Resenha - Burden Of Truth - Circle II Circle

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Já notaram como de uns tempos para cá as bandas de heavy metal têm utilizado a religião para dar conceito a seus trabalhos? Virou quase uma moda falar de religião, das contradições e dogmas religiosos. Em todo caso, vale sempre dar uma conferida em CD's conceituais, já que escrever várias músicas interligadas a um tema principal é algo complicado e desafiador para o artista. E não é diferente no caso de Zak Stevens, que chega ao terceiro CD de seu Circle II Circle procurando solidificar a sua banda, já que para muitos (e este que vos escreve) estamos apenas diante de mais uma sucursal do Savatage.

Mr Catra: Uma lista das suas maiores influências no rock (vídeo)Nu Com a Mão no Bolso: blog elege as melhores capas com "nudez"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se em seus CD's anteriores ("Watching In Silence" e "Middle Of Nowhere") Zak havia apenas mostrado bastante talento e bom gosto, neste a coisa continua igual, porém podemos dizer que esta é uma das melhores obras já compostas pelo vocalista (já que no Savatage ele não era parte do processo de composição). A ótima "Who Am I To Be?" (usando o "Código Da Vinci" como tema) inicia o CD com uma mescla de metal, rock e grandiosidade (remete ao bom "Wake Of Magellan"). "A Matter Of Time" é mais pesada e as guitarras soam fortes e poderosas, assim como a cativante "Heal You" e a novamente pesada "Revelations". Jon Oliva co-assina várias faixas, o que reforça a tese de que o Savatage é uma família, e esta banda é mais uma de suas ramificações.

Este sem dúvida é o melhor CD do Circle II Circle, e o que mais absorve elementos do Savatage, como a agressiva "Evermore", a cadenciada "Messiah" e a hard "Sentenced". Se por um lado Zak se aproxima de sua ex-banda, por outro o faz com extremo bom gosto e talento, mostrando que merecia já ter tido chance de por suas músicas no Savatage. No mais, um bom CD de heavy metal com nuances prog, mas bem discretos.

Este CD e o novo de Jon Oliva's Pain só reforçam a tese do retorno iminente do Savatage aos palcos com Zak no vocal. Quem curte os trabalhos do vocalista irá adorar este aqui, mas se você tirar o nome Circle II Circle e colocar Savatage Featuring Zak Stevens o resultado será o mesmo.

Formação:

Zak Stevens - Vocal
Andy Lee - Guitarras
Paul Stewart - Baixo
Tom Drennan - Bateria
Evan Christopher - Guitarras

Faixas:

"Who Am I To Be?"
"A Matter Of Time"
"Heal You"
"Revelations"
"Your Reality"
"Evermore"
"The Black"
"Messiah"
"Sentenced"
"Burden Of Truth"
"Live As One"

Rock Brigade/Laser Company - 2006 (NACIONAL)

Site Oficial: http://www.circle2circle.net


Outras resenhas de Burden Of Truth - Circle II Circle

Resenha - Burden of Truth - Circle II Circle




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Circle II Circle"


Bill Hudson: BR bangers são persecutivos e têm baixa autoestimaBill Hudson
BR bangers são persecutivos e têm baixa autoestima

Exportando metal: músicos brasileiros que atuam ou já atuaram em bandas gringasExportando metal
Músicos brasileiros que atuam ou já atuaram em bandas gringas


Mr Catra: Uma lista das suas maiores influências no rock (vídeo)Mr Catra
Uma lista das suas maiores influências no rock (vídeo)

Nu Com a Mão no Bolso: blog elege as melhores capas com nudezNu Com a Mão no Bolso
Blog elege as melhores capas com "nudez"


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336