RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA banda brasileira que Metallica virou fã e convidou para os EUA depois de tocar junto

imagemA rockstar famosa que rejeitou Steven Tyler por não gostar de algo tão grande

imagemO grave erro de Kiko Zambianchi aos 15 anos que o inspirou a compor "Primeiros Erros"

imagemA separação dos Beatles segundo a visão de Ringo Starr

imagemO dia que Paulo Ricardo mentiu para presidente de gravadora e fez RPM ser contratado

imagemIan Gillan diz que ficou desapontado com "Born Again" e jogou álbum pela janela do carro

imagemO surpreendente país da Europa em que Angra é idolatrado e devia fazer mais shows

imagemPerfil oficial do Monsters of Rock publica fotos misteriosas com pistas sobre line-up

imagemSepultura e Nightwish fizeram sucesso no Metal pelo mesmo motivo, afirma Regis Tadeu

imagemAs "traições do movimento" mais emblemáticas do rock 'n roll

imagemIan Gillan diz que Blackmore é um pé no saco e manda reunião para o espaço

imagemPor que Steve Harris e Bruce Dickinson se dão bem, segundo tour manager

imagemA atitude de Gene Simmons que fazia Scorpions sentir nojo quando abria shows do Kiss

imagemO dia que hospital dos EUA julgou que RPM não tinha grana e Paulo Ricardo mostrou fortuna

imagemA curiosa maneira com que pais de Cazuza escolheram o ator que interpretou o filho


Samael Hypocrisy
Stamp

Soilwork: Soando mais maduros, ferozes e melodiosos

Resenha - Ride Majestic - Soilwork

Por Rodrigo Chibante Fernandes
Em 24/02/16

Nota: 9

Em 2013, o Soilwork lançou seu mais ousado projeto, o álbum The Living Infinite ,Lançado em formato duplo, com 20 canções, mostrando toda diversidade, brutalidade , melodia e técnica do sexteto sueco. Em 2015, a banda lançou o material ao vivo live in the Heart of Helsinki gravado durante a turnê de The Living Infinite mostrando que seu Melodic Death Metal técnico e diversificado é extremamente feroz ao vivo.

No mesmo ano do lançamento do material ao vivo, o Soilwork retorna com mais um álbum de estúdio, denomindo The Ride Majestic, trazendo a mesma coesão e técnica do bem sucedido álbum anterior, porém com um toque mais melodioso profundo em sua sonoridade.

O álbum abre com a faixa titulo ' The Ride Majestic' , com uma introdução perfeita com guitarras acústicas, logo após metendo o pé no acelerador, com a bateria de Dirk Verbeuren bem rápida acompanhada de belos fraseados de guitarra da dupla David Andersson e Sylvain Coudret ( Essa dupla das seis cordas teve um grande destaque no disco devido ao ar mais melodioso, com ótimos e inspiradíssimos riffs, fraseados e solos!), fora a agressividade dos vocais de Bjorn 'Speed' Strid contrastando bem com o instrumental, chegando a um refrão matador, que dificilmente o ouvinte irá parar de cantar.

Outro destaque do disco é a segunda música 'Alight in the Aftermarth' com uma levada bem speed metal, com incursões de 'Blasting Beats' contrastando com a ponte feita em voz limpa de Bjorn, caindo para uma linha mais trabalhada e cadenciada, alternando com trechos rápidos e brutais. Aliás, uma marca registrada da banda é a diversidade de andamentos dentro de sua música, alternando em partes progressivas, arrastadas e extremas.

A música de trabalho do disco é a ' Enemies in fidelity' com uma bela introdução de guitarras , seguindo com uma levada mais cadenciadas, com belíssimos vocais de Bjorn, novamente contrastando com os 'Blasting Beats' de Dirk, que tem se mostrado ter se encaixado como uma luva no Soilwork, sendo um baterista com técnica bem apurada e diversificada, indo do Heavy metal tradicional e Jazz à sonoridades mais extremas (qualidade já notada em sua antiga banda, Scarve).

Dentre outros destaques do disco, temos a cadenciada 'Whirl of Pain', a sentimental 'Father and son, Wathing the World go Down'. É inegável a qualidade e maturidade musical atingida pelo Soilwork neste lançamento,mesmo com a dose adicional de melodia encontrada na bolachinha, ainda sim, é uma aula de Melodic Death Metal, mostrando como ser Melódico, pesado e brutal!

Tracklist:

01. The Ride Majestic
02. Alight In The Aftermath
03. Death In General
04. Enemies In Fidelity
05. Petrichor By Sulphur
06. The Phantom
07. The Ride Majestic (Aspire Angelic)
08. Whirl Of Pain
09. All Along Echoing Paths
10. Shining Lights
11. Father And Son, Watching The World Go Down

Line-up:

Björn "Speed" Strid - vocais
Sylvain Coudret - guitarra
David Andersson - guitarra
Sven Karlsson - teclado
Dirk Verbeuren - bateria


Outras resenhas de Ride Majestic - Soilwork

Resenha - Ride Majestic - Soilwork

Resenha - Ride Majestic - Soilwork

Resenha - Ride Majestic - Soilwork

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Summer Breeze

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Lista: 10 ótimas músicas lançadas no segundo semestre de 2022

Jovens, mas nem tanto: 10 discos de heavy metal que completarão 20 anos em 2023

Dez músicas para apresentar sua banda favorita para quem não manja de metal

Cinco palavras que sempre aparecem em títulos de músicas de bandas de metal

Cinco bandas de metal que merecem mais atenção do que recebem - Parte II

Baterista do Soilwork lembra de falecido guitarrista durante show e cai no choro

Parece que foi ontem: 10 discos de heavy metal que completarão 10 anos em 2023

Maratona: músicas com mais de 10 minutos (e nenhuma é do Dream Theater)

Dez nomes do rock e do heavy metal que foram levados pelas drogas - Parte I

Dez músicas gravadas por bandas de rock e heavy metal que tocam no fundo da alma

Integrantes do Soilwork visitam túmulo de Bon Scott e vocalista deixa goró de lembrança

Novembro: 11 músicas para chegar com tudo no penúltimo mês do ano

Tecladista do Soilwork vira papai e desfalca banda em turnê pela Austrália

De Red Hot ao death metal, 15 músicas lançadas em 2022 que você precisa ouvir

Soilwork: confira playlist especial com 50 músicas gravadas pela banda

Lista: trechos de músicas gravadas por bandas de rock e metal para você tatuar - Parte 1

Lista: 10 bandas de rock e heavy metal com integrantes nascidos em países diferentes

Dez músicas gravadas por bandas de rock e heavy metal que tocam no fundo da alma

A História Impopular dos Rolling Stones - Parte 01 - A História do Trem

Slipknot: causando medo no cantor Latino durante o Rock In Rio