melhores bandas de Heavy Metal

Inspirado no conto “O Peregrino”, escrito no século XVII por John Bunyan, o álbum será lançado em 12 de Novembro – e tem sido descrito como “uma obra-prima instantânea” pelo baterista.

Entretanto, Portnoy afirmou que inicialmente esteve temeroso com possíveis acusações de que teria copiado sua antiga banda, que lançou o álbum duplo The Astonishing no início do ano.

Ao site Metal Wani, Portnoy disse: “Tenho que admitir que estive realmente resistente à ideia de fazer um álbum duplo com Neal Morse porque tive medo das inevitáveis comparações com o último trabalho do DREAM THEATER.

“Como eles lançaram um álbum conceitual duplo, estive realmente resistente e relutante à nossa ideia de fazer o mesmo. E eu contestei os caras de forma dura no estúdio enquanto criávamos este disco, desesperadamente tentando mantê-lo como um álbum simples apenas porque eu já podia imaginar as comparações e não queria seguir este caminho.

Eu não queria ser comparado e não queria que ninguém pensasse que estávamos roubando a ideia deles, o que obviamente não era o caso. Então realmente bati de frente com os caras. Mas em algum ponto do processo de composição e gravação, sabíamos que ele deveria mesmo ser duplo. Então finalmente desisti de contestar e deixei o álbum ser o que ele precisava ser.”

Portnoy completa: “Em um primeiro momento tive bastante medo e estive muito hesitante em relação às comparações, mas agora eu meio que quero que eles sejam comparados, porque estou muito orgulhoso do trabalho”.

“Eu realmente sinto que nosso álbum tão especial que deixei de me importar com essa comparação. Acho que o que fizemos é absolutamente o melhor do melhor, então me sinto orgulhoso e acho que ele pode resistir a tudo”.

A THE NEAL MORSE BAND disponibilizou as faixas “Long Day”, “Overture” e “City of Destruction” do álbum ao longo das últimas semanas. Eles entrarão em turnê em Janeiro pela América do Norte para promovê-lo.

Comente: Como você acha que o trabalho atual de Portnoy se compara a seus anos de Dream Theater?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Mike PortnoyMike Portnoy
Já se conformou que sempre vão perguntar sobre o Dream Theater

1468 acessosDream Theater: Portnoy se recusa a falar sobre fase atual da banda677 acessosDream Theater: Entrevista com o tecladista Jordan Rudess0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Dream Theater"

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1992

MetallicaMetallica
Lars é um bom baterista? Mike Portnoy explica

James LaBrieJames LaBrie
Mike Mangini é o melhor do planeta

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Dream Theater"0 acessosTodas as matérias sobre "Mike Portnoy"


Rolling StoneRolling Stone
As 10 melhores bandas de Heavy Metal

Pink FloydPink Floyd
As brincadeiras e enigmas nas capas dos álbuns

SlipknotSlipknot
Demônio avistado em fogo durante show?

5000 acessosLemmy Kilmister: A opinião da lenda sobre Sharon Osbourne e Iron Maiden5000 acessosGuns N' Roses: A crítica de Portnoy ao trabalho de Matt Sorum5000 acessosDrogas e Álcool: protagonistas nos piores shows de grandes astros4003 acessosMetallica: cover de "Nothing Else Matters" por banda caipira5000 acessosSepultura: filmagem de 1995 com tribo Xavante5000 acessosAnthrax: gravadora não deixou que Corey Taylor fosse vocalista

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 03 de novembro de 2016


Sobre Paulo Doc

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online