RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagem"Quem não gosta de Beatles bom sujeito não é", diz João Gordo

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemProdutor da turnê de Paul Di'Anno explica problemas no primeiro show

imagemVocalista do Fleshgod Apocalypse é pedida em casamento durante show da banda

imagemO motivo nada musical que fez Bruce Dickinson querer se juntar aos hippies

imagemZelador viraliza após incrível semelhança com voz de Steve Perry em "Don't Stop Believin'"

imagemTony Iommi conta quais são os riffs preferidos que ele escreveu

imagemShane Hawkins, filho de Taylor Hawkins, ganha prêmio de melhor performance do ano

imagemEm disputa acirrada, fãs batem recorde e elegem melhores discos de metal de 2022

imagemEloy Casagrande repete o feito sendo eleito melhor baterista de metal do mundo

imagemPaul Stanley sabia que seria um rockstar desde a sua juventude


Stamp

Benighted Soul: Symphonic Metal flertando com Prog

Resenha - Start From Scratch - Benighted Soul

Por Pedro Lucas Sousa
Postado em 14 de maio de 2011

Na primeira vez que ouvi o Benighted Soul, imaginei que encontraria mais uma dessas bandas de vocal feminino, tecladeiras sem fim, fazendo tudo que vários outros já fizeram antes. Mas após escutar mais algumas vezes, a banda se mostrou bastante competente, apostando em um som um tanto padronizado, mas com músicas bem construídas e orquestrações bem aplicadas.

A banda francesa, formada por Géraldine Gadaut (vocal), Flavien Morel (teclados), Jérémie Heyms (guitarra), Jean-Gabriel Boccareli (baixo) e Nicolas Adam (bateria), surgiu em 2003. No ano passado a banda entrou em estúdio para a gravação do seu primeiro álbum "Start From Scratch".

Como foi dito, o som do Benighted Soul não mostra muitas novidades, mas irá agradar bastante aos fãs do estilo. Apesar disso a banda não perde em qualidade musical e técnica, fazendo um Symphonic Metal flertando com elementos do prog.

Os vocais de Géraldine Gadaut são limpos e suaves encaixando perfeitamente com as camadas orquestrais, apesar de um timbre comum. O tecladista Flavien Morel esbanja técnica e bom senso em linhas de teclado bem equilibradas, com timbres bem escolhidos,evitando assim o exagero de elementos de orquestra nas composições,tornando o som mais natural.Como destaques do trabalho,podemos citar as músicas "Edge of Sanity" e "Stranger Me" que possuem elementos mais "atmosféricos" e variações rítmicas bem encaixadas.

A banda possui bastante potencial e irá abrir muitas portas com esse lançamento muito bem vindo, mas deve buscar novos caminhos em busca da inovação e da personalidade. Recomendado para os fãs de Within Temptation e After Forever.

TRACK LIST:

1. Broken Icons
2. Edge of Insanity
3. Wrong Reflection
4. Falling in Sin
5. Ticking Time Bomb
6. Stranger Me
7. The Seventh Cage
8. Evergreen
9. Start From Scratch
10. My So Called Friend
11. No Warning Signs

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



LGBT: confira alguns músicos que não são heterossexuais

LGBT: confira alguns músicos que não são heterossexuais


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Pedro Lucas Sousa

Pedro Lucas é maranhense, vocalista, e viu no jornalismo uma chance de poder trabalhar com o que mais gosta. Adorador fiel do heavy metal, hard rock, folk/viking metal entre outros, mas possui um amor incondiconal pelo hard rock. Começou a colaborar com o Whiplash! recentemente enviando reviews e notícias.
Mais matérias de Pedro Lucas Sousa.