Bizarre Magazine: Quão bizarro é... Ronnie James Dio

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Diego Vianna, Fonte: Bizarre Magazine, Tradução
Enviar Correções  

Abaixo, tradução de uma entrevista por Eleanor Goodman originalmente publicada na revista Bizarre Magazine, em novembro de 2009.

publicidade

O website do DIO o chama de "o grande mago do Classic Rock". Ele grava desde 1958 e seu primeiro reconhecimento veio com a banda ELF, que abria para o DEEP PURPLE em 1972. Então ele entrou para o RAINBOW e cantou no BLACK SABBATH depois que OZZY OSBOURNE foi chutado. Em 1983 lançou seu primeiro álbum solo, "Holy Diver". Mais tarde foi frontman do HEAVEN AND HELL, um retorno da formação do BLACK SABBATH de que fez parte.

publicidade

Você coleciona alguma coisa estranha?

Sapos. Eu estava em Cornwall em 1975 e descobri uma lojinha. Lá havia um sapo tocando guitarra e não resisti. Comecei a colecionar sapos e tem muitas pessoas que me dão sapos de presente. Tenho um sapo com um enorme membro fálico com uma xícara em cima.

Acredita em fantasmas?

Quando no RAINBOW, estávamos num lugar chamado Château, norte de Paris. Não havia muito o que fazer a não ser gravar, então um dia apareceu uma médium. Contactamos essa mulher chamada Sarah que continuava a falar somente "matem Thomas, matem Thomas, matem Thomas". Isso durou uma semana. Então fizemos umas perguntas a Sara e descobrimos que Thomas era seu filho que ela queria matar porque ele a matara em seu nascimento. Perguntamos se poderíamos falar com outra pessoa e o copo começou a andar. Dizia: "Eu sou Baal. Eu crio o caos. Vocês jamais terminarão esse projeto". Tinha mais coisa envolvida nisso. Essa foi a ponta do iceberg.

publicidade

Quanto foi o mais perto da morte que você chegou?

Um acidente de carro no começo do Elf. Nosso motorista morreu, bem como meu melhor amigo e guitarrista solo. Eu atravessei o vidro dianteiro, rasguei uma parte do meu escalpo, quebrei uma perna e um braço. Um dos guitarristas atrás bateu seu rosto no motor e levou 16 pontos perto do olho e outro quase teve suas pernas amputadas... E assim por diante. Simplesmente uma experiência horrível.

publicidade

Você tem sonhos recorrentes?

Tenho pesadelos na estrada - acho que é apenas do estresse de estar em lugares diferentes e ter diferentes dietas. O pior deles foi acordar num ônibus vendo todas as pessoas que morreram antes de mim e alguém dizendo: "Não se preocupe, logo você estará conosco".

Você já teve tesão por alguém que a maioria das pessoas achasse nojento?

O lábio inferior de Sophia Loren. Simplesmente sempre achei que ela tivesse um lábio inferior magnífico.

publicidade

Como aparenta sua cara de orgasmo?

Não sei... Acho que nunca devo ter olhado! Provavelmente pálido e suado.

Você já viu uma genitália esquisita?

Tive um guitarrista que tinha um pau torto. Era difícil não notar; acho que ele tinha orgulho disso. Às vezes tínhamos que mijar juntos e, sabe como é, você dá uma olhada.

Achei que você não devesse olhar!

É, você pode dar uma espiada! Você pode olhar e dizer, "meu Deus, olha o tamanho..." e depois contar aos amigos, "tinha um cara no banheiro com um cacete do tamanho do badalo de um sino", mas é claro que você não fica encarando.

publicidade

Qual a coisa mais esquisita que você já comeu?

Não como vegetais tipo vagem. Ou qualquer coisa que pareça que haja algo ainda crescendo por dentro. Mas eu como batatas, são quase vegetais; e só comerei tomate contanto que estejam esmagados num molho. Fora isso, só como carne. Sendo assim, canguru.

Qual a coisa mais estranha que um fã lhe deu?

Posso citar quase todos os sapos. As coisas mais estranhas são os livros sobre os mortos, mas suponho que seja esperado.

publicidade

Qual é a coisa mais estranha na sua casa?

Fora eu mesmo? Às vezes você coleciona tantas coisas que elas começam a co-habitar. Estou olhando para um sapo e perto do sapo há um lobo, e então há mais um sapo que está tocando saxofone, e perto dele há um gárgula num castiçal, e ao lado um Henrique VIII. E tenho umas cruzes realmente bonitas.

Qual o maior animal que você já matou?

Um esquilo, acidentalmente. Amo animais. Sempre tive cães e gatos. Eles põem as coisas em perspectiva: vejo quão maravilhosamente são feitos e quão falhos somos.

E agora, o desafio clássico da revista Bizarro: escolha entre coprofilia, necrofilia ou bestialismo e explique sua escolha.

Se tivesse que escolher, seria o bestialismo. Certamente não quero foder nenhuma pessoa morta nem quero comer merda; pelo menos ainda há um certo tipo de sexualidade na outra e eu poderia ter de algum modo uma perspectiva de vida.

Qual seria o animal?

Uma aranha. Claro que uma viúva negra!

O que passaria pela sua cabeça quando ela começasse a comê-lo depois do sexo?

"Auch" seria a primeira coisa que eu diria, e "pare" seria a próxima, e "oh, meu Deus", sabe, os epítetos de sempre, ditos quando essas coisas acontecem, quando se é comido por uma aranha.

Você acha que o sexo teria sido bom?

Provavelmente não.

publicidade



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Iron Maiden: banda cai no riso em show nos EUA de 2008Iron Maiden
Banda cai no riso em show nos EUA de 2008

Kiss: Rock and roll é um trabalho para otários!Kiss
"Rock and roll é um trabalho para otários!"


Sobre Diego Vianna

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin