Tarja: agredida sexualmente por fã durante show no México em 2000

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marcelo Araújo, Fonte: Ogro do Metal
Enviar Correções  

Durante um show da banda Nightwish realizado em Guadalajara, México, no ano 2000, Tarja foi atacada no palco, tendo as suas partes íntimas tocadas pelo agressor, se aproveitando da falha dos seguranças, que estavam mais preocupados em assistir ao espetáculo e tirar fotos da musa finlandesa. O mais impressionante de tudo, foi que o restante da banda não moveu um só músculo e continuou a tocar como se nada tivesse acontecendo diante de seus olhos.

publicidade

Após o episódio, Tarja declarou: "Eu fui agredida sexualmente. Marcelo (Cabuli - empresário na época e depois marido) foi o primeiro a chegar e conseguiu tirar o cara de cima de mim com chutes em sua cabeça. Os seguranças só estavam lá para me bajular e tirar fotos. Durante esses 20 segundos, o homem poderia ter feito coisas muito ruins comigo. Minha camisa foi rasgada e minhas extensões de cabelo foram parar no chão. Eu me senti tão envergonhada. Voltei para o palco, faltando três músicas para acabar o show, então eu cantava e chorava e chorava e cantava. Quando finalmente terminou, eu não podia olhar ninguém nos olhos, fui direto para o meu quarto de hotel, e lá acabei chorando e gritando deitada no chão."

publicidade

O homem que atacou a cantora foi imediatamente preso e levado para a delegacia. Algumas horas depois, um pouco recuperada do choque e mostrando o seu grande coração, Tarja pediu às autoridades em nome do Nightwish, a libertação do seu agressor, e foi devidamente atendida.

publicidade



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Iron Maiden: a tragédia pessoal do baterista Clive BurrIron Maiden
A tragédia pessoal do baterista Clive Burr

Dave Mustaine: Kiko é o primeiro que me intimida desde FriedmanDave Mustaine
"Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"


Sobre Marcelo Araújo

Carioca da gema e fanático por música de qualidade, aprendeu a gostar de Rock aos 10 anos de idade por causa de bandas como Scorpions, Led Zeppelin e Guns N' Roses. A maior decepção foi ver uma de suas bandas preferidas, o Bon Jovi, mudar completamente de estilo e se tornar uma coisa bem chatinha de uns tempos pra cá, algo classificado como uma mistura de Sertanejo Universitário com Pop. Das bandas mais recentes, curte bastante Alter Bridge e Unisonic. Adora tudo relacionado com as curiosidades por trás das canções, álbuns e bandas, sempre escrevendo matérias a respeito desses fatos no blog Ogro do Metal.

Mais matérias de Marcelo Araújo no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin