Matérias Mais Lidas

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

Yngwie Malmsteen: aos 10 anos ele fazia solos de Blackmore e enganava os amigosYngwie Malmsteen
Aos 10 anos ele fazia solos de Blackmore e enganava os amigos

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

New York Dolls: morre o guitarrista Sylvain Sylvain, aos 69 anosNew York Dolls
Morre o guitarrista Sylvain Sylvain, aos 69 anos

Jon Schaffer: Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarristaJon Schaffer
Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarrista

Accept: Fomos a primeira banda de metal da Alemanha, afirma Wolf HoffmannAccept
"Fomos a primeira banda de metal da Alemanha", afirma Wolf Hoffmann

Kurt Cobain: ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistasKurt Cobain
Ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistas

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)

Sebastian Bach: ele volta a criticar Chris Jericho e diz que wrestling é uma m*rdaSebastian Bach
Ele volta a criticar Chris Jericho e diz que wrestling é uma m*rda

Accept: confira vídeo oficial de Zombie Apocalypse, mais uma música do novo álbumAccept
Confira vídeo oficial de "Zombie Apocalypse", mais uma música do novo álbum

Eddie Van Halen: ele chorou quando Wolfgang mostrou música que fala sobre perdaEddie Van Halen
Ele chorou quando Wolfgang mostrou música que fala sobre perda

Zakk Wylde: ele não abandona a guitarra nem para fazer o número 2Zakk Wylde
Ele não abandona a guitarra nem para fazer o número 2

Megadeth: Magia negra arruinou minha vida, diz MustaineMegadeth
"Magia negra arruinou minha vida", diz Mustaine


Matérias Recomendadas

Monsters of Rock: a feijoada que quase derrubou King DiamondMonsters of Rock
A feijoada que quase derrubou King Diamond

AC/DC: os últimos dias do vocalista Bon ScottAC/DC
Os últimos dias do vocalista Bon Scott

VH1: os 100 melhores álbuns de rock segundo a emissoraVH1
Os 100 melhores álbuns de rock segundo a emissora

Futebol: conheça os times do coração de alguns rockstarsFutebol
Conheça os times do coração de alguns rockstars

Black Sabbath: a passagem de Ian Gillan pela bandaBlack Sabbath
A passagem de Ian Gillan pela banda

Baladas de Sangue
Stamp

Paul McCartney: O Steve Jobs da música futurista

Resenha - New - Paul McCartney

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Guilherme Espir, Tradução
Enviar Correções  


O final de ano chegou e o jornalismo musical deu uma leve parada. Não foi realmente proposital, todo ano temos esta diminuída de conteúdo quando atingimos a época de festas, normalmente nesta etapa estamos mais preocupados com os saldos finais, as listas de melhores do ano e os lançamentos do próximo, sejam eles CD's, DVD's ou livros.

Porém é importante ressaltar que isso não desqualifica o lançamento de nenhuma bolacha, muito pelo contrário, cria um vácuo de oportunidade, e se o disco for bom pode preencher todo um contexto numa época surpreendente... Algo que Paul McCartney viu como poucos, mostrando relevância, experiência e qualidade, tudo no mesmo disco, tudo ao som de ''New''.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Esse disco me impressionou de uma maneira muito positiva, vi em ''New'' um músico que apesar de não precisar produzir mais nada relevante, ainda quer se manter no jogo, e com requintes de novidade. O Paul deste disco soa atual ao extremo, e digo mais, ''New'' deve ser o conceito base de como o baixista trabalhará daqui pra frente.

Quando digo conceito não quero que pensem em um trabalho conceitual, digo conceito com a objetividade da palavra em si, uma base, desde sua ''moderna'' capa, para o que Paul enxerga num futuro não muito distante.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apertando Play temos ''Save Us'' talvez a faixa mais viciante do disco, repare na vitalidade, nos toques eletrônicos, na bela voz de Paul, veja que toda essa cozinha tem uma nova finalidade, algo poderoso, sempre caminhando junto com letras de real significado e melodias excelentes, com uma leve inclinação Pop, mas com algo que a música Pop no geral não possui, qualidade.

Perceba isso com mais um dos hits do disco, desta vez com a pegada revigorante de ''Alligator'', a tranquilidade de ''On My Way To Work'', ou ao som da inventiva ''Queenie Eye''... Paul MacCartney... 71 anos e muita lenha pra queimar em estoque ! Um dos sons mais modernos e completamente desapegados com o passado que escutei recentemente, mais um tiro certeiro no escuro, parece até best Off, ''Early Days'', ''New'', a minha preferida, ''Appreciate''...

Esse é o Paul do futuro senhores, escute ''Everybody Out There'', ou a balada ''Hosanna'' e se prepare para as novas linhas tecnológicas do mestre, a abordagem será a mesma, quem vem com uma química dessa e consegue algo de relevante não pode largar o passo a passo, disco de fluência fácil e significado profundo, temas aparentemente simples com toques quase que surreais, ''I Can Bet'', ''Looking At Her'', ''Road''... Isso que o cidadão já tem mais de setenta! Que disco, Paul McCartney, o Steve Jobs da música futurista.

Line Up :
Paul McCartney (guitarra/baixo/vocal/piano/teclado/percussão/sintetizadores)
Brian Ray (guitarra/vocal)
Paul Wickens (teclado/guitarra/piano/órgão/acordeon)
Richard Pryce (baixo)
Roby Pitman (teclado)
Steve McManus (baixo)
Abel Laboriel Jr. (baixo/vocal)
Ethan Johns (bateria/percussão)
Paul Epworth (bateria)
Rusty Anderson (guitarra/vocal)

Track List :
''Save Us''
''Alligator''
''On My Way To Work''
''Queenie Eye''
''Early Days''
''New''
''Appreciate''
''Everybody Out There''
''Hosanna''
''I Can Bet''
''Looking At Her''
''Road''


Outras resenhas de New - Paul McCartney

Paul McCartney: O velho e o novo se encontram em novo disco