Matérias Mais Lidas

Motley Crue: Vince Neil cai do palco durante show e sofre fraturas - veja vídeoMotley Crue: Vince Neil cai do palco durante show e sofre fraturas - veja vídeo

Lars Ulrich: dando rolê em San Francisco com esposa e casal Alissa White-Gluz e DoyleLars Ulrich: dando rolê em San Francisco com esposa e casal Alissa White-Gluz e Doyle

West Memphis 3: a injusta condenação de três headbangers por assassinatoWest Memphis 3: a injusta condenação de três headbangers por assassinato

Kerry King: guitarrista afirma que estreará novo projeto; vai ser bom pra c*r*lhoKerry King: guitarrista afirma que estreará novo projeto; "vai ser bom pra c*r*lho"

British Lion: banda de Steve Harris cancela turnê devido a protocolos inaceitáveisBritish Lion: banda de Steve Harris cancela turnê devido a "protocolos inaceitáveis"

Lista: 10 álbuns horríveis lançados por grandes bandas nos anos 1980Lista: 10 álbuns horríveis lançados por grandes bandas nos anos 1980

Alice Cooper: o disco que deixou Frank Zappa intrigado; ninguém vai acreditar nissoAlice Cooper: o disco que deixou Frank Zappa intrigado; "ninguém vai acreditar nisso"

Rolling Stones: a gambiarra para resolver o problema na capa de álbum clássicoRolling Stones: a gambiarra para resolver o problema na capa de álbum clássico

Ozzy Osbourne: confira versão comemorativa de Down To Earth, lançada nesta sextaOzzy Osbourne: confira versão comemorativa de "Down To Earth", lançada nesta sexta

Judas Priest: Rob Halford revela luta contra câncer de próstata durante a pandemiaJudas Priest: Rob Halford revela luta contra câncer de próstata durante a pandemia

Dia dos Professores: relembre 20 discos que são verdadeiras aulas de metalDia dos Professores: relembre 20 discos que são verdadeiras aulas de metal

Pink Floyd: Alice Cooper relembra dias com muita maconha e nem um centavo no bolsoPink Floyd: Alice Cooper relembra dias com muita maconha e nem um centavo no bolso

Anette Olzon: ex-Nightwish é vocalista de metal de noite e enfermeira durante o diaAnette Olzon: ex-Nightwish é vocalista de metal de noite e enfermeira durante o dia

Yngwie Malmsteen: por que ele só toca em guitarras Fender e dispensou até a GibsonYngwie Malmsteen: por que ele só toca em guitarras Fender e dispensou até a Gibson

Kiko Loureiro: no Brasil, desvalorização da cultura ficou ainda pior com BolsonaroKiko Loureiro: no Brasil, desvalorização da cultura ficou ainda pior com Bolsonaro


Tunecore 2

Guilherme Arantes: como o amigo Edu Falaschi o influenciou em retorno ao prog rock

Por Igor Miranda
Em 16/09/21

Lançado em julho, o álbum "A Desordem dos Templários" traz Guilherme Arantes, veterano da música brasileira, em uma pegada mais épica. Além da influência da cultura da Espanha, país onde o músico reside há um ano, o disco traz um som ligado ao rock progressivo - involuntariamente, por influência do vocalista Edu Falaschi.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista a Ananda Zambi para o site Hits Perdidos, Guilherme detalhou o processo de criação de "A Desordem dos Templários" e citou a inspiração indireta de Falaschi no processo. O ex-vocalista do Angra trouxe Arantes para participar do DVD ao vivo "Temple of Shadows in Concert" (2020), interpretando com Edu, banda e orquestra, as músicas "Late Redemption" e "Planeta Água".

O contexto inspirou Guilherme a voltar a olhar para o rock progressivo com carinho, já que ele define o som de Edu como "metal progressivo". Vale lembrar que o cantor de "Cheia de Charme", "Meu Mundo e Nada Mais" e tantos outros hits nacionais começou a carreira no rock progressivo, com a banda Moto Perpétuo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Inicialmente, ele refletiu: "(A influência do progressivo) Veio naturalmente, porque no primeiro dia eu tive que construir um disco praticamente sozinho. Os músicos participaram depois em cima de coisas pré-concebidas. Então esse disco lembra muito um disco progressivo que foi muito importante para minha geração, que foi o 'Tubular Bells', de Mike Oldfield".

Após compor o material de "A Desordem dos Templários", Guilherme chamou músicos que estavam bem alinhados com a sonoridade progressiva, a exemplo dos guitarristas Luiz Sérgio Carlini e Alexandre Blanc, o baixista Willy Verdaguer e do baterista Gabriel Martini. A ideia era avançar em uma pegada mais experimental, mas sem perder a sonoridade mais pop que consagrou a carreira do artista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"A maior parte das músicas do disco são radiofônicas, são dentro de uma fórmula bastante radiofônica, para tocar, e eu sou muito grato ao rádio e tudo. Acho que o rádio é um espaço privilegiado para mim, de eu tocar nas FMs e tudo, mas eu achava que tinha que ter música de show, aquela música de dez minutos. É uma coisa pretensiosa, ambiciosa", disse.

Guilherme Arantes e Edu Falaschi

Em seguida, Guilherme Arantes explica como a participação no DVD de Edu Falaschi o despertou de volta ao som progressivo. "Isso aí também veio por causa da experiência com o Edu Falaschi, um grande cantor do rock, do heavy metal. Ele me convidou para participar do um DVD dele, e ali eu subi num palco para cantar um tema importante do disco 'Temple of Shadows', que é uma referência da história do Angra, que ele foi cantor", declarou, citando a faixa "Late Redemption".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ele completa: "Cantamos 'Planeta Água' com a orquestra e tudo, e eu me senti totalmente em casa no meio do ambiente metaleiro, no ambiente dos metaleiros ali. Na verdade é um metal progressivo que eles fazem. Progressivo metal, heavy progressivo. Gostei muito de participar, foi um toque para mim de que talvez por esse caminho eu pudesse construir um disco novo. Aí nasceu essa ideia".

Além de reforçar a influência de Falaschi, Arantes destacou que o público do metal o recebeu muito bem na gravação do show lançado como "Temple of Shadows in Concert". "Foi muito por influência do Edu Falaschi, que é um grande amigo e um grande incentivador da minha carreira também. A gente se deu muito bem e o público do heavy metal adorou. Eu falei: 'pô, os caras têm o maior respeito por mim'".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A entrevista completa pode ser lida no site Hits Perdidos.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Death Metal: as 10 melhores bandas de acordo com a AOLDeath Metal
As 10 melhores bandas de acordo com a AOL

Lista: clássicos do rock e do metal que ninguém aguenta mais ouvir - Parte 1Lista
Clássicos do rock e do metal que ninguém aguenta mais ouvir - Parte 1


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.