Black Sabbath: O primeiro sucesso de 2 milhões de cópias

Resenha - Master of Reality - Black Sabbath

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Pedro Zambarda de Araújo
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Soe pesado, algumas vezes rápido e algumas vezes com certa lentidão. Coloque algumas baladas para fazer o ouvinte respirar sua musicalidade. Não faça músicas que ultrapassem seis minutos. Este é o Black Sabbath em "Master of Reality", álbum que estreou em julho de 1971. Fará 40 anos no mesmo mês deste ano.

Rodz Online: 25 Anos de Philips Monsters of Rock 1994 (vídeo)Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1982

O material foi responsável por jogar a banda no oitavo lugar das paradas britânicas e o quinto nos Estados Unidos. Conseguiu nota máxima no Allmusic, reconhecidamente por fazer canções acessíveis mesmo com todo o peso e seus temas sombrios. O primeiro encarte do vinil era curioso: Era todo preto, com as palavras Black Sabbath na cor roxa. A palavra Master of Reality era visualizável apenas por seus contornos e as letras eram onduladas. No CD, o nome do álbum foi colorido de cinza.

Lester Bangs, notório crítico da Rolling Stone, disse que o Sabbath não cresceu nesse material como fizeram os proto-punks do MC5. Se ele estava certo, não dá pra saber, mas que o quarteto liderado por Ozzy Osbourne acertou em criar um material curto e saboroso para o ouvinte é um fato reconhecido em dois milhões de cópias vendidas.

"Sweet Leaf" abre o CD com a tosse de Geezer Butler ao usar maconha, jogando, de cara, o tema das drogas, que é uma temática tão cotidiana e polêmica quanto a letra de "Paranoid". No entanto, os assuntos sombrios não iam ficar de fora do CD. Apesar da mensagem cristã de Geezer sobre salvação, "After Forever" já mostra que a religião volta a ser uma abordagem comum para o novo material da banda.

Tony Iommi reduziu três semitons da afinação de sua guitarra e toca de maneira mais suja e obscura nesse CD, acompanhado pelo mesmo ajuste no contrabaixo de Geezer Butler. "Embryo" é uma pequena peça instrumental que antecede Children of the Grave, uma das músicas que mais mostra o ritmo forte de Bill Ward na bateria. Falando sobre inocentes que se voltam contra as guerras, como em "War Pigs", a letra faz uma alegoria da situação com crianças que são enterradas vivas.

Iommi não fica satisfeito e, dessa vez, ataca em uma peça acústica com ares de música erudita. "Orchid" é outra das criações do guitarrista antes da fabulosa "Lord of This World". Mais travada, a música retoma os temas demoníacos sobre possessão de pessoas inocentes, como as letras do primeiro álbum, "Black Sabbath".

Em uma letra inovadora para a banda, "Solitude" abandona a sujeira das guitarras e os berros de Ozzy Osbourne para falar, serenamente, sobre solidão. Para fechar o material, sem tons cinzentos e mornos, "Into The Void" fala sobre poluição e sobre o homem se matando com suas criações, rodeado por fraseados bem pesados do instrumental do grupo de heavy metal.

Um disco direto, sujo e curto, mas com variações. Este é o "Master of Reality" do Sabbath.


Outras resenhas de Master of Reality - Black Sabbath

Black Sabbath: Os 45 anos de Master Of RealityEm 21/07/1971: Black Sabbath lança o álbum Master of Reality




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Black Sabbath"


Rodz Online: 25 Anos de Philips Monsters of Rock 1994 (vídeo)Black Sabbath: "The Wizard" na trilha sonora da série Peaky Blinders

Black Sabbath: divulgada suposta primeira aparição do mascote da bandaBlack Sabbath
Divulgada suposta primeira aparição do mascote da banda

Heaven & Hell: divulgado vídeo raro de última sessão de autógrafos de DioHeaven & Hell
Divulgado vídeo raro de última sessão de autógrafos de Dio

Black Sabbath: em 1990, Tony Martin mostra todo seu potencial

Solos de guitarra estendidos: os melhores feitos em shows ao vivoSolos de guitarra estendidos
Os melhores feitos em shows ao vivo

Black Sabbath: banda estará na trilha sonora da quinta temporada da série Peaky BlindersBlack Sabbath
Banda estará na trilha sonora da quinta temporada da série Peaky Blinders

Resenha - Cross Purposes - Black SabbathBlack Sabbath
25 anos de um álbum subestimado

Black Sabbath: cena de Homem de Ferro em Ultimato com Iron Man fica épicaBlack Sabbath
Cena de Homem de Ferro em Ultimato com "Iron Man" fica épica

Bill McClintock: Metallica + Black Sabbath + Dokken + Herb Alpert

Black Sabbath: os crucifixos surgiram por causa de uma maldiçãoBlack Sabbath
Os crucifixos surgiram por causa de uma maldição

Black Sabbath: Gastão Moreira analisa o Master of Reality

Spotify: as bandas de hard rock e metal mais ouvidas no último mêsSpotify
As bandas de hard rock e metal mais ouvidas no último mês

Black Sabbath: box-set com 9 discos sai em setembroBlack Sabbath
Box-set com 9 discos sai em setembro

Collectors Room: os discos que marcaram a carreira de Dio (vídeo)

Meet & Greet: Como os roqueiros de verdade se comportamMeet & Greet
Como os roqueiros de verdade se comportam

Black Sabbath, Alice Cooper: O Pop ObscuroBlack Sabbath, Alice Cooper
O Pop Obscuro

Black Sabbath: o riff de Paranoid foi copiado de outra banda?Black Sabbath
O riff de "Paranoid" foi copiado de outra banda?


Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1982Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1982

Velocidade: Top 10 de músicas de Metal para ser multadoVelocidade
Top 10 de músicas de Metal para ser multado

Slipknot: Demissão de Joey Jordison foi a decisão mais difícil da carreiraSlipknot
Demissão de Joey Jordison foi a decisão mais difícil da carreira

Entrevistas: Coices e tretas entre artista e entrevistadorBig Four: astros da cena Heavy escolhem banda preferidaBon Jovi: "Vamos transar ou falar sobre o disco?"Scream Blog Gore: Mapa-Mundi do Black Metal

Sobre Pedro Zambarda de Araújo

Nascido em 1989. Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo, Pedro foi apresentado ao heavy metal através da banda Blind Guardian, em meados de 2004. Ouve e aprecia outros estilos do rock, como o punk, o indie e vertentes mais variadas. Gosta de assistir e cobrir shows.Toca muito mal guitarra, mas aprecia vários tipos de instrumentos musicais.

Mais matérias de Pedro Zambarda de Araújo no Whiplash.Net.