Jesse Navarro: "Banger de direita transforma o movimento em lixo; mas reciclável".

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Willba Dissidente, Fonte: Diário do Centro do Mundo
Enviar correções  |  Ver Acessos

"JUDAS PRIEST, AC/DC, TWISTED SISTER, MÖTLEY CRÜE e MERCYFUL FATE são exemplos que fizeram a elite conservadora arrancar os cabelos e não medir esforços para censurá-los", disse o jornalista Jesse Navarro (que foi da Abril, Band, Rede TV e hoje apresenta o canal Odyssey no Youtube), citando uma declaração do colega Bruno Silvestre no site WikiMetal. A conclusão de Navarro é que "dentro do espírito de contestação que o Rock and Roll representa, era para o metaleiro ser, por natureza, no mínimo alguém contra o estabilshment", mas não é exatamente isso que tem acontecido.

Black Metal: banda brasileira fez clipe mais bizarro do universoHeavy Metal: nove ótimas músicas suaves do gênero

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em artigo intitulado "Quem é mais alienado: o pobre de direita ou o metaleiro de direita?" publicado em 31/05/2017 no portal Diário do Centro do Mundo, o jornalista sustenta que "headbanger alienado de direita no Brasil transforma o movimento em lixo, mas um lixo reciclável, ou seja, o cara pode abrir a mente se entender que o gênero, em sua raiz, é um movimento de protesto contra a sociedade conservadora".

No sábado 13 de maio, o jornalista acompanhou a marcha Anti-Fascista de São Paulo e notou um antagonismo quando o movimento passou em frente à Galeria do Rock. Enquanto gente em frente ao referido Templo do Metal na avenida São João dava jóias à manifestação, outros diziam ser uma pena ver Headbangers com camisetas do Che Guevara, Fidel Castro etc. Haviam muitos punks, LGBTT's e headbangers no protesto que começaram a gritar "caiam na real, o Metal não é fascista" em resposta aos frequentadores da Galeria do Rock que xingavam à marcha. Tudo tão contraditório quanto Phil Anselmo, Dave Mustaine e Tom Araya se dizerem conservadores.

"Nunca se esqueçam que o rock nasceu do blues, dos negros, é som de negro. Pode existir White Metal fascista, bandas que defendem a Klu Klux Klan, mas esses caras estão viajando na maionese, usando muita droga estragada e estragando um movimento que nasceu para ser de esquerda", conclui Navarro sem dar resposta à pergunta que intitula o artigo.

Com agradecimentos a Dimitri Brandi de Abreu.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Notícias

Black Metal: banda brasileira fez clipe mais bizarro do universoBlack Metal
Banda brasileira fez clipe mais bizarro do universo

Heavy Metal: nove ótimas músicas suaves do gêneroHeavy Metal
Nove ótimas músicas suaves do gênero


Sobre Willba Dissidente

Willba Dissidente é fã das bandas de hard rock dos anos 70 e 80 e de metal oitentista dos mais variados países. Quem quiser saber mais deve acessar seu canal no youtube. Obrigado! Stay Hard (True As Steel)!

Mais matérias de Willba Dissidente no Whiplash.Net.

adGoo336