Matérias Mais Lidas

imagemRegis Tadeu explica porque Sandy não deve cantar músicas do Metallica

imagemO Metallica não tem mais o que provar, muito menos algo novo para oferecer

imagemNoel Gallagher revela o rockstar que ficou mais impressionado de conhecer pessoalmente

imagemOs curiosos dois significados da expressão "Eu quero ver o oco", segundo Digão

imagemO impagável apelido que Andre Matos deu a Luis Mariutti por sua pontualidade

imagemO surpreendente disco que Tom Morello considera um dos melhores de todos os tempos

imagemOs Raimundos traíram os Titãs? Sérgio Britto comenta e conta a versão dele

imagemPaul Stanley, do Kiss, fala sobre os shows da reunião do Pantera

imagemAngra: Luis Mariutti conta sobre atritos entre Andre Matos e Rafael Bittencourt

imagemGuitarrista Brian Ray conta como é ter Paul McCartney como patrão

imagemMetallica: o que Regis Tadeu achou de "Lux Aeterna", nova música da banda?

imagemAndreas Kisser opina sobre a reunião do Pantera, que começou nesse sábado

imagemRobert Plant confessa de qual música o Led Zeppelin tirou "Gallows Pole"

imagemCinco discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

imagemA estratégia do Barão Vermelho para evitar críticas de copiar Titãs nos anos 1990


Stamp
Summer Breeze

Judas Priest: quando eles negaram música a Top Gun e apostaram em filme que fracassou

Por Igor Miranda
Postado em 25 de fevereiro de 2021

Um trecho da biografia "Heavy Duty: Minha Vida no Judas Priest", do guitarrista K.K. Downing, revela dois verdadeiros vacilos do Judas Priest no que diz respeito ao campo cinematográfico. O livro acaba de ser lançado no Brasil pela editora Estética Torta.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na passagem da obra, Downing conta que o Priest recusou o convite para inserir uma das músicas do álbum "Turbo", de 1986, no filme "Top Gun", que se tornou um dos maiores clássicos da história do cinema. Pouco tempo depois, eles toparam regravar a clássica "Johnny B. Goode", original de Chuck Berry, para o longa "Johnny Be Good" - que foi um fiasco em bilheteria.

Top Gun

A proposta relacionada a "Top Gun" foi intermediada pelo empresário do Judas Priest na época, Bill Curbishley. "Aparentemente, a Sony tinha sido abordada pelos responsáveis pela trilha sonora de um filme chamado 'Top Gun', com lançamento previsto pra 1986", relata o ex-guitarrista da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mais especificamente, os executivos desejavam usar a música "Reckless" na trilha sonora. Porém, os membros do Judas não aprovaram, pois não curtiram a temática do longa-metragem e não queriam retirar a canção da tracklist de "Turbo" - ela estava posicionada estrategicamente como a última do disco, para oferecer um "final apoteótico".

"Pesquisamos as informações que estavam disponíveis sobre o longa. Parecia ser um misto de romance com drama militar. 'Sei lá', disse uma pessoa cuja identidade permanecerá em sigilo. 'Soa como um fracasso para mim'", afirma K.K. Downing.

No fim das contas, a decisão foi tida como um equívoco, já que, nas palavras de K.K., "Top Gun" se tornou "o filme de maior bilheteria do ano e um dos filmes mais populares de todos os tempos, com uma trilha sonora inesquecível". De fato: na época, o longa teve arrecadação de US$ 356 milhões em bilheteria, muito mais que os US$ 15 milhões de investimento.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Johnny Be Good

Algum tempo depois, veio outra proposta, também por Bill Curbishley: regravar "Johnny B. Goode" para um filme chamado "Johnny Be Good". "Ficamos meio com o pé atrás. Considerando o sucesso de 'Top Gun', percebemos que provavelmente tínhamos errado ao não ceder 'Reckless' para os produtores daquele longa, mas é normal ficar receoso de apostar no cavalo errado, por assim dizer", contou Downing.

No fim das contas, a banda aceitou produzir a versão. Nesse caso, não afetaria a tracklist do álbum em que ela entraria, "Ram It Down" (1988), já que a produção do filme não exigiu prioridade no uso da canção.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Porém, nas palavras do guitarrista, os músicos apostaram "no cavalo errado". "Não apenas o filme foi um grande fracasso de bilheteria, como também a música, pelo menos na minha opinião, simplesmente não se encaixava no álbum. Por mais que tenhamos feito uma versão cheia de energia, com a marca do Judas Priest, por uma perspectiva estilística e sonora eu via essa faixa como uma enorme pedra no sapato. Até diria que, apesar de ter sido lançada como single principal, ela desvalorizou o 'Ram It Down' consideravelmente", concluiu.

Essa e outras histórias são contadas com detalhes em "Heavy Duty: Minha Vida no Judas Priest", lançamento da Estética Torta já em estoque em sua loja virtual. Na compra do livro, disponibilizado em capa dura e tiragem limitada por R$ 99,90, também é enviado um bookplate autografado por K.K. Downing.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Samael Hypocrisy


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Rob Halford relembra momento Spinal Tap em show com o Black Sabbath

Judas Priest: prestes a estourar com "Hell Bent for Leather"

Ian Hill diz que Judas Priest não queria ser apenas mais uma banda de blues

Tim Ripper Owens diz que nunca voltaria ao Iced Earth

Judas Priest se impõe com o álbum "Sin After Sin"

A festa insana de Judas Priest, Def Leppard e Scorpions que inspirou nome do hit "Blackout"

Heavy Metal: um guia para começar a ouvir o estilo

Judas Priest: "Stained Class" é um dos discos mais sinistros da banda

Judas Priest: "Sad Wings of Destiny" definiu as principais características do heavy metal

Ian Hill explica o que dificulta turnê do Judas Priest com o Iron Maiden

Megadeth lança cover de "Delivering The Goods", clássico do Judas Priest

Youtuber mistura "One" do Metallica com clássico do Men At Work e resultado é hilário

Rob Halford diz que foi mágico tocar mais uma vez ao lado de K.K. Downing

Dez músicas para apresentar sua banda favorita para quem não manja de metal

Judas Priest: o heavy, o blues e o progressivo em "Rocka Rolla"

Rob Halford: "o Metal veio do Electric Prog Blues Rock"

Lista: os 40 melhores álbuns de metal lançados em 1990 segundo o Loudwire

O álbum que representa o auge do Judas Priest, na opinião do baixista Ian Hill

Punk Rock: os 25 melhores discos segundo o site IGN

Black Metal: cinco bandas do lado depressivo do satanismo


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.