The Assault: Explorando todas as facetas do Thrash Metal

Resenha - Prelude to War - Assault

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O mais interessante do The Assault, banda araraquarense que lança seu primeiro álbum, é que o grupo investe no Thrash Metal em sua totalidade. Ou seja, há influências aqui de tudo o que foi feito no estilo até hoje, além de evidentes flertes com o Heavy Metal tradicional, o que só acrescenta para a banda.

Ozzy Osbourne: Sharon conta como o Madman tentou assassiná-laSeparados no nascimento: sou só eu, ou eles são parecidos?

O foco principal é o Thrash Metal 'old school', tanto que a banda menciona em seu release que priorizou ser um power trio exatamente pelo fato das formações clássicas do estilo serem assim. Mas há influências do Thrash noventista, além de homeopáticas doses de 'groove' em algumas composições.

A brutal Jump of Death (D-Day), além de Awareness (com um belo interlúdio) e a cadenciada Losing Faith representam bem as raízes do estilo, enquanto a 'panteriana' e pegajosa Cover Me e a instrumental Epilogue from War trazem algo mais na linha moderna do Thrash. Dentre as faixas de destaque, há ainda a 'metallica' Lethargic Violence que deve ficar animal ao vivo.

A produção, apesar de precisar de alguns ajustes, conseguiu captar bem os instrumentos, deixando evidentes os ótimos riffs de guitarra, a bateria precisa e o baixo atuante. "Prelude To War" é um tipo de álbum que demonstra amor pelo Thrash Metal e honra isso em forma de música. Bela estreia.

https://www.facebook.com/theassaultaqa
https://soundcloud.com/theassault




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "The Assault"


Ozzy Osbourne: Sharon conta como o Madman tentou assassiná-laOzzy Osbourne
Sharon conta como o Madman tentou assassiná-la

Separados no nascimento: sou só eu, ou eles são parecidos?Separados no nascimento
Sou só eu, ou eles são parecidos?

Lars Ulrich: jucando no camarim do Guns N' RosesLars Ulrich
Jucando no camarim do Guns N' Roses

AC/DC: prostitutas revelam as esquisitices de Phil RuddBandas: Audiófilos elegem as maiores da história do rockDoug Aldrich: Quando Ronnie Dio encarou um grandão no barResenha - Cross Purposes - Black Sabbath

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336