Hour of 13: estamos a mercê do velho e pesado Doom metal

Resenha - 333 - Hour of 13

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marcelo Hissa
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Proto-doom stoner filho de Black Sabbath Ozzy-years. É basicamente isso que você vai ouvir no 333 do Hour of 13. A banda americana ainda pouco conhecido no Brasil, já é famosa lá fora e teve o esse terceiro álbum lançado em 2012. Em 333 estamos a mercê do velho e pesado Doom metal em que se destaca os riffs graves e cadenciados, com muitas influências (quase cópia) do Black Sabbath.
5000 acessosCourtney Love: ajudando a resolver os maiores mistérios do mundo5000 acessosSexo e Satã: as mensagens subliminares em capas de Rock / Metal

A excessiva citação ao Black Sabbath é necessária na medida em que até mesmo o timbre de voz de Phil Swanson se parece com de Ozzy (no tempo que Ozzy era "o Ozzy"). A comparação entre as bandas por si só já é um dos maiores elogios ao Hour of 13.

Deny the Cross abre o álbum mostrando que a intenção não é inovar, mas manter-se fiel a raíz. O som bem equilibrado e sem grandes produções prova que 4 instrumentos são mais do que suficientes para fazer metal competentemente. A temática é aquela original do metal que inclui a espiritualidade maniqueísta, dúbia, cunhada por rituais sombrios.

Rite of Samhain é outra música que merece ser citada, já que começa com mais groove. Apesar de cavalgada não se perder na velocidade. Mais uma vez destaque para os vocais Ozzy-like de Phil. Em alguns momentos ouve-se até um pouco de Iron Maiden na época do The Killers.

Who´s to Blame é mais lentificada mantendo o clima Doom com maior variância no ritmo. Phil aqui canta com mais feeling, mas sem parecer melódico. Algumas passagens com guitarra limpas aproximam a banda do Stoner, deixando tudo mais interessante.

As músicas de forma geral são longas (algumas com 7, 8 e 9 minutos), mas que apesar da cadência não se tornam chatas. 333 é um álbum bem homogêneo, que apesar da falta de originalidade traz exatamente aquilo que esperamos de uma banda de metal... boa música.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Hour of 13"

Courtney LoveCourtney Love
Ajudando a resolver os maiores mistérios da humanidade

Sexo e SatãSexo e Satã
As mensagens subliminares em capas de Rock

RockstarsRockstars
As esposas mais lindas do rock - 1ª parte

5000 acessosDossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatos5000 acessosCrianças: veja como cresceram as de "Nevermind", "War" e outras5000 acessosRodolfo: 100% arrependido das letras dos Raimundos5000 acessosInstrumentos: algumas das guitarras mais doidas já feitas5000 acessosRockstars: as filhas mais lindas dos astros do rock2056 acessosIron Maiden: veja Nicko McBrain tocando com Pat Travers em 1976

Sobre Marcelo Hissa

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online