Matérias Mais Lidas

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemO que Adrian Smith descobriu ao retornar ao Iron Maiden

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemShavo Odadjian, baixista do System Of A Down, conta quais álbuns mudaram sua vida

imagemO dia que os membros do Black Sabbath foram amaldiçoados por uma seita satânica

imagemNick Mason relembra a época que o Pink Floyd desastrosamente tentou tocar reggae

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemTodos os discos do Nightwish, do pior para o melhor, em lista da Metal Hammer

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemIntegrantes do Rush relembram a época que abriram shows para o Kiss, em 1975

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs


Stamp

Guns N' Roses: Myles Kennedy fala da pressão de substituir Axl Rose no Rock Hall

Por Igor Miranda
Em 22/07/20

O vocalista Myles Kennedy relembrou, em entrevista ao Offstage With DWP, da ocasião em que cantou com o Guns N' Roses no Rock and Roll Hall of Fame, em 2012. Na ocasião, Kennedy ocupou a vaga deixada por Axl Rose, que não participou da cerimônia, assim como o guitarrista Izzy Stradlin.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para representar o Guns N' Roses, além de Myles, estavam os guitarristas Slash e Gilby Clarke, o baixista Duff McKagan e os bateristas Matt Sorum e Steven Adler. Na nova entrevista, transcritas pelo Ultimate Guitar, o vocalista diz que esperou, até o fim, que Axl Rose acabasse aparecendo de última hora.

"Quando chegamos lá, no dia anterior, eu pensei: bem, estou aqui, mas vejo que talvez as coisas podem ser diferentes na hora que a performance começar. Nunca vou me esquecer de quando estava atrás da cortina, enquanto eles recebiam o prêmio, e os vi pegando os instrumentos. Eu pensava: acho que vai rolar, preciso ir até lá", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Kennedy contou, ainda, que não tem tantas memórias desse dia porque "a gravidade realmente atua em situações assim". "Eu não queria decepcionar os caras, nem os fãs, pois eles queriam ouvir as músicas e eu fiz o melhor que pude. Lembro de olhar para minha esposa na plateia enquanto tocávamos 'Paradise City', estava quase acabando e ela estava com uma expressão tipo: 'você conseguiu, está ok'. Vou me lembrar disso até o dia em que eu morrer", disse.

Um 'não' de início

Em outra entrevista, ao L.A. Weekly, Myles Kennedy contou que, inicialmente, recusou o convite para cantar com o Guns N' Roses. O motivo, claro, era a pressão envolvida naquela situação.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na época, Slash e Duff McKagan ainda não haviam voltado ao Guns N' Roses, porém, Myles Kennedy já cantava com o guitarrista em seu projeto solo. "Inicialmente, a magnitude daquilo me levou a recusar o convite. Eu me lembro deles falando sobre isso no meio da semana antes de tudo ter acontecido. É uma posição impossível de se substituir, então, no início, não fiz isso", afirmou.

Kennedy contou que mudou de ideia quando pensou que a oportunidade seria importante para os ex-integrantes do Guns N' Roses. "Quando mais eu pensava nisso, sobre aceitarem o prêmio e não poderem tocar, eu pensava em dar o meu melhor. Fiquei apenas feliz que eles puderam não apenas aceitar o prêmio, como, também, tocar algumas músicas. As pessoas pareciam estar felizes e, do meu ponto de vista, era o certo a se fazer. Não foi fácil em nenhum momento", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

imagemMyles Kennedy: ele diz que não atuou nada ao participar do filme "Rock Star"

imagemMyles Kennedy: ele não gosta de suas primeiras performances com Slash

imagemVelvet Revolver: Myles Kennedy foi chamado duas vezes para testes

Comente: O que você achou da versão do Guns com Myles Kennedy?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Steven Adler: memórias perdidas com Lars Ulrich e John 5

Guns N' Roses: comova-se com entrevista perdida de 1988


Garimpeiro das Galáxias: Beldades globais e sua paixão pelo rock


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.