Dark Angel: Isso aqui é tão bom quanto "Reign in Blood"

Resenha - Time Does Not Heal - Dark Angel

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A., Fonte: Som Extremo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 10

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


E o último full length da Dark Angel, lançado há duas décadas, é merecidamente relançado pela Shinigami Records (www.shinigamirecords.com.br), com direito a duas faixas bônus ao vivo. Bom, e falar o que desses mestres do thrash metal que ainda não foi dito?
5000 acessosMayhem: banda levou restos humanos para o palco em 20115000 acessosAs regras do Thrash Metal

Uma banda que apresenta a lenda Gene Hoglan lá atrás, comandando os tambores, além das guitarras demoníacas de Eric Mayer e Brett Eriksen, do baixo Mike Gonzales, e daquele vocal rouco e característico de Ron Rinehart, só poderia ter feito esse som que, sem exageros, é referência mundial da era clássica do estilo.

Mas a Dark Angel vai além e prima por músicas mais trabalhadas do que o tradicional, mas ao mesmo tempo, mais violento. Chequem as partes mais velozes, fiquem boqueabertos com a rapidez das palhetadas (muito boas), que formam os grandes riffs do disco. Os solos? Impressionantes! E a voz de Rinehart só vem abrilhantar o excelente instrumental com sua mistura de gritos e melodias.

Depois de abrir com a ótima faixa-título, bem porrada, o pessoal dá uma amenizada no começo de “Pain's Invention, Madness”, para depois voltar à pancadaria. Só por essas duas, nota-se as mil faces da Dark Angel e sua capacidade de fazer boas e criativas composições. E é nessa pegada diversificada e agressiva que o quinteto executa com maestria todas as canções.

Apenas para citar mais dois exemplos, “Act of Contrition” é mais cadenciada, enquanto “The New Priesthood” é bem violenta. Perfeita! Tudo bem, vale falar também de “A Subtle Induction”, que fecha a sessão de estúdio. Simplesmente infernal e muito veloz, ela traz um dos mais lindos solos do gênero.

As músicas em geral são longas (quase todas acima dos seis minutos de duração), mas o álbum é tão empolgante que você nem percebe o tempo passar.

E as duas ao vivo são “The Promise of Agony”, do álbum “Leave Scars”, e a cover “I Don’t Care About You”, da Fear, ambas de um show de 1989. Obviamente que a qualidade da gravação cai um pouco, mas nada sério.

Pode-se dizer com convicção que “Time Does Not Heal” é um dos melhores álbuns de thrash metal de todos os tempos. E verdade seja dita: em relação à grandiosidade da obra, isso aqui é tão bom quanto “Reign in Blood” (Slayer). Os estilos diferem um pouco, mas ambos os discos são pérolas que merecem estar guardadas a sete chaves pelos admiradores do thrash metal em sua fase mais espetacular.

Dark Angel – Time Does Not Heal
Shinigami Records (relançamento) – 1991 – Estados Unidos
http://www.myspace.com/darkfuckinangel

Tracklist
1. Time Does Not Heal 06:39
2. Pain's Invention, Madness 07:43
3. Act of Contrition 06:09
4. The New Priesthood 07:14
5. Psychosexuality 08:55
6. An Ancient Inherited Shame 09:15
7. Trauma and Catharsis 08:21
8. Sensory Deprivation 07:35
9. A Subtle Induction 05:10
10. The Promise of Agony (live)
11. I Don’t Care About You (live)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Time Does Not Heal - Dark Angel

1665 acessosDark Angel: Em 1991, sonoridade a frente do seu tempo1540 acessosResenha - Time Does Not Heal - Dark Angel

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Dark Angel"

ThrashThrash
Os dez álbuns essenciais do gênero

LoudwireLoudwire
Os 10 melhores álbuns de Thrash NÃO lançados pelo Big 4

MetalMetal
Dez álbuns provam que 1986 foi o ano do Thrash

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Dark Angel"

MayhemMayhem
Banda levou restos humanos pro palco na França

HumorHumor
Não basta ouvir Master Of Puppets para ser Thrash

Bon JoviBon Jovi
Larissa Riquelme dança música com os seios de fora

5000 acessosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões5000 acessosComo Conservar e Recuperar Cordas de Baixo5000 acessosSkank: banda foi enganada ao participar de programa da Xuxa5000 acessosSlash: Falando sobre seus filmes preferidos5000 acessosMotorhead: a opinião de Lemmy sobre Viagra, Hendrix e velhice5000 acessosMetallica e Pink Floyd: entre os preferidos da bandidagem

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online