Matérias Mais Lidas

Legião Urbana: por que Renato Russo proibia risada no palco, segundo tecladistaLegião Urbana: por que Renato Russo proibia risada no palco, segundo tecladista

Iron Maiden: em 1993, o inconformado Nicko McBrain fritava Bruce Dickinson em entrevistaIron Maiden: em 1993, o inconformado Nicko McBrain fritava Bruce Dickinson em entrevista

Júnior Bass Groovador: desabafando após internauta dizer que sente nojo de suas caretasJúnior Bass Groovador: desabafando após internauta dizer que sente nojo de suas caretas

Metal sinfônico: os 25 melhores álbuns do estilo, em lista da Metal HammerMetal sinfônico: os 25 melhores álbuns do estilo, em lista da Metal Hammer

Boate Kiss: Juiz cita Lemmy e Jimi Hendrix durante julgamentoBoate Kiss: Juiz cita Lemmy e Jimi Hendrix durante julgamento

Tim Ripper Owens: ele manda a real ao contar por que não pode ficar só em uma bandaTim Ripper Owens: ele manda a real ao contar por que não pode ficar só em uma banda

Iron Maiden: as únicas cinco músicas da banda que terminam com fade outIron Maiden: as únicas cinco músicas da banda que terminam com fade out

Metallica: Como eles ficarão putos se são bilionários?, diz líder do DestructionMetallica: "Como eles ficarão putos se são bilionários?", diz líder do Destruction

Black Sabbath: Bill Ward ainda é amigo dos outros integrantes originais?Black Sabbath: Bill Ward ainda é amigo dos outros integrantes originais?

Anthrax: Frank Bello elogia Jason Newsted, mas sentiu pena dele no MetallicaAnthrax: Frank Bello elogia Jason Newsted, mas sentiu pena dele no Metallica

John Lennon: Suas 9 maiores músicas, segundo a Ultimate GuitarJohn Lennon: Suas 9 maiores músicas, segundo a Ultimate Guitar

Black Sabbath: Bill Ward sabia que primeiro álbum da banda causaria alguns problemasBlack Sabbath: Bill Ward sabia que primeiro álbum da banda "causaria alguns problemas"

Galeria do Rock: Fernanda Lira, do Crypta, passei pelo lendário lugar e conta históriasGaleria do Rock: Fernanda Lira, do Crypta, passei pelo lendário lugar e conta histórias

Heavy metal: 10 álbuns que os fãs amam odiar, em lista do canal Ruthless MetalHeavy metal: 10 álbuns que os fãs amam odiar, em lista do canal Ruthless Metal

Nergal: líder do Behemoth feliz com solo; Maiden, Slayer e Venom, faltou o MetallicaNergal: líder do Behemoth feliz com solo; "Maiden, Slayer e Venom, faltou o Metallica"


WhatsApp
Garimpeiro

Michale Graves: cantor divulga comunicado após shows cancelados no Brasil

Por Igor Miranda
Fonte: Instagram
Em 27/06/19

O vocalista Michale Graves, ex-Misfits, divulgou um comunicado nas redes sociais para tratar do recente cancelamento de seus shows no Brasil. A produtora Venus Concerts acusou o cantor de ter "fugido" do país e retornado aos Estados Unidos antes da conclusão da turnê, sem comunicar a empresa responsável pelos eventos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Antes do incidente relatado pela produtora, Michale Graves fez seis shows no Brasil, nas cidades de São José dos Campos, Paranaguá, Curitiba, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo - este último, no sábado (22). As datas canceladas aconteceria em Limeira (23/6), Brasília (25/6), Florianópolis (26/6), Caxias do Sul (27/6), Fortaleza (29/6) e Recife (30/6).

Michale Graves: Cancelados últimos shows da tour BrasileiraMichale Graves
Cancelados últimos shows da tour Brasileira

Rumores apontaram, ainda, que Michale Graves teria deixado o Brasil para passar alguns dias em um resort nos Estados Unidos, chamado Sunny Hill, com o qual o próprio vocalista disse ter uma "profunda conexão" em entrevista ao Ammoland, em 2018 Uma das filhas de Michale, Olivia, comentou em uma publicação nas redes sociais: "Muito obrigada, Arturo e o resto da banda, por fazer o papai vir ao Sunny Hill".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Leia, abaixo, o comunicado de Michale Graves na íntegra:

"Primeiro, gostaria de agradecer aos amigos e fãs na América Latina que fizeram essa turnê ser tão incrível. Noite após noite, vocês vieram em massa e nos comoveram com seu entusiasmo, alegria e apoio. Aos territórios que não visitamos nessa turnê, prometemos fazer de tudo para chegar a vocês em 2020.

Sou obrigado a me dirigir às acusações caluniosas que divulgaram contra mim e minha equipe na conclusão da turnê latino-americana.

Após cuidadosa deliberação minha e de meu time, sentimos que era interessante para mim e para quem estava comigo a conclusão após o show em São Paulo, devido às minhas dificuldades física e mental que ficaram perigosamente dominantes. Essas dificuldades, foram o resultado direto daquela que é, até hoje, a situação mais incompetente, antiprofissional, imprudente e negligente pela qual passei em quase 25 anos na indústria musical.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A turnê inteira foi supervisionada e planejada por uma chamada agência e um indivíduo que deveria ser nosso tour manager, mas tinha zero experiência profissional e ainda menos senso comum. Junto do que vi e, em minha opinião, um problema de abuso de substâncias e uma completa falta de know-how e cuidado como resultados da minha falta de habilidade de gerenciar de forma apropriada causaram um completo colapso entre esse grupo e nosso time.

Fiquei horrorizado e envergonhado logo de cara, por exemplo, porque esse jovem que deveria estar me representando dificilmente conseguia manter os olhos abertos em seu rosto terrivelmente inchado nos balcões de atendimento das agências aéreas e tinha ainda mais problemas para manter suas calças na cintura enquanto se arrastava. Ele sempre estava desgrenhado e inseguro. Fui ignorado e não fui atendido pela representação dessa falsa agência.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Nosso cronograma sempre era um jogo de adivinhação. Nós recebíamos detalhes importantes às vezes apenas algumas horas antes de acontecer. Recebemos um tour book que nos admitiram ser impreciso e desconfiável. Nossas acomodações muitas vezes não eram adequadas e, mais vezes do que não, terrivelmente desconfortáveis, no melhor.

Nos prometeram um profissional de som, mas não o tivemos. A situação de som no palco era atroz e, apesar das tentativas constantes de lidar com isso, nunca melhorou. Não consegui me ouvir cantar por 95% dessa turnê. Noite após noite, eu fui no instinto, experiência e know-how. Depois de ser treinado por um dos principais técnicos vocais da indústria e duas décadas seguidas sem 'perder minha voz' em qualquer banda, bastaram duas semanas deste pesadelo de turnê para me derrotar tanto física e emocionalmente, a ponto da minha voz finalmente desistiu. Meu corpo e minha mente também.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Dia após dia, noite após noite éramos levados a viajar em ônibus e aviões com 3 ou 4 horas de sono, sendo continuamente forçados a sair do palco e nos preparar para ir até a próxima cidade apenas algumas horas depois. Dia após dia após dia isso persistiu. Rapidamente, toda a equipe e eu, especialmente, começamos a sofrer os efeitos da fadiga diretamente causada ​​por isso.

Nenhum dos nossos shows foi levado a sério. Nenhuma das nossas preocupações foi trabalhada ou não, apesar das minhas tentativas contínuas. As coisas se deterioraram muito rapidamente. Em uma semana, um vírus infectou o grupo, especialmente a mim e ao nosso baterista. Comecei a ficar com febre e com meu corpo repleto de dor, exibindo sinais claros de exaustão, desidratação e problemas com a altitude, mas tive que não apenas me apresentar como também viajar para a próxima cidade com 3 horas e meia de sono no auge da doença. O cronograma persistiu por dias como esse durante esse período. Eu estava recebendo oxigênio de médicos entre os shows para me ajudar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar de nossas preocupações e as questões que estão sendo levantadas por mim e por aqueles que me representam sobre minha saúde física e mental, que também começou a se deteriorar, nada foi feito. Nenhum ajuste foi feito. Nenhum cuidado foi dado por ninguém, exceto por meus colegas de banda e equipe.

Persisti o máximo que pude. Preocupações foram levantadas. Soluções temporárias foram recomendadas. Os sinos de alarme estavam sendo tocados por mim e pelas pessoas mais próximas a mim, mas no final ninguém se importava além daqueles que eram e são os mais próximos de mim.

Apesar de tudo isso e do que estava acontecendo nos bastidores, nos colocamos no palco noite após noite e nos apresentamos em um nível que estava além da expectativa. Nós detonamos o máximo que pudemos, demos tudo o que tínhamos e fizemos exatamente como prometemos. Fizemos isso profissionalmente e com classe, estilo, graça e poder.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Nos últimos 5 anos, trabalhei incrivelmente para superar desafios físicos incríveis que às vezes pareciam ter terminado minha carreira. Eu também trabalhei e continuei a trabalhar na superação de alguns problemas complexos de saúde mental que, às vezes, senti que poderia ter terminado não apenas minha carreira, mas também minha vida, sobre os quais nunca falei antes até agora. A situação e o ambiente a que fui submetido nas últimas três semanas foram os piores que já passei. Sinto-me limítrofe abusado pela agência de representação que coloca isso em questão.

As declarações públicas e o conteúdo delas que vieram em rápida sucessão há alguns dias devem deixar bem claro o nível de profissionalismo, maturidade e competência com que tenho lidado ao longo de todo este processo. Recuso-me a abordar especificamente algumas das afirmações mais ridículas e caluniosas que foram feitas. Está abaixo de mim e não me levará a lugar nenhum, pois o passado é indicativo do resultado futuro de tal caminho.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Meus fãs sabem quem eu sou e o que defendo. Minha banda e minha equipe estão comigo e me apoiam, me amam e se importam comigo como uma família. Eles têm uma profunda preocupação com o meu bem-estar e eu lhes causei grande preocupação nessas últimas semanas, enquanto eu deslizava de volta para alguns lugares muito obscuros trazidos por essa turnê e aqueles que supervisionavam, planejavam e executavam isso.

Não se enganem: os caras com quem eu toco e aqueles do Michale Graves Team são meus irmãos e nada e ninguém poderia se interpor entre nós e foi com eles que preocupação, cuidado e amor acima de eles próprios me fizeram passar por isso e voltar para minha família, onde eu posso me curar, descansar, recuperar e começar a trabalhar novamente. Eu devo muito a eles. Eu agradeço a eles, assim como minha família.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Agradeço pelo apoio e preocupação de todos aqueles que me abordaram nos últimos dias. Vou levar algum tempo até me recompor novamente. Estou com minha família no melhor lugar possível para começar o processo de recuperação desse pesadelo. Também vou começar a ser mais vocal sobre alguns desses problemas de saúde mental que eu mencionei aqui, porque espero que ao falar sobre isso, abertamente, possa chegar a alguns dos que lutam com situações semelhantes para que eu possa fortalecer ainda mais e dar esperança e apoio àqueles que precisam.

Obrigado novamente por seu amor e apoio e verei todos vocês em breve."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo FacebookDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.