Crashdiet: resgatam sonoridades típicas dos subgêneros do metal

Resenha - Savage Playground - Crashdiet

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 6

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Quem acompanha a cena contemporânea da música pesada pode perceber que cada vez mais temos novas bandas surgindo, em todos os subgêneros do metal, com o intuito de resgatarem sonoridades típicas dos primórdios do estilo. E os suecos do CRASHDIET, que chegam agora a seu quarto disco de estúdio, são mais um grande exemplo dessas bandas.
5000 acessosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões5000 acessosComo Conservar e Recuperar Cordas de Baixo

Formada em 2000 pelo falecido vocalista Dave Lepard (que se matou em 2006, quando tinha apenas 25 anos), que acabara de encerrar sua banda de death metal WARPATH para se dedicar ao Hard Rock/Glam Metal, a banda tem chamado a atenção da mídia especializada, principalmente por suas excelentes performances ao vivo.

Como dito, a banda se dedica ao Hard Rock/Glam Metal, com uma pegada bem pesada, intensa e energética, com influências de bandas coo TWISTED SISTER, POISON, RATT e MOTLEY CRUE, tudo remetendo direto aos anos 80, inclusive com o visual bizarro dos integrantes. Portanto, como se percebe, o som dos caras não traz nada de novo, mas até ai tudo bem, pois a grande maioria das bandas que faz esse revival de algum dos subgêneros da música pesada tem essa característica.

Mas o maior problema do CRASHDIET neste material é que falta um pouco mais de maturidade nas composições, principalmente na capacidade de criar aquela "algo mais" que faça com que as faixas cativem o ouvinte de imediato, e que os leva a sair cantarolando-as por ai após poucas audições do material; algo este que as bandas antigas do estilo, e outras mais atuais como o H.E.A.T., por exemplo, conseguem fazer com maestria, e como o próprio CRASHDIET fez no passado, em especial no seu excepcional debut.

Porém, que fique claro: estamos diante de uma ótima banda e de um bom registro, já que todas as 13 canções apresentadas são interessantes, embora bem simples e diretas, sem grandes destaques. Mas nenhuma delas pode ser vista como um clássico da banda, e são aquém do grande potencial que os caras sempre demonstraram.

Portanto, é evidente que o CRASHDIET é uma boa banda, com grande potencial para estourar, mas ainda não foi dessa vez que conseguiram dar aquele grande passo fora do underground e rumo ao mainstream. Todavia, se você é fã do estilo, vale a pena conferir, mas não espere encontrar nada revolucionário ou muito acima da média.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

The Savage Playground - Crashdiet
(2013- Frontiers - Importado)

Lineup:
Simon Cruz– Vocals
Peter London – Bass
Martin Sweet – Guitar
Eric Young – Drums

Tracklist:
1. Change The World
2. Cocaine Cowboys
3. Anarchy
4. California
5. Lickin' Dog
6. Circus
7. Sin City
8. Got a Reason
9. Drinkin' Without You
10. Snakes In Paradise
11. Damage Kid
12. Excited
13. Garden Of Babylon

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Crashdïet"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Crashdïet"

ExcessosExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões

BaixosBaixos
Como conservar e recuperar as cordas do instrumento

SkankSkank
Banda foi enganada ao participar de programa da Xuxa

5000 acessosMemoráveis como a música: os 25 melhores logos de bandas5000 acessosGuns e Sabbath: semelhança entre Zero the Hero e Paradise City5000 acessosJohnny Z: Uma invejável coleção de heavy metal5000 acessosBruce Dickinson: Use Your Illusions? Aquele formato é uma bosta!5000 acessosGuns N' Roses: exigências para os shows no Brasil4327 acessosKiss: banda toca clássico do Led Zeppelin em versão acústica

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online