RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemJimmy Page diz não haver gênio no rock - mas um gênio fez ele se contradizer

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemRússia pede para que Roger Waters fale com a ONU sobre a situação da Ucrânia

imagemA opinião de Humberto Gessinger sobre movimentos separatistas da região Sul do Brasil

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemBruce Dickinson explica como cuida de sua voz

imagemIron Maiden está atrás de George Michael e Cyndi Lauper em votação do Rock Hall Of Fame

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985


Def Leppard Motley Crue 2

The Allman Brothers Band: Um dos melhores trabalhos da banda

Resenha - Brothers and Sisters - Allman Brothers Band

Por Tiago Meneses
Postado em 25 de agosto de 2014

Em Agosto do ano de 1973, a Allman Brothers Band não apenas lançaria mais um disco de estúdio, mas um dos seus melhores trabalhos entre toda a discografia do grupo. O dilema por trás disso tudo estava em como a banda se comportaria pela primeira vez sem contar com absolutamente nada de Duane Allman, um dos maiores talentos da guitarra daquele tempo e que faleceu em um acidente de moto aos 24 ao colidir com uma caminhonete, e com quase nada de Berry Oakley (algumas das ideias deixadas pro álbum ainda eram dele), baixista e também um dos fundadores do grupo, que morreu quase um ano depois e bem próximo de onde ocorrera o acidente com Duane. Igualmente em um acidente de moto, mas no caso de Oakley, batendo em um ônibus.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em "Brothers and Sisters", a Alman Brothers pode não fazer com que o auge comercial e criativo caminhem exatamente lado a lado, mas é inegável que ambos estão em alta no disco. Em se tratando do comercial, foi onde a banda deu o seu salto mais alto até aquele momento. Outra coisa que pode ser vista como unânime é a maneira como a banda soube lidar com as perdas do calibre de Berry e Duane (esse então nem se fala), ou seja, de maneira madura e que outras bandas na mesma situação, com certeza teriam eram optado por encerrarem suas atividades.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O álbum é um desfile de boas canções e que carregam características diversas. Abre com, "Wasted Words", de levada funk, uma das, ou mesmo A, música com maior groove entre todas as apresentadas na discografia da banda. Foi uma excelente maneira de abrir as portas aos que queriam visitar todo interior do álbum. A próxima é, "Ramblin 'Man", acho que não tem como gostar de Allman Brothers e não conhecer essa música. Um verdadeiro clássico da banda, do Southern e do Rock em geral. Mesmo com um começo que pode ser muito caipira, logo toma um rumo tecnicamente que marca o estilo dos Brothers soar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A faixa seguinte é, "Come and Go Blues", onde a banda não mostra uma grande criatividade e nem deixa a desejar. A típica música, "ok". Mas destacaria a sua segunda metade onde nos é apresentado uma instrumental bastante bonita. Em "Jelly Jelly" é onde mais se pode notar uma nítida falta do baixo de Berry Oakley e da guitarra bluseira de Duane Allman. A música não é apagada, mas brilha bem menos do que poderia.

Terminado o blues da faixa anterior, "Southbound" coloca novamente um gás no álbum através de uma levada que lembra com a que o mesmo começou. Uma bela interação entre todos os instrumentos. Ótimo solo de piano e guitarra. Em "Jessica", uma homenagem a filha do guitarrista Dickey Betts, apresentam uma instrumental meio repetitiva no seu início, mas que não tiram o valor de um dos maiores clássicos da banda. Entre as faixas instrumentais, provavelmente o maior deles. Uma grande performance de guitarra, novamente um belíssimo solo de piano ao melhor estilo, "piano bar" sobre uma instrumental bastante alegre. A 7° e última música de "Brothers and Sisters" é, "Pony Boy", um country rock do mais alto nível com direito a um desempenho ímpar de Betts na slide guitar e um vocal bastante afável. Uma verdadeira pérola infelizmente muitas vezes esquecidas até mesmo pelos amantes da banda.

"Brothers and Sisters" foi sem dúvida uma resposta a todas as dúvidas em torno do que seria o grupo após duas importantes baixas. Responderam da melhor maneira possível, com o lançamento de não apenas um disco a ser considerado "tapa buraco", mas sim, através de um registro que segue atemporal e figura fácil entre os mais conhecidos e admirados do Southern Rock em todos os tempos

Faixas:

1.Wasted Words - 4:20
2.Ramblin' Man - 4:48
3.Come and Go Blues - 4:54
4.Jelly Jelly - 5:46
5.Southbound - 5:11
6.Jessica - 7:31
7.Pony Boy - 5:51

Músicos:

Gregg Allman - Vocal e Orgão
Dickey Betts - Vocal e Guitarra
Jai Johanny Johanson - Bateria e Conga
Butch Trucks - Bateria e Percussão
Lamar Williams - Baixo, exceto em Wasted Words" e "Ramblin' Man", esses feitos ainda por Berry Oakley
Chuck Leavell - Piano em "Ramblin' Man", "Jessica" e "Come and Go Blues"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Brothers and Sisters - Allman Brothers Band

Resenha - Brothers and Sisters - Allman Brothers Band

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Duane Allman: o auge do Derek And The Dominos

Allman Brothers: a história por trás de "At Fillmore East"

Lynyrd Skynyrd: Johnny Van Zant escolhe 10 pérolas obscuras do Southern Rock

USA Today: as 20 maiores bandas de todos os tempos nos EUA

Allman Brothers: a história da casa onde a banda morou


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Tiago Meneses

Um amante do rock em todas as suas vertentes, mas que desde que conheceu o disco Selling England by the Pound do Genesis, teve no gênero progressivo uma paixão diferente.
Mais matérias de Tiago Meneses.