UFO: "impossível confiar em Michael Schenker"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Frederico Reiser, Fonte: Brave Words, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O webzine rocksomething.com publicou uma entrevista com o baterista da banda UFO, Andy Parker. Parker comentou, entre outros temas, sua relação e impressões sobre Michael Schenker.

Bandas: Por que ninguém está indo a seus shows?Fotos de Infância: Slayer

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em uma mudança de carreira um tanto quanto incomum, Andy Parker estava prestes a se tornar um construtor de prédios - algo um pouco diferente de baterista de uma das maiores bandas do Reino Unido. Depois de uma década fora do UFO, Andy retornou em 1993 para a banda, porém mais uma vez, o comportamento do guitarrista Michael Schenker colocou o percursionista para fora da banda pela segunda vez.

"Nós fizemos o Walk On Water em 94' com o Michael e foi divertido, mas ainda tinha aquela tensão de que eu não gostava. Michael não era... ele ainda tinha problemas e para mim lá não era onde eu queria estar, então eu fiz o álbum, que foi maravilhoso, mas eu decidi que não iria em turnê com eles e percebi que eu fiz a escolha certa. Eles tiveram muitos problemas depois disso."

Mais tempo se passou e em agosto de 2005, pleno feriado bancário, Parker recebeu uma ligação do tecladista e guitarrista, Paul Raymond: "Do nada Paul me ligou, e disse, 'Andy, Phil disse que você não ia se interessar porque te pedimos antes mas Jason (Bonham) nos deixou e foi para a Foreigner agora, e nós não temos baterista. Nós temos um show na Espanha, você não estaria interessado em tocar lá?' Bem, claro, eu toco!" Parker relembra. "Então eu toquei no show e pra mim era só pra ver como iria ser, mas foi muito bom estar de volta na banda e sentar naquele banco, e então eu decidi que queria ficar".

É claro que nos dias de hoje Schenker não está mais com a banda - ocupando seu lugar está o americano virtuoso, Vinnie Moore. Foi uma mudança que não apenas fez com que o UFO saisse da sombra de seus mais populares discos antecedentes, mas deixou Parker sentir que a banda está melhor e mais unida. "Eu sou o tipo de pessoa que precisa de um pouco de estabilidade", foi o que disse Parker depois de dar uma pausa demorada e de ter tomado um gole de sua bebida. "Eu gosto de saber o que está acontecendo e confiar nas coisas, infelizmente com Michael você nunca poderia confiar nele, você nunca saberia se ele ia acabar uma música, fechar o set ou se ia sair no meio da turnê. Com Vinnie é outra coisa bem diferente, ele é muito bom guitarrista, sólido, que apóia e diverte a banda, que está com uma vibração bem diferente agora".

Confira a entrevista na íntegra (em inglês) no rocksomething.com.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Ufo"


Ozzy Osbourne: 7 guitarristas que quase entraram para a banda deleOzzy Osbourne
7 guitarristas que quase entraram para a banda dele

Heavy Metal: Qual a música mais influente para o gênero?Heavy Metal
Qual a música mais influente para o gênero?


Bandas: Por que ninguém está indo a seus shows?Bandas
Por que ninguém está indo a seus shows?

Fotos de Infância: SlayerFotos de Infância
Slayer


Sobre Frederico Reiser

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Frederico Reiser no Whiplash.Net.

adGoo336