Cinema: Algumas trilhas sonoras rock e heavy metal históricas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Enviar correções  |  Comentários  | 

The Blackboard Jungle (1955, drama, p&b, 101min)

Direção, Roteiro e Produção: Richard Brooks
Produtora: MGM

Elenco: Glenn Ford Sidney Poitier Vic Morrow

5000 acessosSlipknot: Corey Taylor não tem a cara limpa por baixo da máscara5000 acessosAC/DC: A origem do nome da banda

Professor (Ford) desesperado por ter que diariamente enfrentar os "animais" que são os alunos da escola pública onde leciona. O filme segue a linha "delinqüência juvenil" e tenta retratar um sistema educacional falido da América pós-guerra. Porem diferente dos precursores, The Wild One (O Selvagem) -1954 com Marlon Brando e Rebel Without A Cause (Juventude Transviada) -1955 com James Dean, Blackboard Jungle usaria rock and roll como trilha sonora. Vale lembrar que música negra sendo oferecido para um público branco e ainda por cima jovem, não era uma coisa lá muito admissível entre as boas famílias tementes de Deus da época.

O filme representaria o EUA no Festival de Veneza de 1955 e a embaixatriz da Itália nos EUA foi convidada para uma sessão exclusiva nos estúdios da MGM. Ela odiou o filme e passou a fazer campanhia contra a sua participação no Festival. Ela considerou o filme degenerado e acabou excluindo-o da competição. Essa confusão inflamou a curiosidade do publico americano, principalmente dos jovens, atraídos pelo estigma do "proibido". Depois de assistir o filme, todos corriam as lojas para comprar uma copia de Rock Around The Clock. Pronto; estava descoberta a mina de ouro e The Blackboard Jungle acabou por se tornar um grande e lucrativo sucesso para MGM. (Márcio Ribeiro)

Baby Doll (1956, drama, p&b, 116 min)

Direção e Produção: Elias Kazan
Roteiro: Tennesse Williams
Produtora: CBS Studios

Elenco: Karl Malden, Caroll Baker, Eli Wallach.

A rivalidade entre dois plantadores de algodão é exacerbada quando um deles seduz a filha do outro. Utilizar rock n' roll num filme de prestigio teve aqui seu precedente. Shame, Shame (On You Miss Roxy) de Smiley Lewis funciona como um chamado ao pecado e à perdição, a cada vez que a sensual Caroll Baker coloca o disco na vitrola. (Márcio Ribeiro)

High School Confidencial (1958, drama, p&b, 85 min)

Direção: Jack Arnould
Roteiro: Lewis Meltzer e Robert Blees
Produção: Albert Zugsmith
Produtora: MGM Stúdios

Elenco: Russ Tamblyn, Mamie Van Doren.

Racha de carros e brigas, drogas e depravações. Um tira tenta por ordem na escola. Filme começa com grande apresentação de Jerry Lee Lewis tocando música titulo. (Márcio Ribeiro)

College Confidencial (1960, drama, p&b, 102 min)

Direção e Produção: Albert Zugsmith
Roteiro: Irving Shulman
Produtora: Universal Films

Elenco e Participações: Steve Allen, Mamie Van Doren, Rocky Marciano, Walter Winchell, Conway Twitty

Sociólogo causa controvérsia nacional por dar uma prova sobre o assunto sexo aos alunos. A cantora Conway Twitty em seu primeiro trabalho na tela, faz a prova e responde tudo errado, já Mamie Van Doren tira dez. (Márcio Ribeiro)

Because They're Young (1960, musical, p&b, 102 min)

Direção: Robert Peterson
Roteiro: James Gunn
Produção: Jerry Bresler
Produtora: Columbia Pictures

Elenco e Participações: Dick Clark, Michael Calan, Tuesday Weld, Duanne Eddy & the Rebels, James Daren

Dick Clark é mais conhecido pelo seu programa de TV: American Bandstand que apresenta artistas cantando em playback (dublando o disco). Aqui como ator, ele faz o papel que foi de Glenn Ford em Blackboard Jungle (Sementes da Violência/1955). Este filme alias é praticamente a mesma estória. Duane Eddy canta Shazam e James Darren canta Because They're Young. (Márcio Ribeiro)

Teenage Millionaire (1961, musical, p&b, 84 min)

Direção: Lawrence Doheny
Roteiro: H. B. Cross
Produção: Howard B. Kreitsek
Trilha: Chubby Checker, Jackie Wilson, Bill Black Combo

Elenco e Participações: Jimmy Clanton, Zasu Pitts

Garoto pobre sonha em ser um rock superstar. (Márcio Ribeiro)

Beach Party (1963, p&b, 98 min)

Direção: William Asher
Roteiro: Lou Rosoff
Produção: James H. Nicholson e Lou Rosoff
Produtora: American International Pictures

Elenco: Frankie Avalon, Annette Funicello, Dorothy Malone, Bob Cummings, Harvey Lembeck, Eva Six

Primeiro filme da "Turma da Praia", uma patota que passa a vida curtindo praias, ondas, carros e garotas de bikini. Composta de tipos que são mais caricaturados do que gente de verdade, você tem personagens como o Moose, sujeito loiro alto, musculoso e completamente tapado; o chefe da turma da motoca, o atrapalhado Eric Von Zipper (Lembeck); um antropólogo (Cummings) que passeia entre os jovens durante todo o filme só tomando notas sobre os costumes tribais dos adolescentes e é claro os nossos heróis, o casalzinho Frankie (Avalon) e Dee Dee (Funicello). Brian Wilson aparece como extra neste primeiro episódio cuja música fica por conta de Dick Dale & the Del Tones além dos solos/duetos de Frankie e Annette. Com o grande sucesso deste filme, foram fazendo continuações, seis ao todo. (Márcio Ribeiro)

Bikini Beach (1964, comédia/musical, colorido, 100 min)

Direção: William Asher
Roteiro: William Asher, Robert Dillon e Leo Townsend
Produção: James H. Nicholson e Samuel Z. Arkoff
Produtora: American International Pictures

Elenco: Frankie Avalon, Annette Funicello

Apresentação de: Little Steve (Wonder), The Pyramids, The Exciters

Frankie Avalon faz dois papeis neste episódio. Além do Frankie que gosta da Dee Dee, ele é o personagem Potato Bug, um ídolo pop usando uma peruca Beatle. Stevie Wonder ainda usando o nome artístico Little Steve canta Fingertips. (Márcio Ribeiro)

Get Yoursef A College Girl (1964, musical, 88 min)

Direção: Sid Miller
Roteiro: Robert E. Kent
Produção: Sam Katzman
Produtora: MGM Studios
Trilha: The Animals, The Dave Clark Five, Freddie Bell & the Bellboys, The Standells, Steve Getz, Jimmy Smith, Astrid Gilberto

Elenco: Nancy Sinatra, Joan O' Brien

Filme mistura rock e jazz. Dave Clark Five canta Whenever You're Around e Thinking Of You; os Animals tocam Around And Around e Blue Feelings. Destaque tupiniquim para Astrid Gilberto. (Márcio Ribeiro)

The Horror Of Party Beach (1964, comedia, p&b, 98 min)

Direção e Produção: Del Tenney
Roteiro: Richard L. Hilliard
Produtora: 20th Century Fox

Elenco: John Scott, Alice Lyon

Apresentações: The Del-Aires

Esse filme recebe a discutível gloria de ser o primeiro rock-monster movie. Criaturas radioativas atacam adolescentes na praia. Os Del-Aires tocam The Zombie Stomp entre outros. (Márcio Ribeiro)

Muscle Beach Party (1964, colorido, comédia, 94 min)

Direção: William Asher
Roteiro: Robert Dillon
Produção: James H. Nicholson
Produtora: American International Pictures

Elenco: Annette Funicello, Frankie Avalon, Luciana Paluzzi

Apresentações: Stevie Wonder, Dick Dale & the Del Tones.

Condessa italiana visita Califórnia e fica interessada na Turma da Praia, especialmente em Frankie. Canções incluídas são I Dream About You Frankie, Muscle Bust alem da música título. (Márcio Ribeiro)

Pajama Party (1964, comédia, 82 min)

Direção: Don Weiss
Roteiro: Louis M. Heyward
Produção: James H. Nicolson e Samuel Z. Arkoff

Elenco: Tommy Kirk, Annette Fuinicello

Apresentações: Nooney Rickett Four

Marciano (Kirk) vem para Terra estudar os costumes e planejar invasão interplanetária. Porem seu referencial para entender os humano são os bem humorados Turma da Praia. (Márcio Ribeiro)

The Patsy (1964, comédia, 101 min)

Direção: Jerry Lewis
Roteiro: Jerry Lewis e Bill Richmond
Produção: Ernest D. Glucksman
Produtora: Paramount Pictures

Elenco: Jerry Lewis, Ina Balin, Peter Lorre, John Carradine.

Comediante morre repentinamente e sua equipe de produção em pânico arruma um sósia (Lewis). Lewis aproveita enredo para incluir divertida parodia de programa televisivos onde os artistas dublam os seus hits. Esse roqueiro canta I Lost My Heart In A Drive-In Movie (de David Raksin e Jack Brooks). (Márcio Ribeiro)

Surf Party (1964, comédia, 68 min)

Direção e Produção: Maury Dexter
Roteiro: Harry Spalding
Produtora: 20th Century Fox

Elenco: Bobby Vinton, Jackie De Shannon

Apresentações: The Astronauts, The Routers

Fraca imitação do estilo Turma da Praia.

Dateline Diamonds (1965, drama, p&b, 70 min)

Direção: Jeremy Summers
Roteiro: Tudor Gates
Produção: Harry Benn
Produtora: Rank Co.

Elenco: William Lucas, Kenneth Cope

Apresentações: The Small Faces, Kiki Dee, The Chantelles, Mark Richardson, Kenny Evett.

Radio pirata serve de fundo para contrabando de diamantes. Produção inglesa que conta com convidados especiais como Small Faces e Kiki Dee entre outros. (Márcio Ribeiro)

Beach Blanket Bingo (1965, comédia, 98 min)

Direção: William Asher
Roteiro: William Asher e Leo Townsend
Produção: James H. Nicholson e Samuel Z. Arkoff
Produtora: American International Pictures

Elenco: Frankie Avalon, Annette Funicello, Buster Keaton, Paul Lynde, Harvey Lembeck

Apresentações: The Hondells

Quarto filme da serie "A Turma da Praia" onde desta vez Dee Dee (Funicello) fica enciumada quando Frankie (Avalon) se apaixona por outra garota. Linda Evans, que anos mais tarde ficaria conhecida por conta da serie de TV Dinastia, canta Sugar Cane. The Hondells entra com a Surf Music e como sempre os duetos de Frankie e Annette. (Márcio Ribeiro)

Beach Ball (1965, 107 min)

Direção: Lennie Weinrib
Roteiro: David Malcolm
Produção: Bart Patton
Produtora: Paramount Pictures
Trilha: The Supremes, The Righteous Brothers, The Four Seasons, The Hondells, The Walker Brothers.

Elenco: Edd Byrnes, Chris Noel

O dono da loja de instrumentos quer de volta suas guitarras que ainda não foram pagas mas a banda The Wigglers conseguem embroma-lo até o concerto crucial onde eles podem mostrar quem tem a melhor banda. Filme imitando o estilo "A Turma da Praia". (Márcio Ribeiro)

Ski Party (1965, comédia, 90 min)

Direção: Alan Rafkin
Roteiro: Kaufman
Produção: Gene Corman
Produtora: American Intermnational Pictures

Elenco: Frankie Avalon, Dwayne Hickman

Apresentações: James Brown, Leslie Gore

Tentativa da AIP de duplicar o sucesso da Turma da Praia. Ótima aparição de James Brown. (Márcio Ribeiro)

The Girls On The Beach (1965, comédia, 85 min)

Direção: William M. Witney
Roteiro: David Malcom
Produção: Harvey Jacobson
Produtora: Paramount Pictures

Elenco: Noreen Corcoran, Martin West

Apresentações: The Beach Boys, The Crickets, Leslie Gore

Universitários são levados a crer que os Beatles irão fazer show beneficente para a sua sororidade. Ao descobrir a mentira, eles mesmos se vestem de Beatles e fazem seu próprio show. No meio disso os Beach Boys apresentam Little Honda alem da música título, os Crickets cantam La Bamba e Leslie Gore canta Leave Me Alone e It's Gotta Be You. (Márcio Ribeiro)

Gonks Go Beat (1965, musical, 92 min)

Direção: Robert Hartford-Davis
Roteiro: Robert Hartford-Davis, Peter Newbrook e Jimmy Watson
Produção: Robert Hartford-Davis e Peter Newbrook
Produtora: Warner Brothers

Elenco: Kennety Connor, Frank Thornton, Barbara Brown

Apresentações: The Long & the Short, The Nashville Teens, Lulu & the Luvers, The Troles, Ray Lewis & the Trekkers, The Vacqueros, The Graham Bond Organization, Elain & Derek, Alan David

Um embaixador intergalático (?!) acaba com a guerra entre a Terra do Rock e a Terra da Balada botando um menino e uma menina de cada comunidade a namorar. Há mais baladas do que rock neste épico. (Márcio Ribeiro)

Hedy (1965)

Direção: Andy Warhol
Produtora: Filmmakers Co-op
Trilha: Velvet Underground

Andy Warhol fez vários filmes "alternativos" na segunda metade dos anos 60 sendo que os entre 65 e 66, geralmente tem música incidental com Velvet Underground jamming livremente. (Márcio Ribeiro)

How To Stuff A Wild Bikini (1965, comédia, 93 min)

Direção: William Asher
Roteiro: William Asher e Leo Townshed
Produção: James H. Nicholson e Samuel Z. Arkoff
Produtora: American International Pictures

Elenco: Annette Funicello, Frankie Avalon, Buster Keaton, Dwayne Hickman.

Apresentações: The Kingsmen

Este é mais um filme com A Turma da Praia, já no final da serie. Avalon contrata um xamã para descobrir se a garota (Funicello) esta sendo fiel enquanto ele esta fora. Músicas incluídas são Give Her Lovin', After The Party e How To Stuff A Wild Bikini. Destaque para o triste fim de carreira do Magnânimo ator cômico Buster Keaton do cinema mudo pré-Chaplin. (Márcio Ribeiro)

Monkey's Uncle (1965, comédia, 87 min)

Direção: Robert Stevenson
Roteiro: Tom August e Helen August
Produção: Ron Miller
Produtora: Buena Vista Films

Elenco: Annette Funicello, Tommy Kirk

Comédia de Walt Disney com Beach Boys na música titulo e Annette Funicello durante os créditos. Uma curiosidade aqui seria o fato de Funicello ter iniciado sua carreira no seriado televisivo Mickey Mouse Club, super sucesso dos anos cinquenta e provável precursor de programas tipo Capitão Asa ou Clube da Angelica de hoje. (Márcio Ribeiro)

Village Of The Giants (1965, drama)

Direção e Produção: Bert I. Gordon
Roteiro: Alan Calliou
Produtora: Embassy Pictures

Elenco: Tommy Kirk, Johnny Crawford, Ron Howard, Beau Brideges

Apresentações: The Beau Brummels, Freddie Cannon, Mike Clifford

Cientista maluco (Howard) inventa poção magica que faz crescer e dá para grupo de adolescentes beberem. Os jovens gigantes aterrorizam a cidade. (Márcio Ribeiro)

When Boys Meet Girls (1965, comédia, 97 min)

Direção: Alvin Ganzer
Roteiro: Robert E. Kent
Produção: Sam Katzman
Produtora: MGM Stúdios

Elenco: Connie Francis, Harve Presnell, Sue Anne Langdon

Apresentações: Herman's Hermits, Sam the Sham & the Pharaohs, Louis Armstrong, Liberace

Versão de Girl Crazy de Gershwin. Fazenda hotel hospeda Sam the Sham que canta Monkey See; Herman's Hermits, Listen People e Louis Armstrong, Throw It Out Of Your Mind. (Márcio Ribeiro)

Wild On The Beach (1965, comédia, p&b, 77 min)

Direção e Produção: Maury Dexter
Roteiro: Harry Spalding
Produtora: 20th Century Fox

Elenco: Frankie Randall, Sherry Jackson

Apresentações: The Astronauts, Sonny & Cher

Comédia no campus da universidade. Vale pelo registro de Sonny & Cher no modesto auge do duo. (Márcio Ribeiro)

The Ghost In The Invisible Bikini (1966, comédia, 82 min.)

Direção: Don Weis
Roteiro: Luis M. Heyward e Elwood Ullman
Produção: James H. Nicolson e Samuel Z. Arkoff
Produtora: American International Pictures

Elenco e Participações: Tommy Kirk, Deborah Walley, Nancy Sinatra, Boris Karloff, Francis X. Bushman, Bobby Fuller.

Boris Karloff tem sua mansão invadida por uma turma de adolescentes. Filme importante por ser o único registro do Bobby Fuller Four no cinema. Bobby seria encontrado morto num carro em situação misteriosa pouco depois deste filme ser rodado. (Márcio Ribeiro)

Out Of Sight (1966, musical, 87 min)

Direção: Lennie Weinrib
Roteiro: Larry Hovis
Produção: Bart Patton
Produtora: Universal International

Elenco e Participações: Jonathan Daly, Karen Jensen, Gary Lewis & the Playboys, Dobi Gray, Freddie & the Dreamers, the Astronauts, the Knickerbockers, the Turtles.

Adolescentes ficam imbecis de tanto ouvir rock & roll. Do mesmo diretor do igualmente sem inspiração, Beach Ball (1965). (Márcio Ribeiro)

Blow Up (Depois Daquele Beijo, 1966, 102min)

Direção: Michaelangelo Antonioni

Elenco: Vanessa Redgrave, David Hemmings , Sarah Miles, John Castle, Jane Birkin.

Michaelangelo Antonioni cineasta do tédio e da ‘incomunicabilidade’ no seu primeiro filme em língua inglesa. A falta de domínio da língua de Shakespeare deve explicar a quase ausência de diálogos no filme. O roteiro foi escrito pelo próprio Antonioni, baseado num conto do escritor argentino Julio Cortazar. Fotografo (Hemmings) tira serie de fotos num parque e ao revelar descobre que inadvertidamente registrou um assassinato. Filme procura captar o clima do "swinging London". A interessante trilha sonora é de Herbie Hancock e antecipa a fusão do jazz com o rock. Para os roqueiros diletantes um dos raros registros dos Yardbyrds com Jimmy Page e Jeff Beck nas guitarras, eles tocam "Stroll On" (na verdade uma versão de "The Train Kept A-Rollin'") numa cena que foi inicialmente idealizada para Pete Townshend do The Who; The Yardbirds realmente ao vivo em formação rara com guitarristas, Jeff Beck e Jimi Page. Em meio a um "rave-up", Beck mal humorado em parte pela baixa qualidade do seu amp, destroi este e a sua guitarra enquanto o público delira catando cacos de guitarra como souvenier. A cena vale o filme inteiro. (Márcio Ribeiro e Saulo Gomes)

You're A Big Boy Now (1966, comédia, 96 min)

Direção e roteiro: Francis Ford Coppola
Produção: Phil Fieldman
Produtora: Warner Brothers

Elenco e Participações: Peter Kastner, Geraldine Page, Rio Torn.

Jovem (Kastner) tenta se livrar dos pais super protetores e ter seu primeiro romance. Trilha do Lovin' Spoonful. (Márcio Ribeiro)

The Chelsea Girl (1966, drama, cor/p&b, 210 min)

Direção: Andy Warhol
Roteiro: Ronald Tavel
Produtora: Filmmakers Co-op
Trilha: Velvet Underground

Elenco e Participações: Ondine, Brigid Polk, Mary Woronov, Nico, Eric Emerson.

Andy Warhol tenta nos apresentar um pouco da boêmia nova-iorquina dos anos 60. (Márcio Ribeiro)

The Wild Angels (1966, drama, 82 min)

Direção e produção: Roger Corman
Roteiro: Charles B. Griffith
Produtora: American Internacional Pictures

Elenco e Participações: Peter Fonda, Nancy Sinatra, Bruce Dern, Michael J. Pollard, Gayle Munnicut, the Hells Angels.

Membro dos Hells Angels (Dern) arruma briga com uma gangue mexicana, leva um tiro da policia e finalmente morre em meio a uma orgia bem sixties. Música de Mike Curb executada por David Allen & the Arrows. (Márcio Ribeiro)

The Graduate (A Primeira Noite de um Homem, 1967, drama, 105 min.)

Direção: Mike Nichols
Roteiro: Calder Willingham e Buck Henry.
Produção: Lawrence Turman
Trilha: Simon & Garfunkel
Produtora: Avico-Embassy

Elenco e Participações: Dustin Hoffman, Anne Bancroft e Katerine Ross.

Jovem (Hoffman) recem saido da faculdade se envolve com mulher mais velha(Bancroft) e sua filha (Ross). (Márcio Ribeiro)

Good Times (1967, comédia, 91 min.)

Direção: William Friedkin
Roteiro: Tony Barrett
Produção: Lindsley Parsons
Produtora: Columbia Pictures

Elenco e Participações: Sonny & Cher, George Sanderse Edy Williams.

Filme dentro de um filme que satiriza Westerns, Policiais e Tarzã. A historia é basicamente Sonny & Cher como eles mesmos contemplando que tipo de filme fariam, uma vez dada a oportunidade. Aproveitam para cantar, entre outros, I Got You Babe e Bang, Bang.

Four Stars (1967, drama, p&b, 1.500 min.)

Direção e Produção: Andy Warhol
Produtora: Filmmakers Co-op

Elenco e Participações: Viva, Ondine, Nico, Patrick Close, Brigid Polka, Taylor Mead, Edie Sedgwick, Alan Midgette, the Velvet Underground.

Extravagancia de Warhol concluir um filme com duração de 25 horas. Ele mistura cenas dando um efeito psicodélico, marca dos tempos. Voyerismo com cenas de amor e de estupro, alem de situações homossexuais. Uma versão de "apenas" 120 minutos fora editado porem muitos ainda assim poderão achar o filme um pouco tedioso ou ofensivo. Parte do que ficou de fora dessa edição se tornou o filme Lovers of Odine (1968). (Márcio Ribeiro)

Don't Look Back (1967, documentário, 95 min.)

Direção: D. A. Pennebaker
Produção: Albert Grossman e Don Courtr
Produtora: Leacock - Pennebaker

Elenco e Participações: Bob Dylan, Joan Baez, Derrol Adams,, Bob Neuwirth.

Registro da excursão na Inglaterra em 1965. Entrevistas espontâneas, muito improviso e muitas canções nesse filme. Entre elas Death of Jattie Carroll e The Times They Are-A Changin'. (Márcio Ribeiro)

Here We Go Round the Mulberry Bush (1967, drama, 96 min.)

Direção: Clive Donner
Roteiro: Hunter Davis
Produção: Larry Krammer
Trilha Sonra: Traffic, Spencer Davis Group, Steve Wonder
Produtora: United Artists

Elenco e Participações: Barry Evans, Judy Geeson, the Spencer Davis Group

A historia de um rapaz virgem (Evans) tentando arrumar sua primeira vez e todas as frustrações que fazem parte da adolescência. Músicas incluídas são Utterly Simple e a canção título por Traffic, e Every Little Thing, taking Out time, Looking Back e Pictures of Her do Spencer Davis Group que também aparecem o filme. (Márcio Ribeiro)

The Commitee (1968, drama, 58 min.)

Direção: Peter Sykes
Roteiro: Max Steuer e Pater Kykes
Produção: Max Steuer
Produtora: Planet Films

Elenco e Participações: Paul Jones, Tom Kempinski, Arthur Brown.

Fantasia kafkiana sobre crime e castigo. Música de Pink Floyd e apresentação de Arthur Brown contando "Nightmare".

Skidoo (1968, comedia, 98 min)

Direção e Produção: Otto Preminger
Roteiro: Doran William Cannon
Produtora: Paramount Pictures

Elenco: Jackie Gleason, Carol Channning, Burgess meredith, Cesar Romero, Alexandre Hay, John Philip Law, Frankie Vallie, Grouxo Marx, Donayle Luna, Harry Nilsson.

Gangster aposentado com problemas por causa de seu passado recebe a ajuda de sua filha e seus amigos hippies. A idéia de assistir ícones do humor inocente como Jackie Gleason viajando em acido e Carol Channing cantando sobre amor livre é hilária. Eles não estavam preparados para isto e nem nunca estarão! Músicas de Harry Nilsson. (Márcio Ribeiro)

Psych - Out (1968, drama, 95 min.)

Direção: Richard Rush
Roteiro: Betty Tusher, Betty Ulius e E. Hunter Willet
baseado em uma historia de E. Hunter Willet
Produção: Dick Clark
Trilha: Ronald Stein
Produtora: American Internacional Pictures

Elenco e Participações: Jack Nicholson, Susan Strasberg, Dewan Stockwell, Bruce Dern, Strawberry Alarm Clock, Ken Scott

Jennie (Strasberg) viaja até San Francisco para achar seu irmão hippie, Steve (Dern). Pelo caminho encontra Stoney (Nicholson) e Dave (Stockwell) que à ajuda na sua busca. Stoney tenta transforma a menina careta em uma gatinha "moderna". O filme apresenta algumas facetas da vida hippie da época, as drogas e os conceitos, sem tentar julga-los. The Strawberry Alarm Clock toca Incense and Pepermints. Outras bandas são the Seeds, the Storybook e Cryque Boenzee. (Márcio Ribeiro)

A Degree of Murder (1969, drama, 87 min.)

Direção: Volker Schlöndorff
Roteiro: Arne Boyer, Niklas Franz e Gregor Von Rezzori
Produção: Rob Houwer
Trilha: Brian Jones

Elenco e Participações: Anita Pallenberg, Werner Enke, Manfried Fischbeck, Hans-Peter Hallwachs, Angela Hillebrecht.

Em meio a uma briga entre amantes, a jovem Marie (Pallenberg) acidentalmente mata seu companheiro. Ela encontra dois homens para ajuda-la a esconder o corpo porem acaba se envolvendo com os dois. Isto é apenas o começo... (Márcio Ribeiro)

Easy Rider (Sem Destino, 1969, 92min)

Direção: Dennis Hopper
Produção: Peter Fonda

Elenco: Peter Fonda, Dennis Hopper, Jack Nicholson, Phil Spector

Esta produção independente tornou-se um road-movie clássico, onde dois motoqueiros ligeiramente "fora-da-lei" (Peter Fonda e Dennis Hopper), após faturarem uma grana repassando drogas para um traficante (Phil Spector), resolvem fazer uma viagem ao Mardi Gras (considerado o "Carnaval de New Orleans"). No meio do caminho transam drogas (*), sexo, e encontram tudo quanto é tipo de malucos de plantão, desde comunidades hippies, até um advogado alcoólatra (interpretado por Jack Nicholson), porém acabam tendo problemas com a polícia e com elementos extremamente reacionários típicos do Sul "caipirão" dos EUA.

As cenas da dupla cruzando as estradinhas do interior americanas nas suas respectivas Harleys ficaram marcadas na mente de várias gerações como sinônimo de liberdade; contribuiu para isto a belíssima trilha sonora, que continha The Byrds, The Jimi Hendrix Experience, The Band e alguns outros. Porém o maior legado do filme foi imortalizar a canção "Born To Be Wild" do Steppenwolf - que se tornou não somente um hino roqueiro mas também de todas tribos "Easy Riders" existentes mundo afora. (Marcos A. M. Cruz)

Numa entrevista anos depois, perguntado como tinha conseguido caracterizar tão bem o personagem na cena em que fumam um baseado em volta da fogueira, Nicholson respondeu: "é que não somente nós que estávamos atuando, mas TODA a equipe estava queimando um fumo naquela hora!"

More (1969, drama, 116 min)

Direção: Barbet Schroeder
Roteiro: Paul Gegauff e Barbet Schroeder
Produção: M. Chanderli e Stephane Tchalgadjieff
Produtora: Cinema V

Elenco e Participações: Mimsey Farmer e Klaus Grunberg

Historia de um dependente de heroina que se desenrola durante "o verão do amor" em San Francisco. Trilha sonora do Pink Floyd. (Márcio Ribeiro)

Medium Cool (1969, drama, 111 min.)

Direção e Roteiro: Haskell Wexler
Produção: Tully friedaman e Haskell Wexler
Produtora: Paramount Pictures

Elenco e Participações: Robert Forster, Verna Bloom, Peter Bonerz, Mothers of Invention.

Cameraman de TV se envolve com uma india Apalache e seu filho durante a Convenção Democrática de 1968. Frank Zappa & the Mothers of Invention tocam Merry Go-Round durante uma das seqüências do filme. (Márcio Ribeiro)

Johnny Cash! - The Man, His World, His Music (1969, documentário, 94 min.)

Direção e Roteiro: Robert Elfstrom
Produção: Arthur e Evelyn Barron
Produtora: Continental

Elenco e Participações: Johnny Cash, Bob Dylan, Carl Perkins.

Documentário da carreira deste cantor de country que junto com Carl Perkins, Elvis Presley e Jerry Lee Lewis, formavam a elite da gravadora Sun Records. Apresentações mostram Cash em dueto com Bob Dylan na música One To Many Mornings e com Carl Perkins em Blue Suede Shoes. (Márcio Ribeiro)

Experience (1969, documentário, 29 min.)

Direção: Peter Neal
Produção: Austin John Marshall
Produtora: Pomegsrranate Films

Elenco e Participações: Jimi Hendrix, Noel Redding e Mitch Mitchell.

Curta metragem com imagens do show e bastidores. Músicas incluidas são Purple Haze, Wild Thing, Foxy Lady, Castles Made Of Sand. Voodoo Chile e May This Be Love. (Márcio Ribeiro)

Model Shop (1969, drama, 92 min.)

Direção e produção: Jaques Demy
Roteiro: Jaques Demy e Adrian Joyce
Trilha: Spirit
Produtora: Columbia Pictures

Elenco e Participações: Anouk Aimée, Gary Lockwood

Rapaz jovem acaba de ser recrutado quando conhece uma linda e misteriosa mulher. Trilha sonora do grupo Spirit que inclui também uma aparição no filme. (Márcio Ribeiro)

Zabriskie Point (1970, 112min)

Direção: Michaelangelo Antonioni

Elenco: Mark Frechette, Daria Halprin

Único filme do cultuado diretor italiano Antonioni feito nos Estados Unidos. O filme é uma espécie de road-movie que não vai a lugar algum. O destaque fica para a excelente trilha sonora com músicas de bandas como Pink Floyd, Gratefull Dead, Jerry Garcia, Rolling Stones, Kaleidoscope e The Youngbloods. (Saulo Gomes)

Tomorrow (1970, musical, 95 min)

Direção e Roteiro: Val Guest
Produção: Harry Saltzman
Produtora: Rank

Elenco: Olivia Newton-John, Benny Thomas, Vic Cooper e karl Chambers.

Grupo pop acaba seqüestrado por alienígenas fascinados pelo seu som conseguido através de um aparelho chamado "tonalizer". Co-produção de Don Kirshner. (Márcio Ribeiro)

Brewster McLoud (1970, comédia, 101 min)

Direção: Robert Altman
Roteiro: Doran William Cannon
Produção: Lou Alder
Produtora: MGM

Elenco: Bud Cort, Sally Kellerman, Shelly Duval.

Altman cria uma fantasia sobre um Ícaro adolescente. Músicas de Papa John Phillips cantadas por Merry Clayton. (Márcio Ribeiro)

Beyond The Valley of the Dolls (1970, drama, 109 min.)

Direção e Produção: Russ Meyer
Roteiro: Roger Ebert e Russ Meyer

Elenco e Participações: Erica Gavin, Edy Williams, Charles Napierm Cynthia Myres

Filme sobre o cenário musical de Hollywood contada através da historia de uma banda formada por meninas que batalha e consegue o sucesso. Músicas de Stu Phillips e Bill Loose. O filme conta também com a aparição do Strawberry Alarm Clock que executam duas músicas, alem de the Sandpipers que tocam a música título. (Márcio Ribeiro)

Cult of the Damned (1970, drama, 103 min.)

Direção e Roteiro: Riobert Thom
Produção: Jerome F. Katzman
Produtora: American International Pictures

Elenco: Jennifer Jones, Jordan Christopher, Holly Near.

Líder do grupo the Wild Ones (Christopher) se torna um semi-deus do rock, tipo Jim Morrison, e acaba caindo em desgraça. Canções de Barry Mann e Cynthia Weil. (Márcio Ribeiro)

Continental Circus (1971, documentário, 102 min)

Direção e Roteiro: Jerome Laperrousaz
Produtora: Open Film e Filmanthrope
Trilha: Gong

Elenco: Jack Findlay e Giacomo Agostini

Documentário francês sobre corridas de motocicletas, mostrando suas dificuldades e perigos. A historia nos apresenta dois oponentes principais. O primeiro é Jack Findlay, um Australiano que se mantém na disputa graças a sua garra, disposição e o apoio da esposa e amigos. Ele não tem quase patrocínio, corre em motos emprestadas e vive tendo acidentes. O outro, Giacomo Agostini, é o atual campeão, tem todo o patrocino que precisa, é um playboy conhecido e sempre vence suas corridas de forma limpa e sem acidentes. (Márcio Ribeiro)

Deep End (1971, drama, 88 min)

Direção: Jerry Skolimowski
Roteiro: Jerry Skolimowski, Jerry Gruza e Boleslaw Sulik
Produção: Lutz Hengst
Produtora: Paramount Pictures

Elenco: Jane Asher e John Moulder-Brown.

Historia de amor entre Asher e Brown ambientado em Londres ao som de músicas de Cat Stevens e Can. (Márcio Ribeiro)

Friends (1971, drama, 102 min)

Direção e Produção: Lewis gilbert
Roteiro: Jack Russel e Vernon Harris
Produtora: Paramount Pictures

Elenco: Sean Bury e Alice Adams

Historia de dois adolescentes excepcionais que se apaixonam e fogem juntos. Trilha sonora da dupla Elton John e Bernie Taupin. (Márcio Ribeiro)

Dusty and Sweets McGee (1971, drama, 95 min)

Direção, Roteiro e Produção: Floyd Mutrux
Produtora: Warner Brothers

Elenco: Billy Gray.

Ficção que usa cenas reais para ilustrar o uso de drogas em Los Angles. Trilha sonora inclui Van Morrison, Del Shannon, the Monotones, the Marcels, Little Eva e Harry Nilsson. (Márcio Ribeiro)

Dynamite Chicken (1971, comédia/musical, 76 min)

Direção, Roteiro e Produção: Ernest Pintoff
Produtora: VPS

Elenco e Participações: Richard Pryor, Paul Krasner, John Lennon & Yoko Ono, Sha Na Na, Jimi Hendrix, Loenard Cohen, Lenny Bruce, Cat Mother & the All Night Newsboys, Joan Baez, Velvet Underground, The Muddy Waters Blues Band.

Colagem de clips de filmes antigos costurados a material satírico a cargo de Pryor. (Márcio Ribeiro)

Shaft (1971, aventura, 100 min)

Direção: Gordon Parks
Roteiro: Ernest Tidyman
Produção: Joel Freeman
Produtora: MGM

Elenco: Richard Roundtree, Moses Gunn.

Filha de um extorsionário é raptada e detetive Shaft é contratado para encontra-la. O filme rendeu uma seqüência e um seriado televisivo. Música e direção musical de Issac Haynes com "Theme From Shaft" ganhando o Oscar de 1971 por melhor canção. (Márcio Ribeiro)

La Vallée (1972, drama, 114 min)

Direção: Barbet Schroeder
Roteiro de Paul Gegauff e Barbet Schroeder
Produção de M. Chanderli e Stephane Tchalgadjieff
Produtora: Lagoon

Elenco e Participações: Jean-Pierre Kalfan, Bulle Ogier.

Historia enigmatica sobre uma francesa (Ogier) que viaja para Nova Guiné em busca de arte nativa. Trilha sonora composta especialmente para o filme pelo Pink Floyd. (Márcio Ribeiro)

American Graffiti (Loucuras de Verão, 1973, comedia, 110 min)

Direção: George Lucas
Roteiro: George Lucas, Willard Huyck e Gloria Kurtz
Produção: Francis Ford Coppola e Gary Kurtz
Produtora: MCA

Elenco e Participações: Ron Howard, Richard Dryfuss, Cindy Williams, Suzanna Somers, MacKenze Phillips, Candy Clark, Paul LeMat, Harrison Ford e Wolfman Jack.

Um dia na vida de um grupo de adolescentes de uma cidadezinha na Califórnia em pleno anos cinqüenta. Ótima recriação de época e excelente trilha sonora, faz deste filme um pequeno clássico. De brinde temos ainda Wolfman Jack, o último dos grandes DJ's, símbolo de uma era. Quando o filme foi relançado em 1979, certas seqüências que haviam sido originalmente cortados por exigência do estúdio foram colocados de volta pelo diretor G. Lucas, tão grande estava seu cartaz após o sucesso de Star Wars. (Márcio Ribeiro)

Slaughter's Big Rip-Off (1973, drama,93 min)

Direção: Gordon Douglas
Roteiro: Charles Johnson
Produção: Don Williams
Produtora: American International Pictures

Elenco: Jim Brown, Ed Mcmahon, Don Stroud e Gloria Hendry.

Melodrama sobre um homem lutando contra o sindicato do crime. Músicas de James Brown. (Márcio Ribeiro)

O Lucky Man (1973, drama/comédia, 174 min)

Direção: Lindsay Anedrson
Roteiro: David Sherwin
Produção: Michael Medwin e Lindsay Anderson
Produtora: Warner Brothers

Elenco: Malcom McDowell, Ralph Richards e Rachel Roberts.

Integração bem sucedida entre dramaturgia e rock n' roll. McDowell é um jovem entrando no mundo dos negócios que não se deixa deter por nada. Depois de inúmeras rejeições e até prisão, ele percebe que não está muito pior do que quando começou. Música de Alan Price que aparece ocasionalmente cantando os temas que servem de narração para o desenrolar da trama. Anos adiante , o diretor Anderson filma If, uma espécie de seqüência. (Márcio Ribeiro)

Five Summer Stories (1973, documentário, 100 min)

Direção, Roteiro e Produção: Greg MacGillivray e Jim Freeman
Produtora: MacGillivray-Freeman Films

Vendido como o último filme de surf, trata-se na verdade de uma compilação de outras produções dos diretores (Waves of Change, the Sunshine Day, etc) as quais foram acrescidas algumas cenas novas. Abundância de Beach Boys e mais material da banda Honk na trilha sonora. (Márcio Ribeiro)

The Phantom of the Paradise (O Fantasma do Paraíso, 1974, musical, 92 min)

Direção e Roteiro: Brian de Palma
Produção: Edward R. Pressman
Produtora: 20th Century Fox

Elenco: Paul Williams, William Finley, Jessica Harper e Gerrit Graham.

A historia de Fausto com o Fantasma da Opera, em versão rock n' roll. Winslow, jovem compositor (Finley) é caçado e desfigurado quando Swan (Williams), o diabo em forma de empresário musical, rouba seu épico chamado Faust. Swan abre um clube noturno chamado Paradise e quer estrear o épico em grande estilo mas Winslow tem sede de vingança. Excelente trilha sonora toda de Paul Williams. (Márcio Ribeiro)

Shaft in África (1975, aventura, 112 min)

Direção: John Guillermin
Roteiro: Stirling Silliphant
Produção: Roger Lewis
Produtora: MGM

Elenco: Richard Roundtree, Vonetta McGee.

Seqüência do filme Shaft que desta vez é envolvido em um seqüestro na África. Música de Johnny Plate com Are You Man Enough? cantado pelos Four Tops. (Márcio Ribeiro)

Shampoo (1975, comédia, 110 min)

Direção: Hal Ashby
Roteiro: Robert Townse e Warren Beatty
Produção: Warren Beatty
Produtora: Columbia Pictures

Elenco: Warren Beatty, 0Julie Christie, Jack Warden, Goldie Hawn, Lee Grant, Carrie Fisher e Tony Bill.

Vinte e quatro horas na vida de um cabeleireiro (Beatty) que não consegue decidir qual das muitas amantes que quer ficar. Música de Paul Simon mais a inclusão de Wouldn't It Be Nice dos Beach Boys e Strawberry Fields Forever dos Beatles. (Márcio Ribeiro)

The Rocky Horror Picture Show (1975, musical, 101 min)

Direção: Jim Sharman
Roteiro: Jim Sharman e Richard O'Brien
Produção: Lou Alder e Michael White
Produtora: 20th Century Fox

Elenco e Participações: Tim Curry, Susan Sarandon, Barry Bosteick Richard O'Brien, Jonnathan Adams, Pat Quinn, MeatLoaf.

Filme que junta o gênero horror ao rock baseado na peça da Broadway com mesmo nome. O resultado é um divertido carrossel de tipos e situações satíricas com amplo comprometimento do publico que é incentivada a gritar e participar. Cult-movie por excelência, favorito nas sessões de meia noite em boa parte da América, um dos maiores representantes da geração 70's, chegando a ser citado no filme Fame.

Brad e Janet, recém-casados, enguiçam em frente ao castelo de Dr. Frank N. Furter. Eles o procuram para abrigo não sabendo que estão caindo nas garras do Transexual da Transilvânia. Canções de Richard O' Brien, que também é roterista e ator. Entre elas estão Science-Fiction Double Feature, Toucha Toucha Toucha Me, The Time Warp e Sweet Transvestie. (Márcio Ribeiro)

Tommy (1975, 111 min)

Diretor: Ken Russell.
Produção: Robert Stigwood.

Elenco: Roger Daltrey, Ann-Margret, Oliver Reed, Jack Nicholson, Elton John, Tina Turner, Eric Clapton, Keith Moon.

Malsucedida versão para o cinema da ópera Tommy, do grupo inglês The Who, que consumiu quase dois anos de produção. A história sobre um garoto que fica cego, surdo e mudo após ver o assassinato do pai, é transformada pelo diretor inglês Ken Russell numa extravagância burlesca, que muitas vezes beira ao ridículo. O filme não foi bem recebido por público e crítica, e teve uma bilheteria medíocre. No entanto chegou a render uma indicação ao Oscar de melhor atriz para Ann-Margret no papel de Nora, mãe de Tommy. Ann perdeu para Loiuse Fletcher por Um Estranho no Ninho.

A ópera rock Tommy teria mais sorte no teatro, onde seria encenada com sucesso nos anos 90. Teve problemas com a censura, no Brasil, na época do seu lançamento nos anos 70. Sendo que toda a seqüência, na qual Eric Clapton interpretava "Eyesight To The Blind" foi cortada por causa de suas referências ao uso de drogas injetáveis. (Saulo Gomes)

Lisztomania (1975, 104 min)

Direção: Ken Russell

Elenco: Roger Daltrey, Sara Kesteman, Paul Nicholas, Fiona Lewis, Rick Wakeman, Ringo Starr.

Numa espécie de ressaca criativa da ópera rock Tommy, o diretor inglês Ken Russell volta a trabalhar com Roger Daltrey, num filme que é uma adaptação ‘livre’ da vida do compositor e pianista húngaro Franz Listz. Mais uma vez Russell abusa da sua liberdade criativa pervertida para narrar uma história absurda e que não condiz com a realidade. Levada em tom de pilhéria pelo diretor, que abusa no uso de situações grotescas e caricatas. A trilha sonora foi produzida e interpretada por Rick Wakeman. Ringo aparece rapidamente no papel do Papa. (Saulo Gomes)

Apocalypse Now (1979, drama, 139 min)

Direção e Produção: Francis Ford Coppola
Roteiro: Francis Ford Coppola e John Millius
Produtora: United Artists

Elenco e Participações: Marlon Brando, Martin Shean.

Baseado no romance Heart of Darkness de Joseph Conrad, este é o primeiro filme a retratar a desunião entre soldados e a loucura que foi a Guerra do Vietnã. Trilha sonora quase toda roqueria. (Márcio Ribeiro)

More American Graffiti (1979, comédia, 111 min)

Direção e Roteiro: B. W. L. Norton
Produção: George Lucas
Produtora: Universal Pictures

Elenco e Participações: Ron Howard, Cindy Williams, MacKenze Phillips, Candy Clark.

Fracassada continuação de American Graffitti, alguns anos adiante com seus personagens em situações diversas. Alguns estão servindo em Veitnã, outros são hippies ou cassados vivendo uma vida careta e assim por diante. A música agora é dos Byrds, Hendrix e outros idolos de 60. (Márcio Ribeiro)

Bad Timing: A Sensual Obsession (1980, drama, 123 min)

Direção: Nicolas Roeg
Roteiro: Yale Udoff
Produção: Jerry Thomas
Produtora: United Artists

Elenco e Participações: Art Garfunkel, Theresa Russell.

Trama amoroso confuso entre um professor de psicanálise (Garfunkel) e uma mulher casada (Russell). Na trilha sonora temos Who, Billie Holliday, Tom Waits e Zoot Money. (Márcio Ribeiro)

Pirates (1986, drama, 124 min.)

Direção: Roman Polanski
Roteiro: Gerard Brack e John Brownjohn
Produção: Tarak Ben Anmar e Mark Lombardo
Trilha: Stephen James Taylor

Elenco e Participações: Walter Matthau, Damien Thomas, Cris Campion, Charlotte Lewis, Richard Pearson, Ian Dury.

Roman Polanski nos apresenta uma historia relembrando os filmes antigos de piratas com uma leitura um pouco mais moderna. Capitão Red (Matthau) e seu primeiro assistente, o francês, apelidado de Frog (Campion) navegam seu navio pirata pelos sete mares. Um dia Red é capturado e levado por um navio espanhol. graças a sua inventividade e coragem, levanta a tripulação em um motim, toma a nave espanhola e seqüestra a filha (Lewis) do governador de Maracaibo. (Márcio Ribeiro)

In & Out (Será Que Ele É?) 1997 Comédia

Direção: Frank Oz
Roteiro: Paul Rudnick

Elenco: Kevin Kline, Joan Cusack, Matt Dillon, Debbie Reynolds, Wilford Brimley, Bob Newhart, Tom Selleck, Deborah Rush.

Uma excelente comédia que conta a história de um respeitado professor de inglês que começar a ser questionado sobre suas preferências sexuais. Um ex-aluno seu fica famoso e vira um grande ator que acaba ganhando um Oscar. No ato em que recebe o prêmio o rapaz faz uma declaração dizendo agradecer seu professor gay. Após essa declaração em plena cerimônia de entrega do Oscar, o professor começa a ser o centro das atenções na pequena cidade em que vive. E fica a pergunta: Será que ele é? Pergunta que só será respondida no final do filme.

No dia seguinte ao anúncio no Oscar, os outros professores do colégio começam a comentar sobre o assunto e um deles diz: "Bob Dylan dizia: ‘Por quantos caminhos deve o homem seguir para se considerar um homem?’" – após dizer isso ele ainda canta um trecho da música "Blowin In The Wind" do próprio Dylan. (Carlos, O Chacal)

Austin Powers: The Spy Who Shagged Me (Austin Powers: O "Bond" Cama 1998, comédia/espionagem, 95 min.)

Direção: Jay Roach
Roteiro: Michael McCullers e Mike Myers
Produção: John Lyons, Eric McLeod, Demi Moore, Jennifer Todd, Suzanne Todd e Mike Myers
Trilha: George S. Clinton
Produtora: New Line Cinema

Elenco e Participações: Mike Myers, Heather Graham, Robert Wagner, Rob Lowe, Seth Green, Mindy Sterling, Verne Troyer,

Divertida parodia dos filmes de espionagem da década de sessenta. Agente secreto inglês, Austin Powers (Myers) tem que derrotar seu inimigo mortal Mr. Evil (também Myers) e para isso ele volta no tempo, de 1998 para 1968. Muitos trocadilhos e algumas participações especiais que incluem Elizabeth Hurley, Tim Robbins, Jerry Springer, Woody Harrelson, Willie Nelson, Elvis Costello e Burt Bacharach. Esses dois últimos interpretam para as câmeras, What Do You Get When You Fall In Love. (Márcio Ribeiro)

Hurricane, The (Hurricane – O Furacão) 1999 Drama

Direção: Norman Jewison
Roteiro: Rubin 'Hurricane' Carter (livro) e Sam Chaiton

Elenco: Denzel Washington, Vicellous Reon Shannon, Deborah Unger, Liev Schreiber, John Hannah, Dan Hedaya, Debbi Morgan

Baseado num fato verídico , conta a história de um lutador de boxe que é acusado injustamente de dois assassinatos. Dentro da prisão Hurricane escreve sua auto-biografia, um rapaz compra o livro e acaba despertando nele a vontade de ajudar Hurricane a sair da cadeia e provar a sua inocência. Denzel Washington concorreu ao Oscar como melhor ator. Muita gente acusou o filme de distorcer os fatos reais contando uma história diferente do que realmente aconteceu, e provavelmente essas declarações impediram que o filme fosse indicado a mais Oscar’s.

A música-tema do filme é "Hurricane" de Bob Dylan, que foi escrita justamente na época em que o caso de Rubin "Hurricane" Carter estava decorrendo, e a canção faz praticamente um resumo da história do lutador. Em um breve momento durante o filme aparecem algumas cenas de Bob Dylan tocando a música "Hurricane" em um show. Quando a mulher de Hurricane vai a prisão visitar o marido, ela diz a seguinte frase: "Muita gente está te apoiando, Bob Dylan, Muhamed Ali..." (Carlos, O Chacal)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 13 de janeiro de 2013
Post de 15 de janeiro de 2013

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Cinema e TV"

AnthraxAnthrax
Scott Ian fala sobre filmes, quadrinhos, internet...

Cinema e RockCinema e Rock
Uma lista de filmes com o melhor de dois mundos

Guns N RosesGuns N' Roses
As participações em filmes e trilhas sonoras

0 acessosTodas as matérias da seção Curiosidades0 acessosTodas as matérias sobre "Cinema e TV"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor não tem a cara limpa por baixo da máscara

AC/DCAC/DC
A origem do nome da banda

Em vídeoEm vídeo
A diferença entre ser músico e ser rockstar

5000 acessosEm 07/07/1990: Morre Cazuza, por complicações decorrentes da AIDS5000 acessosLemmy Kilmister: A opinião da lenda sobre Sharon Osbourne e Iron Maiden5000 acessosMetal Extremo: algumas bandas que você precisa ouvir5000 acessosMetallica: Hammett e Ulrich escolhem álbuns e músicas da década passada5000 acessosX-Factor Brasil 2016: cantora arrebenta com "Highway To Hell" do AC/DC!5000 acessosTankard: "Crystal é uma cerveja tão ruim quanto a Heineken"

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online