Trick Or Treat: Power Metal com alguns bons momentos

Resenha - Tin Soldiers - Trick Or Treat

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por José Antonio Alves
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 7


Filho de peixe peixinho é... Bem, por mais que não haja parentesco de qualquer membro do HELLOWEEN com integrantes do TRICK OR TREAT, estes italianos prestaram muita atenção nas lições de Power Metal dos alemães, pois nos é proporcionado um álbum que reúne grande parte dos elementos mais comuns do Power Metal.

Slayer: Kerry King acha que Black Metal norueguês é uma merdaSexo e Rock and Roll: músicas com conotação sexual

A banda italiana Trick or Treat começou em 2002, e antes já mandava covers de uma das grandes influências do grupo, os alemães do HELLOWEEN. "Tin Soldiers" é o segundo trabalho de estúdio que conta com importantes nomes como Michele Luppi (ex-Vision Divine) e um ser que dispensa apresentações: Michael Kiske. Tentando (talvez sem muito sucesso) escapar dos clichês do Power Metal, "Tin Soldiers" nos proporciona alguns bons momentos, mas que acabam por pecar no quesito criatividade.

Instrumentalmente, a banda demonstra fortes riffs de guitarra, solos memoráveis repletos de técnica, uma bateria até que agradável e Alessandro Conti demonstrando grande capacidade vocal, como na faixa "Paper Dragon". Aliás, nele podemos notar bem a grande influência do HELLOWEEN presente. "Freedom" é Power Metal ao extremo, também merecendo destaque as boas "Elevator To The Sky" e "Final Destination".

A faixa título, dividida em duas partes, uma delas instrumental, fecha o álbum, e antes que me perguntem sobre as participaçoes especiais, elas merecem o maior destaque do álbum. Michele Luppi é um dos vocalistas que mais respeito, por toda sua competência vocal que inclui os trabalhos do VISION DIVINE, e em "Take Your Chance" ele não decepciona.

Outro que dispensa apresentações, Michael Kiske interpreta "Hello Moon" e a balada "Tears Agains Your Smile". Esta última, por sinal, foi a música que me apresentou a banda, e sem dúvida é uma das melhores do álbum que poderia fazer parte facilmente de algum álbum solo de Kiske, seus vocais passam uma emoção que é dificil para qualquer outro vocalista reproduzir da forma como ele o faz.

Talvez o único pecado deste álbum seja realmente a pouca criatividade dentro do estilo, que já assola boa parte das novas bandas que surgem, sendo assim, não espere qualquer coisa inovadora, mesmo assim a banda trilhou um bom caminho com esta obra e todos os seus membros demonstraram talento e potencial.

Faixas de "Tin Soldiers":

01. A Night In The Toyshop
02. Paper Dragon
03. Take Your Chance (participação de Michele Luppi)
04. Freedom
05. Hello Moon (participação de Michael Kiske)
06. Elevator To The Sky
07. Loser Song
08. Tears Against Your Smile (participação de Michael Kiske)
09. Final Destination
10. Tin Soldiers Pt. 1
11. Tin Soldiers Pt. 2

Trick Or Treat é:

Alessandro Conti - Vocais
Luca Cabri - Guitarra
Guido Benedetti - Guitarra
Leone Villani Conti - Baixo
Mirko Virdis - Bateria


Outras resenhas de Tin Soldiers - Trick Or Treat

Trick or Treat: Indicado para os fãs do power melódico




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Trick or Treat"


Slayer: Kerry King acha que Black Metal norueguês é uma merdaSlayer
Kerry King acha que Black Metal norueguês é uma merda

Sexo e Rock and Roll: músicas com conotação sexualSexo e Rock and Roll
Músicas com conotação sexual

Top 5 Pantera: About.com elege os cinco melhores álbuns da bandaTop 5 Pantera
About.com elege os cinco melhores álbuns da banda

Oh, não!: clássicos que foram estragados pelo tempoOh, não!
Clássicos que foram "estragados" pelo tempo

Débil Metal: quando os fãs assustam os ídolosDébil Metal
Quando os fãs assustam os ídolos

Ronnie James Dio: os primórdios do lendário vocalistaRonnie James Dio
Os primórdios do lendário vocalista

George Lynch: por que Ozzy Osbourne não o quis em sua banda?George Lynch
Por que Ozzy Osbourne não o quis em sua banda?


Sobre José Antonio Alves

Aventureiro, mochileiro, amante da cultura latina e claro, fã de um dos estilos mais fascinantes deste universo musical: o Heavy Metal!

Mais matérias de José Antonio Alves no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336