Mastodon: reflexo da instabilidade de nossos tempos

Resenha - Blood Mountain - Mastodon

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Em seis anos o norte-americano Mastodon se impôs no complicado mercado musical norte-americano, única e exclusivamente pelo seu talento em elaborar canções que realmente fogem de tudo o que escutamos por aí. E como se não fosse pouco, chegou a tal nível de aceitação que ainda arrancou elogios da mídia não especializada aqui do próprio Brasil (onde curiosamente nenhum de seus álbuns foi lançado oficialmente...), mídia esta que somente se manifesta - tantas vezes de forma confusa - quando alguém salta do underground para o mainstream.

Mastodon: Em 2009, o quarto álbum de estúdio da bandaScorpions: As 20 melhores canções com temática romântica

O terceiro disco do conjunto, "Blood Mountain", traz várias das características da banda e vai além. As ilustrações da capa continuam a impressionar pela sua beleza e, considerando que os elementos Fogo e a Água já foram utilizados em seus dois primeiros discos, o Mastodon segue em sua tendência adotando agora a Terra ao narrar as peripécias de um viajante que busca chegar ao topo de uma montanha para conquistar a "Crystal Skull".

Quanto à música propriamente dita, "Blood Mountain" traz muita pancadaria entremeada a interlúdios suaves, continuando a seguir um caminho difícil de digerir num primeiro momento, mesmo se apresentando ainda mais trabalhado, mas não tão 'torcido' e agressivo como antes. O desenvolvimento mais marcante se mostra nas vocalizações, bem mais melódicas, mas não descartando uma abundância de linhas mais ásperas.

Os arranjos passeiam pelos mais diversos estilos musicais - death, hardcore, stoner, southern rock e até mesmo jazz - sendo impressionante a aparente facilidade com que os músicos montam (ou experimentam?) as estruturas tão inusitadas das canções com outras mais tradicionais, resultando em algo alternativo e com muito da intensidade do Heavy Metal.

A criatividade, habilidade e precisão realmente os aproximam do progressivo, mas com uma insanidade que foge dos padrões geralmente adotados neste gênero. A música do Mastodon é um reflexo da instabilidade convulsiva de nossos tempos, onde não se sabe o que esperar do futuro. Bastante organizada, mas sempre caótica. Ou vice-versa.

Formação:
Troy Sanders - Voz e baixo
Bret Hinds - Guitarra e voz
Bill Kelliher - Guitarra
Brann Dailor - Bateria

Participações Especiais:
Scott Kelly (Neurosis) - voz em "Crystal Skull"
Joshua Homme (ex-Kyuss, Queens of the Stone Age) - voz em "Colony Of Birchmen"
Cedric Bixler-Zavala (ex-At the Drive-in, The Mars Volta) - voz em "The Siberian Divide"

Mastodon - Blood Mountain
(2006 / Reprise Records - importado)

01. The Wolf Is Loose
02. Crystal Skull
03. Sleeping Giant
04. Capillarian Crest
05. Circle Of Cysquatch
06. Bladecatcher
07. Colony Of Birchmen
08. Hunters Of The Sky
09. Hand Of Stone
10. This Mortal Soil
11. Siberian Divide
12. Pendulous Skin

Homepage: www.metalstorm.ee




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Mastodon"


Mastodon: Em 2009, o quarto álbum de estúdio da banda

Mastodon: Brent Hinds fez um álbum sozinho e o resto da banda fez outroMastodon
Brent Hinds fez um álbum sozinho e o resto da banda fez outro

Mastodon: fãs se irritam com canções pop de Emperor of SandMastodon
Fãs se irritam com canções "pop" de Emperor of Sand

Mastodon: a surreal história de como conheceram o MetallicaMastodon
A surreal história de como conheceram o Metallica


Scorpions: As 20 melhores canções com temática românticaScorpions
As 20 melhores canções com temática romântica

Metal Moderno: 5 bandas aptas a se tornarem clássicasMetal Moderno
5 bandas aptas a se tornarem clássicas

Separados no nascimento: Steven Tyler e Márcia GoldsmichSeparados no nascimento
Steven Tyler e Márcia Goldsmich

Lita Ford: cantora admite suruba com Bon Jovi e Richie SamboraLita Ford
Cantora admite suruba com Bon Jovi e Richie Sambora

Megadeth: Dave Mustaine não está feliz com os improvisos de Kiko Loureiro?Megadeth
Dave Mustaine não está feliz com os improvisos de Kiko Loureiro?

Purple, Metallica, Guns: entre 666 clássicos de rádio suecaPurple, Metallica, Guns
Entre 666 clássicos de rádio sueca

Vinnie Paul: baterista chorou com parabéns do KissVinnie Paul
Baterista chorou com "parabéns" do Kiss


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336