Danger Danger: Em 1989, Hard fino em primeiro disco

Resenha - Danger Danger - Danger Danger

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Sobreira
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


No final dos anos 80 e inicio dos anos 90, a enxurrada de bandas buscando um lugar ao sol, numa cena concorrida foi e ainda é inimaginável. Porém, como nem sempre quantidade é sinal de qualidade, poucas bandas se destacaram por sua originalidade e garra, como é o caso do Danger Danger.
174 acessosDanger Danger: baixista duvida que banda grave novo disco5000 acessosSlipknot: Qual é o significado e a tradução do nome da banda?

O grupo estadunidense estreou com o pé direito, marcando para sempre seu nome no Hard Rock mundial. Só o vocal único de Ted Poley já é um caso à parte, pois, conseguiu se diferenciar com sua voz forte e bem impostada, sem ser similar a tantos outros vocalistas. O destaque também vai para todos os músicos, que se saíram muito bem e mostraram técnica e ousadia. A abertura do 'play' se dá com "Naughty Naughty" (que virou vídeo clip), com seu ritmo quebrado e envolvente. "Bang Bang" é outra clássica, que assim como as outras, mostra algumas pitadas de AOR e sempre mantendo o peso, enquanto "Rock America" fica encarregada de ser a faixa com andamento mais veloz do disco, com lindas melodias de teclado e guitarra, além de uma bateria constante. O clima AOR (agora com cara de Journey) retorna em "Feels Like Love" e a ótima balada "One Step From Paradise", sem soar maçante e barata, não deixa nada a desejar. O restante das faixas seguem a mesma linha das outras, porém todas soando variadas e bem sacadas.

Recebendo o merecido certificado "Disco de Ouro" em poucas semanas, o grupo fez inúmeros shows ao redor do mundo. Com seu Hard Rock banhado em AOR, e com algumas gotas de Metal, não teria como se tornar um clássico eterno. Confira!

Track List:

1. Naughty Naughty

2. Under the Gun

3. Saturday Nite

4. Don't Walk Away

5. Bang Bang

6. Rock America

7. Boys Will Be Boys

8. One Step from Paradise

9. Feels Like Love

10. Turn It on

11. Live It Up

line Up :

Andy Timmons : Guitarra
Kasey Smith : Teclas
Ted Poley : Vocais
Steve West : Bateria
Bruno Ravel : Baixo

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

174 acessosDanger Danger: baixista duvida que banda grave novo disco0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Danger Danger"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Danger Danger"

SlipknotSlipknot
Qual é o significado e a tradução do nome da banda?

Ultimate GuitarUltimate Guitar
As 28 canções mais sombrias de todos os tempos

Dave MustaineDave Mustaine
"Tive momentos difíceis por me assumir cristão!"

5000 acessosTradução - Nevermind - Nirvana5000 acessosCuriosidades: 40 fatos inacreditáveis do rock5000 acessosMustaine: "Aos 15 entrei na magia e conheci o lado negro!"2995 acessosAerosmith: "É como um relógio, todos são importantes"2562 acessosNirvana: veja panfleto que convocava figurantes para clipe4340 acessosBret Michaels: "'Appetite...' é um dos 10 discos favoritos"

Sobre Vitor Sobreira

Moro no interior de Minas Gerais e curto de tudo um pouco dentro do maravilhoso mundo da música pesada, além de não dispensar também uma boa leitura, filmes e algumas séries. Mesmo não sendo um profissional da escrita, tenho como objetivos produzir textos simples e honestos, principalmente na forma de resenhas, apresentando e relembrando aos ouvintes, bandas e discos de várias ramificações do Metal/Heavy Rock, muitos dos quais, esquecidos e obscuros.

Mais matérias de Vitor Sobreira no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online