Trainwreck Architect: entrevista com o guitarrista Renaud Baril

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Pedro Clark, Fonte: Asher Media
ENVIAR CORREÇÕES  

Há alguns dias, conforme publicado aqui no Whiplash.net, a banda canadense TRAINWRECK ARCHITECT, divulgou a faixa "As Killers Breathe", que conta com a participação de Jeff Waters (ANNIHILATOR). A faixa pode ser conferida no YouTube acessando o link:

Angra: versões bizarras de músicas da bandaLauren Harris: Como é ser filha do baixista do Iron Maiden

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na semana passada, consegui entrevistar o guitarrista Renaud Baril. Abaixo, podemos conhecer um pouso mais sobre a banda, suas influências entre outros assuntos.

Segue abaixo as perguntas e respostas traduzidas:

1 - Vocês são canadenses, correto? Como está a cena underground por aí atualmente?

- Somos de Montreal, Canadá. Aqui a cena underground é realmente grande! Há provavelmente tantas bandas quanto pessoas que ouvem metal. Em Montreal temos muitos recursos, locais, eventos, heavy metal e pessoas implicadas na cena. E sem brincadeira, há muitos fãs de metal espalhados por todo o país!

2 - Quais bandas influenciaram o TRAINWRECK ARCHITECT? Alguma banda canadense em especial? Ouvindo o álbum, eu notei alguma influência de HELLOWEEN, thrash metal clássico, NWOHW...

- Há muitos bandas que nos influenciaram, a partir do death metal. Particularmente, fui influenciado pelo power metal, sou o "power metal guy" da banda. Fico feliz por você ter mencionado o HELLOWEEN, pois é uma das minhas principais influências. Também gostaria de citar Alex Skolnick (TESTAMENT) e Adrian Smith (IRON MAIDEN) como minhas principais inspirações na guitarra. Quanto a influência canadense: RAZA e os riffs do ANNIHILATOR.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

3 - Como vocês se classificam sonoramente? O que vocês pensam dos rótulos que a mídia atribui às bandas?

- Eu penso que "Traits of the Sick" (álbum "debut") é na verdade o som da "velha escola" do metal. Ele tem uma produção brutal que traz você de volta à década de oitenta, quando se pôde ouvir "Kill em All" (METALLICA) pela primeira vez. Eu gostaria de disponibilizar "Traits of the Sick" em vinil para capturar esse sentimento mais ainda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

4 - Atualmente a banda está em turnê? Conhecem a cena brasileira de metal? Planejam no futuro tocar na América do Sul?

- No momento e geralmente estamos em turnê pelo Canadá, pois é um país muito grande. Mas assim que tivermos a oportunidade, iremos tocar na América do Sul. Eu gosto do ANGRA e o "jazzy" de Kiko Loureiro é uma inspiração para a maneira como toco guitarra, portanto, tocar no Brasil seria um sonho!

5 - Quando e onde seu álbum de estréia foi gravado?

- O álbum foi gravado e mixado no "Sound Module", um estúdio em Montreal no ano de 2012. Em seguida, o álbum foi enviado para o estúdio de Jeff Waters para a masterização.

6 - Você poderia me detalhar um pouco sobre o seu equipamento? (guitarras, amps, pedais...)

- Para gravar a guitarra rítmica e nas performances ao vivo, eu utilizo uma Gibson Flying V, pois é uma guitarra com um som mais penetrante e que "detona" no palco. Para gravar a "lead guitar", eu utilizo uma Ibanez, pois ela tem mais sustain em relação a Gibson. Quanto ao amp, eu uso um Marshall JVM 210. Também tenho um pedal Boss GT-8, mas no momento, só o utilizo como afinador e noise gat.

7 - Qual a origem do nome da banda?

- Todos os membros da banda aceitaram e gostaram do nome, pois as palavras são antagônicas e ao mesmo tempo nos descreve como "criar" a destruição em nossa vida. Todos nós cometemos erros na vida e a partir disso, aprendemos a crescer e a fazer melhor na próxima vez. TRAINWRECK ARCHITECT siginifica que somos o "arquiteto do trem desgovernado" que fazemos em nossas vidas.

No final, eu agradeço pela entrevista, e eis que Renaud Baril faz o seguinte comentário:

Obrigado pela entrevista Pedro, nós gostaríamos muito de tocar no Brasil! Em algumas semanas, disponibilizaremos o vídeo da faixa "Dream Pariah". Será um vídeo hilário!

Repertório de "Traits of The Sick":

01 - Comatose Era (Intro)
02 - The Culprit
03 - Die Like A Legend
04 - The Door Slams Shut
05 - Deadbeat Beatdown
06 - Rabid Psychotic Relapse
07 - As Killer Breathe (featuring Jeff Waters of Annihi
08 - Dream Pariah
09 - The Narcissist
10 - Feed Them Bullets




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Angra: versões bizarras de músicas da bandaAngra
Versões bizarras de músicas da banda

Lauren Harris: Como é ser filha do baixista do Iron MaidenLauren Harris
Como é ser filha do baixista do Iron Maiden


Sobre Pedro Clark

Pedro Clark, nascido em 1986 na cidade de Santos-SP. Formado em Análise de Sistemas. Amante do rock, apaixonado pelos gêneros grunge, hard rock, thrash, death, heavy, goth, doom e o que mais terminar com "metal". Comecei a colaborar com o site em 2013.

Mais matérias de Pedro Clark no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280