Matérias Mais Lidas

Guns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito melhor vocalistaGuns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito "melhor vocalista"

Skank: a frase homofóbica que Samuel Rosa se arrependeu de ter dito para livro de LeoniSkank: a frase homofóbica que Samuel Rosa se arrependeu de ter dito para livro de Leoni

Iron Maiden: gravação impressiona ao mostrar o quanto Adrian Smith é preciso ao vivoIron Maiden: gravação impressiona ao mostrar o quanto Adrian Smith é preciso ao vivo

Mayhem: fique longe das redes sociais, aconselha NecrobutcherMayhem: "fique longe das redes sociais", aconselha Necrobutcher

Dream Theater: James LaBrie diz que não faz sentido se arriscar com turnê neste momentoDream Theater: James LaBrie diz que não faz sentido se arriscar com turnê neste momento

Judas Priest: Rob Halford revela qual é a sua música definitiva da bandaJudas Priest: Rob Halford revela qual é a sua "música definitiva" da banda

Iron Maiden: James LaBrie recusou audição para assumir o lugar de Bruce DickinsonIron Maiden: James LaBrie recusou audição para assumir o lugar de Bruce Dickinson

Nightwish: em momento nostálgico Floor Jansen relembra sua irmã mais velha no metalNightwish: em momento nostálgico Floor Jansen relembra sua "irmã mais velha no metal"

Judas Priest: K.K. Downing espera que Richie Faulkner se recupere e banda retome turnêJudas Priest: K.K. Downing espera que Richie Faulkner se recupere e banda retome turnê

Angra: A gente não tem pressa de lançar um disco que não seja como a gente querAngra: "A gente não tem pressa de lançar um disco que não seja como a gente quer"

Eagles: guitarrista conta como foi gravado o memorável solo da canção Hotel CaliforniaEagles: guitarrista conta como foi gravado o memorável solo da canção "Hotel California"

Lista: 50 hits do rock que agradam até mesmo quem não é fã de música pesadaLista: 50 hits do rock que agradam até mesmo quem não é fã de música pesada

David Ellefson: mesmo demitido do Megadeth ele diz que mágoas são coisas do passadoDavid Ellefson: mesmo demitido do Megadeth ele diz que mágoas "são coisas do passado"

Dream Theater: confira A View From The Top Of The World, novo álbum da bandaDream Theater: confira "A View From The Top Of The World", novo álbum da banda

Metal Sinfônico: os 25 melhores álbuns do gênero segundo a revista Metal HammerMetal Sinfônico: os 25 melhores álbuns do gênero segundo a revista Metal Hammer


Stamp

Megadeth: refinamento e composições certeiras em Youthanasia

Resenha - Youthanasia - Megadeth

Por Ricardo Seelig
Em 11/07/19

publicidade

O sexto disco do Megadeth foi lançado em 1 de novembro de 1994 e foi o terceiro com a formação preferida pela maioria dos fãs: Dave Mustaine, Marty Friedman, David Ellefson e Nick Menza. Novamente produzido por Max Norman, o mesmo do anterior "Countdown to Extinction" (1992), e repetindo o time também na arte da capa, mais uma vez criada por Hugh Syme (que assinaria ainda as de "Cryptic Writings", de 1997, e "The World Needs a Hero", de 2001), "Youthanasia" dá sequência à mudança sonora apresentada no álbum lançado dois anos antes. O Megadeth soa direto, deixando de lado o foco ostensivo na técnica que marcou os quatro primeiros trabalhos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O refinamento melódico e a assertividade das composições são o ponto alto, resultando em hinos da carreira da banda e faixas que conquistaram os corações dos fãs como "Train of Consequences", com um riff torto que só poderia sair da cabeça de Mustaine, e "A Tout Le Monde", cujo refrão cantado em francês é um dos mais conhecidos da carreira da banda norte-americana. O som é mais cheio e mais grave e contrasta com a mixagem cristalina de "Countdown to Extinction". Mustaine domina mais uma vez as composições, com parcerias pontuais com os demais integrantes em "Reckoning Day", "Elysian Fields", "Family Tree", "I Thought I Knew It All" e "Black Curtains".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Youthanasia" abre com a percussiva "Reckoning Day", construída a partir da interação entre a parede de guitarras e bateria marcial, em um grande trabalho de Nick Menza. O disco sobe às alturas com a genial "Train of Consequences", com andamento quebrado e um trabalho rítmico de guitarra que mostra o Megadeth andando totalmente fora da caixa, desembocando em um refrão que entrega doses generosas de melodia. Nick volta a ditar as coisas na cadenciada "Addicted to Chaos", uma das melhores músicos do disco, com uma excelente interpretação vocal de Dave Mustaine.

"A Tout Le Monde" entrega o momento de lirismo máximo de "Youthanasia". Uma canção que mostra que o Megadeth também sabe fazer baladas, explodindo em um andamento pesado e com um refrão que é um dos mais belos da história do metal. Se não me engano – e, se estiver errado, por favor me corrijam -, "A Tout Le Monde" foi a primeira canção gravada pelo Megadeth e que pode ser caracterizada como uma balada, demonstrando toda a amplitude imaginativa de Mustaine e não deixando de ser uma espécie de resposta para a sua ex-banda, que naquele início dos anos 1990 dominava as paradas com canções igualmente contemplativas como "The Unforgiven" e "Nothing Else Matters". O solo dobrado entre Mustaine e Marty Friedman é outro ponto alto, curto e certeiro, além dos excelentes trechos acústicos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O Megadeth da década de 1990 dá as caras nas cativantes "Elysian Fields" e em "The Killing Road", que soa contemporânea ao mesmo tempo em que revisita os primeiros anos da banda. "Blood of Heroes" é a jóia pouco falada de "Youthanasia", uma excelente canção com um dos melhores refrãos do álbum, e que acabou não ganhando o mesmo destaque de clássicos como "Train of Consequences" e "A Tout Le Monde". O mesmo vale para "Family Tree", onde o vocal tradicionalmente cínico e irônico de Dave conduz uma composição que mostra todo o brilhantismo daquele período da banda, e traz outro refrão excepcional.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O disco se encaminha para o final com a faixa título, super cadenciada e com uma inegável aura sabbathiana, além de uma letra fortíssima que fala sobre a eutanásia de crianças e adolescentes. "I Thought I Knew It All" aposta mais uma vez em ritmos mais moderados, e é uma das pérolas perdidas do álbum. Já "Black Curtains" é prima de uma certa "Sad But True", com estrutura similar a um dos maiores clássicos do Metallica e um desenvolvimento igualmente semelhante à faixa presente em "Black Album" (1991) – sei que alguns poderão não concordar, mas tenho essa opinião desde a primeira vez que a ouvi, há 25 anos. O disco fecha com "Victory", que não acrescenta muito ao tracklist.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Youthanasia" chegou ao quarto posto do Billboard 200 e foi muito bem também em países como Inglaterra (6º lugar), Suécia (4º) e Austrália (9º), e rendeu um disco de platina para o quarteto com mais de um milhão de cópias vendidas nos Estados Unidos.

Talvez "Youthanasia" seja o disco mais acessível dos quatro que o Megadeth gravou com o line-up Mustaine, Friedman, Ellefson e Menza. Seu sucessor, "Cryptic Writings", equilibraria elementos de "Countdown to Extinction" e do próprio "Youthanasia", mas sem o intenso brilho de ambos. Comemorando 25 anos no final de 2019, "Youthanasia" é um dos documentos mais marcantes do universo musical de Dave Mustaine e companhia, e um álbum que continua revelando surpresas mesmo duas décadas após o seu lançamento.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Youthanasia - Megadeth

Megadeth: os 25 anos do clássico YouthanasiaMegadeth
Os 25 anos do clássico Youthanasia

Megadeth: Youthanasia, um dos discos que mudou minha vida

Megadeth: "Youthanasia", talvez o último grande álbum da banda

Resenha - Youthanasia - Megadeth

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Tunecore 2
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

David Ellefson: mesmo demitido do Megadeth ele diz que mágoas são coisas do passadoDavid Ellefson: mesmo demitido do Megadeth ele diz que mágoas "são coisas do passado"

Megadeth: Kiko Loureiro mostra os bastidores de shows e sua habilidade no tênis de mesaMegadeth: Kiko Loureiro mostra os bastidores de shows e sua habilidade no tênis de mesa

David Ellefson: ele conta como esposa e filhos reagiram após vazamento dos vídeosDavid Ellefson: ele conta como esposa e filhos reagiram após vazamento dos vídeos

Megadeth: Equipe queria que Ellefson ficasse quieto, desobedecer custou tudoMegadeth: Equipe queria que Ellefson ficasse quieto, desobedecer custou tudo

Guia: do heavy ao death, 24 horas de metal feito por bandas dos Estados UnidosGuia: do heavy ao death, 24 horas de metal feito por bandas dos Estados Unidos

David Ellefson: primeira entrevista após saída do Megadeth; feliz por estar onde estouDavid Ellefson: primeira entrevista após saída do Megadeth; "feliz por estar onde estou"

Kerrang: 14 músicas gravadas por bandas de rock e metal que são assustadorasKerrang: 14 músicas gravadas por bandas de rock e metal que são assustadoras

Lista: relembre 30 grandes músicas que completarão 30 anos em 2022Lista: relembre 30 grandes músicas que completarão 30 anos em 2022

The Lucid: ouça o primeiro álbum da banda do ex-Megadeth David EllefsonThe Lucid: ouça o primeiro álbum da banda do ex-Megadeth David Ellefson

Megadeth: vídeo dos 60 anos do Dave Mustaine é compartilhado pelo professor de jiu-jitsuMegadeth: vídeo dos 60 anos do Dave Mustaine é compartilhado pelo professor de jiu-jitsu

Kiko Loureiro: no Brasil, desvalorização da cultura ficou ainda pior com BolsonaroKiko Loureiro: no Brasil, desvalorização da cultura ficou ainda pior com Bolsonaro

Dia dos Professores: relembre 20 discos que são verdadeiras aulas de metalDia dos Professores: relembre 20 discos que são verdadeiras aulas de metal

Megadeth: as diferenças entre David Ellefson e James LoMenzo, segundo Kiko LoureiroMegadeth: as diferenças entre David Ellefson e James LoMenzo, segundo Kiko Loureiro

Megadeth: a mixaria que Chris Poland recebia na época em que estava na bandaMegadeth: a mixaria que Chris Poland recebia na época em que estava na banda

The Lucid: novo projeto do ex-Megadeth David Ellefson lança o single HairThe Lucid: novo projeto do ex-Megadeth David Ellefson lança o single "Hair"


Dave Mustaine: Não há solos no Nü Metal porque os guitarristas não sabem tocarDave Mustaine: Não há solos no Nü Metal porque os guitarristas não sabem tocar

Dave Mustaine: Quem não pode alimentar um bebê não deve tê-lo?Dave Mustaine: Quem não pode alimentar um bebê não deve tê-lo?

Megadeth: último da lista, Kiko é o melhor com quem Mustaine já tocouMegadeth: último da lista, Kiko é o melhor com quem Mustaine já tocou


Slipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy MetalSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

Anthrax: Scott Ian apresenta a solução para o Phil AnselmoAnthrax
Scott Ian apresenta a solução para o Phil Anselmo


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig.