Evanescence: entrevista com a nova guitarrista Jen Majula

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Gaby Chaves, Fonte: Relíquias do Evanescence
Enviar correções  |  Ver Acessos

A fan page "Relíquias do Evanescence", dedicada a resgatar raridades e coisas antigas da banda, fez uma entrevista com a nova guitarrista do Evanescence: Jen Majula.
A entrevista abordou informações sobre a nova guitarrista, o envolvimento dela com a banda e os próximos passos do Evanescence. Confira!

..::Sobre você::..

1.Você já visitou o Brasil? (Jandira Viana)
Jen: Infelizmente não, mas eu espero visitar o país de vocês muito em breve!

2.Quais músicas brasileiras você gosta? (assisti o vídeo de você tocando Tico-Tico no Fubá e adorei, haha) (Jandira Viana)
Jen: OMG... Eu amo o trabalho do Antônio Carlos Jobim, ele é um dos meus compositores de jazz favoritos de todos os tempos. Minha composição favorita dele é "Desafinado".

3. Você assiste seriados? Quais? (Gaby Chaves - Florianópolis - SC)
Jen: Eu não tenho tempo para assistir filmes ou sitcoms, eu nem mesmo tenho uma tv em casa... hahaha. Se eu tenho um tempo livre, eu prefiro praticar guitarra

4. Qual sua música favorita do Evanescence? Por que? (Jandira Viana)
Jen: Eu amo todas elas e algumas delas realmente me ajudaram demais durante épocas difíceis que eu tive na minha vida. Eu me sinto muito feliz, honrada e ansiosa sobre fazer parte do Ev agora e eu estou tão ansiosa de estar disponível para trabalhar com uma pessoa tão incrível como a Amy, que eu não apenas considero ser uma extraordinária vocalista, mas também uma fabulosa musicista e compositora. Eu sou abençoada com muitas coisas boas na minha vida.

5. Como funciona seu processo de composição? (Franselmo Junior)
Jen: Eu não sei se eu entendi a pergunta direito, mas trabalhar como profissional com outros profissionais é bem simples: Você prepara um setlist, você trabalha nas músicas, você ensaia e então vai para o palco para se divertir, aproveitar o momento e fazer o melhor show possível para os seus fãs.

6. Como você lida com o machismo ainda tão presente no mundo do rock? (Edgar Oliveira)
Jen: Eu não faço uma diferença entre homem e mulher, isso é uma coisa que outras pessoas podem fazer. Eu acho, nós todos somos músicos - e isso é o que é importante: A MÚSICA! Eu não posso negar que isso é um tópico de tempo em tempo, em benefício ou como obstáculo, mas através dos anos eu (e eu acho que a Amy também?!) acabamos nos acostumando com isso, então eu estou muito ansiosa e feliz por finalmente ter encontrado um time onde eu não serei a única mulher
Emoticon wink

7. Qual o maior desafio enfrentado até agora durante sua carreira? (Natália Branco)
Jen: Ooh.. boa pergunta. Houve alguns shows mais difíceis do que outros, o que não significa que eu não tenha me divertido menos, mas por exemplo, tocar minha guitarra e vocais principais em um festival internacional às 9:00 da manhã de frente a 500 sérios músicos, vestida com uma insana peruca Mohawk com uma roupa de látex polonês apertado foi uma coisa que foi realmente difícil, hahaha.

..::Evanescence::..

8. Como foi que o convite para participar do Evanescence surgiu? Voce ja conhecia algum membro da banda? (Gaby Chaves - Florianopolis - SC)
Jen: Eu recebi um email do gerente, perguntando se eu estaria interessada em trabalhar com o Ev. Eu parei de respirar por alguns minutos até a minha cara ter ficado azul hahaha. Alguns dias depois eu estava em um avião para New York para conhecer a Amy.

9. Como você conheceu a Amy Lee? Você sabe como ela conhecia o seu trabalho? (Franselmo Jr)
Jen: Claro que nós tivemos uma ligação de telefone antes de combinar de conhecer uma a outra. O primeiro cara-a-cara foi realmente legal - como conhecer um amigo realmente muito bom e imediatamente nos conectarmos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

10. O assunto da saída do Terry repercutiu muito, principalmente com a notícia de que uma mulher substituiria ele e que, logo, seria o início de uma nova fase do Evanescence. O que você achou de tudo isso? Foi algo que esperasse? Você já pensou que iria, algum dia, tocar em uma banda conhecida mundialmente? Conte-nos mais a sua reação! (Rafaela Carísio)
Jen: Eu estou simplesmente sobrecarregada e ainda de uma maneira muito ansiosa para falar de boa sobre o que aconteceu recentemente. Terry tem feito parte do Ev por tantos anos e eu desejo a ele tudo do melhor para o seu futuro. Durante os primeiros dias eu não podia dormir mais e a cada manhã eu checava a minha caixa de e-mails para ver se aquilo tudo estava mesmo acontecendo hahaha, porque é um sonho virando realidade.

11. Com a saída do Terry e a sua entrada, você sentiu alguma relutância por parte dos fãs do Evanescence? (Maria Beatriz Zan)
Jen: A forma como os EvFans me deram boas vindas para o império deles é apenas inacreditavelmente calorosa e tão adorável. Eu estou muito feliz em relação a isso e os EvFans não se comparam a nada com outra coisa do planeta!

12. Como você se sente sendo a segunda mulher numa banda conhecida mundialmente por uma unica front-woman? (Julia Rezende)
Jen: Hmmm... Eu acredito que Amy e eu seremos um ótimo time. Como eu mencionei anteriormente, eu não me importo realmente sobre homens e mulheres, mas eu estou ansiosa sobre tudo que o futuro guarda para nós.

..::Futuro do Evanescence::..

13. Jen, do álbum Fallen ao álbum Evanescence, é notável a evolução sonora da banda. Deixando alguns elementos mais pops, e adquirindo peso e bons arranjos musicais, bem como vocais mais desafiadores. Na sua opinião, como a banda poderia continuar evoluindo, progredindo, musicalmente tendo em conta a sua chegada? (Carol Lima)
Jen: Não posso dizer nada sobre isso. O tempo dirá.

14. Qual a música do Evanescence que você está mais animada para tocar em novembro e não pode faltar no setlist? (Victor Simões)
Jen: Eu quero tocar TODAS!
Emoticon grin

15. Na sua opinião, qual será o maior desafio que enfrentará durante o Evanescence? (Natália Branco)
Jen: Eu normalmente não gosto de pensar em desafios ou competições, mas em bons trabalhos que eu irei formar e desenvolver algumas habilidades musicais e estender limites da melhor maneira possível.

16. Tem algum projeto novo (CD, EP, etc) vindo por aí? O que você já pode nos contar sobre o futuro do Evanescence? (Gustavo Cotta)
Jen: Desculpe, não posso dizer nada sobre isso.

*Como garantia de autenticidade da entrevista, a guitarrista enviou um autógrafo para os fãs brasileiros, junto com um recado para eles.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Evanescence"


Evanescence: vocalista diz que gravadora arruinou a bandaEvanescence
Vocalista diz que gravadora arruinou a banda

Evanescence: estranha criatura em foto de Amy Lee com seu filhoEvanescence
Estranha criatura em foto de Amy Lee com seu filho


A7X: Curiosidades sobre a banda que talvez você não saibaA7X
Curiosidades sobre a banda que talvez você não saiba

Postura: 12 coisas que você nunca deve dizer a um músicoPostura
12 coisas que você nunca deve dizer a um músico


Sobre Gaby Chaves

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Goo336x280 GooAdapHor