Imagery: Banda paranaense esbanja talento em primeiro álbum

Resenha - Inner Journey - Imagery

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Anderson Nascimento
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 7


Embora seu som seja fortemente pontuado pelo uso indiscriminado de bateria, baixo e guitarra, o Rock praticado pela banda paranaense Imagery, tem importantes intervenções de instrumentos como teclados, piano e órgão Hammond, o que dá o detalhe especial em algumas de suas canções, como o belo cartão de visitas "Fourth Secret", canção instrumental regada a boas doses de virtuose instrumental.

Curiosidade: capas de álbuns com ilusões de óticaTotal Guitar: os 20 melhores riffs de guitarra da história

A emenda quase imperceptível da faixa que carrega o nome da banda é perfeita, fazendo da primeira faixa uma espécie de prelúdio do Rock quase industrial da faixa que carrega em suas letras sentimentos psíquicos, questionamentos e interiorização.

Da esperançosa "Perception", dona de um arranjo espetacular, até ao Rock nervoso de "The Rain", a banda mistura nuances de várias vertentes do Rock, a saber, progressivo, punk e o já citado Rock industrial, caso explícito em "The Rain".

A conexão entre os oito temas do disco, mais a interligação entre as faixas, acabam sugerindo que o disco tem caráter conceitual. Em "Show Me", canção mais melancólica do disco, a banda carrega a bandeira de uma espécie de despertar perante o cenário construído ao longo do disco até aqui.

Nas duas últimas faixas temos novamente o Rock pesado imperando, caso de "Stranger", e em "Last", algo de progressivo que encerra a epopeia do álbum com oito minutos de virtuose instrumental amparado por questionamentos, dúvidas e confusões entre o que é real e o que é fruto do pensamento. Essa é a temática que pontua todo o álbum, costurando faixas heterogêneas com grande potencial seja fazendo parte de um conceito, ou fora dele.

Formada em 2008 por Joceir Bertoni (vocal/guitarra), Ricardo Fanucchi (baixo) e Luciano Neves (bateria), o IMAGERY nasceu das finadas bandas G.A.F. e Revoult, dois grupos que chegaram a ter expressão na cidade de Londrina, no Paraná, e agora, finalmente chegam ao primeiro álbum, repleto de conceitos e estéticas que reúnem dualidades e paradoxos que fazem parte da humanidade, desde antes da própria humanidade ser chamada assim. Belo trabalho de estreia.

Resenha publicada originalmente no Galeria Musical

Tracklist:

01. Fourth Secret
02. Imagery
03. Perception
04. Start the War
05. The Rain
06. Show Me
07. Stranger
08. Last


Outras resenhas de Inner Journey - Imagery

Imagery: Quebras de andamento e arranjos intrincadosImagery: Uma agradável e introspectiva jornada




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Imagery"


Curiosidade: capas de álbuns com ilusões de óticaCuriosidade
Capas de álbuns com ilusões de ótica

Total Guitar: os 20 melhores riffs de guitarra da históriaTotal Guitar
Os 20 melhores riffs de guitarra da história


Sobre Anderson Nascimento

Anderson Nascimento é Analista de Sistema e Professor Universitário de profissão, tendo cursado Pós-Graduação em Análise, Projeto e Gerência de Sistemas na PUC-RJ. Sua grande paixão é a música, começou a colecionar discos ainda na época do vinil, em 1986, com o álbum Abbey Road dos Beatles. Esse foi o primeiro passo para esse hobby que viria a se tornar tão importante em sua vida. Entre as várias atividades no meio musical, Anderson é compositor e integrou a banda de rock Projeto:Paradoxo entre 1996 e 2004. Anderson é um ávido colecionador de discos e também escreveu sobre música em vários veículos de comunicação.

Mais matérias de Anderson Nascimento no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336