Creptum: Conheça a primeira demo da banda

Resenha - ...Make This World Burn - Creptum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O interessante de resenhar trabalhos anteriores depois de resenhar trabalhos mais recentes é que você vê a evolução da banda de uma forma diferente. No caso dos paulistanos do Creptum isso é um fato tão evidente, pois abrange desde mudança de formação e visual, até musicalmente e de produção.
5000 acessosJohnny Ramone: "Não era bom abrir o show do Black Sabbath"5000 acessosEddie Van Halen: "Eruption foi um acidente"

Com a proposta de já fazer Black Metal, na época de lançamento da “...Make This World Burn” a banda que ainda era um quarteto, se utilizava de ‘corpse paints’ e partia para uma sonoridade mais crua e primitiva. Na sonoridade algumas características se mantêm até os dias atuais, porém a banda hoje se mostra muito mais técnica e madura.

A produção pode ser mediana para a época, mas soaria abaixo da média hoje, mas nada que não dê para tirar conclusões sobre as músicas da banda. Pelo contrário, tudo é audível e mostra a linha mais reta que a banda se propunha seguir.

Destaque para faixas como Eyes Of Blood e Oh My Lord (que foi regravada no último trabalho), além da preocupação com o trabalho gráfico que traz uma capa interessante com cores bem escolhidas, além de informações necessárias. Não sei se o material ainda está disponível, pois vale à pena correr atrás para conhecer melhor as raízes desta ótima banda de Black Metal.

http://www.creptum.com/
https://www.facebook.com/creptum

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Creptum"

Johnny RamoneJohnny Ramone
"Não era bom abrir o show do Black Sabbath"

Van HalenVan Halen
Eddie explica os segredos do seu modo de tocar

GhostGhost
O lado escuro do rock: você acredita em magia negra?

5000 acessosSeparados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do Chaves5000 acessosMetallica: foto rara de formação original do grupo5000 acessosQueen: Uma das maiores coleções sobre a banda está no Brasil5000 acessosDave Mustaine: boatos dizem que ele é tio de Hayley Williams4369 acessosMetallica: veja como soaria o "Justice" com Cliff Burton no baixo5000 acessosEdu Falaschi: os dez vocalistas brasileiros preferidos dele

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online