Andre Matos: um trabalho ousado e inesperado

Resenha - Turn Of The Lights - Andre Matos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Pedro Humangous
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


A técnica e talento de Andre Matos são indiscutíveis. Sua carreira teve alguns altos e baixos, sempre passeando por bandas e projetos diferentes. Após sua saída do Angra, muita coisa aconteceu. Seus trabalhos mais recentes foram com a banda Symfonia e a reunião com o Viper. Mas o que os fãs esperavam mesmo era por um disco novo de sua carreira solo.

Angra: Kiko Loureiro conta que ainda ajuda a tomar decisões da bandaFotos de Infância: Yngwie Malmsteen

E a espera, finalmente, acabou com o lançamento de "The Turn Of The Lights", terceiro registro com a banda que leva o seu nome. Quem acompanha a carreira do Andre sabe que o músico não costuma repetir a mesma fórmula. Então, o que esperar desse álbum, já que "Time To Be Free" foi tão diferente de "Mentalize"? Simples, mais um trabalho totalmente inesperado e incomum para sua carreira como um todo. As composições estão muito mais maduras, comedidas, suaves e acessíveis. As guitarras estão com uma timbragem mais limpa, com um toque mais Pop, construções simples e diretas dando vazão ao que mais interessa, nesse caso, as linhas vocais. Falando nelas, Andre pouco abusa de sua potência vocal, cantando em um tom mais baixo, de forma linear e mais teatral. Esqueça aquela agressividade e tons agudos encontrados nos primeiros discos do Shaman, ou mesmo no seu primeiro álbum. Tudo aqui é mais atmosférico, progressivo. Isso não quer dizer que "The Turn Of The Lights" seja ruim, apenas diferente. Essa estranheza toda passa após algumas audições e você acaba se acostumando e entendendo melhor a proposta do grupo. O fato é que faltou um pouco de punch ou, quem sabe, composições mais pegajosas. A arte da capa também deixou a desejar um pouco e que, apesar de bonita esteticamente, é meio sem sal. Um lançamento, no mínimo, interessante e de respeito. Andre Matos mostra que tem coragem, sem medo de experimentar. Isso, certamente, trará novos fãs para a banda e, possivelmente, afastará alguns outros. Faz parte.


Outras resenhas de Turn Of The Lights - Andre Matos

Andre Matos: Renovação na sonoridade musicalAndre Matos: Maturidade musical ainda maior



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Andre Matos"Todas as matérias sobre "Angra"Todas as matérias sobre "Viper"Todas as matérias sobre "Shaman"


Angra: Kiko Loureiro conta que ainda ajuda a tomar decisões da bandaKiko em Kaza: Gastão Moreira bate um longo papo com Kiko LoureiroAndre Matos: Theocracy faz homenagem ao vocalista no ProgPower USA; assistaRodz Online: 25 Anos de Philips Monsters of Rock 1994 (vídeo)

Marcelo Barbosa: assista a Big Trouble, novo clipe solo do guitarrista do AngraMarcelo Barbosa
Assista a "Big Trouble", novo clipe solo do guitarrista do Angra

Luis Mariutti: os bastidores do reencontro com Edu Falaschi e Alex Holzwarth

Kiko Loureiro: trabalhando em novo disco soloKiko Loureiro
Trabalhando em novo disco solo

Rhapsody: Fabio Lione em entrevista exclusiva ao Brasil

Luis Mariutti: comentando a polêmica participação do Angra no Programa do JôLuis Mariutti
Comentando a polêmica participação do Angra no Programa do Jô

Rafael Bittencourt: novos planos do Angra e do Bittencourt ProjectRafael Bittencourt
Novos planos do Angra e do Bittencourt Project

Kiko Loureiro: História das Antigas #5 Macumba na CachoeiraKiko Loureiro
História das Antigas #5 Macumba na Cachoeira

Luis Mariutti: reagindo à participação do Angra no TV mulherLuis Mariutti
Reagindo à participação do Angra no TV mulher

Angra: tour encerrada com show sold out a banda se recolhe para compor novo álbumAngra
Tour encerrada com show sold out a banda se recolhe para compor novo álbum

Angra: Banda encerra a turnê Magic Mirror em SP neste domingoDallton Santos: Confira o novo single/videoclipe de "Aliens"

Almah: Edu diz que já foi ameaçado por fãs de Andre MatosAlmah
Edu diz que já foi ameaçado por fãs de Andre Matos

Viper: 'tiramos' o Bruce Dickinson (Andre) e colocamos o Paul Di'Anno (Pit)Viper
"'tiramos' o Bruce Dickinson (Andre) e colocamos o Paul Di'Anno (Pit)"

Angra: Kiko Loureiro compartilha a lanchonete Rangra Lanches nas redesAngra
Kiko Loureiro compartilha a lanchonete Rangra Lanches nas redes


Fotos de Infância: Yngwie MalmsteenFotos de Infância
Yngwie Malmsteen

Metallica: ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicosMetallica
Ouça apenas o baixo de Cliff Burton em clássicos

Dream Theater: o suposto plágio de música de Leandro & Leonardo?Dream Theater
O suposto plágio de música de Leandro & Leonardo?

Metallica: a habilidade com as baquetas de James HetfieldFotos de Infância: Bruce Dickinson, do Iron MaidenGuns N' Roses: qual a música que Axl Rose mais gosta de cantar ao vivoOrtografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?

Sobre Pedro Humangous

Pedro Humangous, 28 anos, publicitário headbanger. Dono e editor chefe da revista Hell Divine. Santista apaixonado por música e uma boa cerveja. Atualmente reside em Brasília e não poupa esforços para fazer o metal se fortalecer no país. Já colaborou com as revistas portuguesas Versus e Horns Up, além da coluna "Rolo Compressor" na rádio Nucleo Base. Colecionador de CD's, DVD's, Livros e Action Figures, concentra suas forças no metal extremo, sem deixar de lado os demais estilos. Fanático por Opeth, Iron Maiden, Trivium, Kreator, Dream Theater, Baroness, Suicide Silence, entre tantas outras. Siga: @PedroHumangous

Mais matérias de Pedro Humangous no Whiplash.Net.