Matérias Mais Lidas

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemProdutor de "Temple of Shadows" conta problemas que teve com voz de Edu Falaschi

imagemIron Maiden faz mais um show da "Legacy Of The Beast World Tour"; veja setlist

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemA definição de rock n roll segundo quem melhor entende do assunto: Mick Jagger

imagemKiko Loureiro explica efeito colateral da saída de Andre Matos que o fez crescer

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemTodos os discos do Nightwish, do pior para o melhor, em lista da Metal Hammer

imagemMike Shinoda não está nada feliz com a interferência das redes sociais na música

imagemShavo Odadjian, baixista do System Of A Down, conta quais álbuns mudaram sua vida

imagemRockers lamentam e se enfurecem com tiroteio que resultou em 19 crianças mortas no Texas

imagemMetallica vai lançar toca discos super invocado, que obviamente custará uma fortuna

imagemFernanda Lira, da Crypta, e o papo reto sobre "se falar de política vai perder fãs"

imagemNick Mason relembra a época que o Pink Floyd desastrosamente tentou tocar reggae


Stamp

Kiko Loureiro: novo álbum Open Source é um petardo

Resenha - Open Source - Kiko Loureiro

Por Marcio Machado
Em 11/07/20

Em atividade com o Megadeth e prestes a lançarem novo material, o conceituado guitarrista brazuka Kiko Loureiro, arranjou tempo para trazer um novo trabalho solo, o quinto nesse formato, intitulado "Open Source". Para a empreitada ele trouxe os ex parceiros de Angra, Felipe Andreoli no baixo e Bruno Valverde na bateria, além das participações do ex Megadeth, Marty Friedman e de Mateus Asato, ambos guitarristas, o segundo, mais brasileiro para o time.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O trabalho traz 11 faixas e a maestria de Kiko está ali, imprensa em cada detalhe, desde a abertura com "Overflow" que nos primeiro dedilhados já nos ganha e toma atenção até a quebradeira quando o trio surge em ação mostrando a boa química. Já em "EDM (e-Dependent Mind)", primeiro single do trabalho vemos que o guitarrista está atualizado e propõe uma mudança sonora, indo na direção do djent e causando momento bastante intrincados na composição e explodindo em feeling. "Iminent Threat" traz a participação de Friedman e os riffs de Kiko estão cravados ali e sem esforço sabemos que se trata de uma composição sua, e o convidado não deixa por menos criando linhas de solo impecáveis e o garoto Valverde brilha acompanhando esses dois. A evolução na bateria do rapaz é incrível em tempos absurdos, fora as passagens do baixo de Andreoli que soam bruscas e carregadas de técnica.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Liquid Times" é a vez de Asato brilhar e aqui mais uma vez há o flerte com o djent, empregado de uma ótima atmosfera do fusion. Em seguida é hora do momento "abrasileirado" que como de praxe, não podia faltar e está lá com "Sertão", que nos faz lembrar dos tempos de Angra, principalmente no "Holy Land" e um toque do "Secret Garden", soando pesada e precisa, além de uma bela passagem de piano. "Vital Signs" já é um produto mais técnico com total pé no fusion e Kiko se esbalda nesses momentos. "Dreamlike" é mais branda e traz momento bonitinhos, bastante melódica e agradável. "Black Ice" é pesada e traz uma porradaria sonora, passagens totalmente quebradas e muito groove, umas das melhores do disco todo. "In Motion" continua essa vibe e é puro deleite sonoro, carregada de força e um baixo estalado que chama atenção, a mudança nos andamentos é fantástica e uma das faixas mais ricas aqui.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Running With the Bulls" é pura quebradeira e vai torcer a mente do ouvinte com guitarras sobrepostas e que nos tiram da órbita, e mais uma vez um impecável trabalho da bateria. O nome da faixa é levado a sério mesmo aqui. E encerrando "Du Monde" tem uma leve semelhança com a introdução de "Rebirth", mas logo as coisas mudam e vem uma ótima faixa de fusion para fechar o belo trabalho.

Destrinchar um disco de música instrumental em palavras é tarefa quase impossível, pois somente ouvindo você vai saber do que realmente se trata. E talvez impossível também para alguns seja ouvir um disco todo desse estilo, principalmente para aqueles que não tocam algum instrumento, mas acredite, Kiko conseguiu a façanha de criar um disco que agrada até mesmo esse público, pois sua audição é um tanto fluida e prazerosa de se fazer, então pode se deleitar nos momentos que com certeza você não irá se arrepender. Um petardo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

NOTA: 9

FORMAÇÃO:

Kiko Loureiro - guitarras
Felipe Andreoli - baixo
Bruno Valverde - bateria

CONVIDADOS:
Marty Friedman - guitarra
Mateus Asato - guitarra

TRACKLISTING:

Overflow
EDM (e-Dependent Mind)
Iminent Threat
Liquid Times
Sertão
Vital Signs
Dreamlike
Black Ice
In Motion
Running With the Bulls
Du Monde

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Rock nacional: 10 solos de guitarra essenciais



Sobre Marcio Machado

Estudante de história, apaixonado por cinema e o bom rock, fã de Korn, Dream Theater e Alice in Chains. Metido a escritor e crítico.

Mais matérias de Marcio Machado.