RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA banda que tentou escrever "a música mais estúpida" e acabou criando um hit dos anos 2000

imagemA música pesada do Pink Floyd que assustou o jovem Joey Jordison

imagemO dia que Renato Russo recusou convite de Cazuza para parceria musical e explicou motivo

imagemEx-baixista do Smashing Pumpkins sobre Billy Corgan: "Canta m*rda nenhuma"

imagemO hit do Jota Quest que pode ser considerado rock progressivo pelos padrões atuais

imagemA música do The Who que Pete Townshend achou que seria o maior sucesso da história

imagemTragédia em local do show do Morbid Angel e Crypta deixou 1 morto e 48 feridos

imagemA guitarra barata que mudou para sempre os rumos da vida de James Hetfield

imagemO hit da Legião Urbana com pesadas críticas contra militares e inspirada em Tarot

imagemO episódio culinário bizarro que foi parar no tribunal e nomeou disco do Guns N' Roses

imagemBrian May sobre Nuno Bettencourt: "Faz coisas que eu nunca poderia fazer"

imagemJimmy Page relembra o momento em que percebeu que Led Zeppelin era extraordinário

imagemLendas: Ozzy Osbourne parabeniza o aniversariante Angus Young e manda recado ao guitarrista

imagemBotafogo, São Paulo e Coritiba embolsam milhões de reais com shows do Coldplay

imagemMorre, aos 73 anos de idade, Ray Shulman, um dos fundadores do Gentle Giant


Summer Breeze B

Iron Maiden: sobre o que fala a música "Lord of the Flies"

Por Daniel Almeida
Fonte: Bedell's English IICPA blog
Postado em 03 de novembro de 2013

Como o título da música indica, ela foi inspirada no livro de mesmo nome "Lord of the Flies" ou "O Senhor das Moscas" escrito por William Golding em 1954. Esse nome é a tradução do nome hebraico Ba'alzevuv, o conhecido Belzebu, é um dos vários apelidos para o Tinhoso.

O livro conta a história de um grupo de garotos de um internato religioso inglês que, após a queda de um avião, fica isolado em uma ilha tropical. Sem adultos, sem regras, o começo é um eterno recreio até que eles notam que precisam sobreviver. Enquanto alguns tentam estabelecer regras e rotinas, outros querem viver livres, apenas caçando e se divertindo. Essa contraposição é mostrada mais nos líderes dos dois grupos, Ralph e Jack. Interpretações da história colocam Ralph representando a democracia, pois foi eleito pela maioria, a ordem, a responsabilidade. Jack é visto como o fascismo, a barbárie, o lado negro da humanidade pois quer controlar a todos na ilha sob seu modo de pensar e usa até a violência para isso.

Bruce Dickinson

A história é vista como um "trabalho de filosofia moral" ao analisar os diversos aspectos sociais e políticos do mundo, especialmente no pós-guerra, no comportamento das crianças. Cada uma costuma ser associada a uma característica como o racionalismo, a barbárie, a civilização, o mal, o governo.

A música do Iron Maiden é inspirada basicamente nas falas de Jack no livro, percebe-se claramente pela intensidade das letras e pelo comportamento do personagem. Versos como "Ninguém se importa com o que é certo ou errado, essa é a realidade/Matando conseguiremos sobreviver onde quer que nós andemos" ou "Eu apenas quero sentir nossa força/Não precisamos de um código moral" vinculam-se diretamente ao personagem violento e dominador da história. Existem paralelos ainda mais claro, como quando Jack rouba os óculos de outro garoto para fazer fogo e a letra diz "Devemos nos preparar para os elementos (da natureza)".

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O livro foi adaptado em dois filmes, um de 1963 e outro de 1990. Também existe um episódio dos Simpsons em que as crianças ficam perdidas numa ilha deserta após um acidente com o ônibus escolar entre outras adaptações e referências.

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Daniel Almeida

Engenheiro, nascido no Rio de Janeiro em 1979, lamento que a cidade não tenha tanta cultura rock como outras cidades do país. Comecei a gostar de música com Jean Michel Jarre, Beatles, Pink Floyd, Creedence Clearwater Revival. e depois partindo para Hendrix, Deep Purple e Black Sabbath (Santíssima Trindade). Ouço muito pouca coisa que tenha surgido há menos de 20 anos. Visito o site desde 1997.
Mais matérias de Daniel Almeida.