Resenha - Kiss Of Death - Motorhead

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Este novo CD do Motorhead já chega com uma tremenda responsabilidade: superar o sensacional “Inferno” de 2004. Desde “Sacrifice” (1996), a banda vem mantendo uma regularidade espantosa em seus lançamentos, mandando pedrada atrás de pedrada. Só que “Inferno” foi de longe um dos melhores CD’s da banda com a formação Lemmy/Phil Campbell/Mickey Dee. Logo, “Kiss Of Death” já vem com uma missão um tanto quanto complicada, mas como trata-se de Motorhead e Lemmy Kilmister (que Ozzy teve a coragem de dizer que achava um “milagre” o mesmo estar vivo...) podemos esperar no mínimo um CD muito bom e rockeiro.
1083 acessosMotorhead: Novas estátuas de Lemmy e Warpig pela KnuckleBonz5000 acessosRegis Tadeu: uma declaração apimentada sobre público de Metal Extremo

E não dá outra: “Sucker” já começa o CD com 3 minutos de pura paulada com o baixo de Lemmy no talo e as guitarras de Phil detonando o espaço. Mickey Dee faz o que tem que fazer, e olha que no Motorhead isso não é desmerecer ninguém. “One Night Stand” traz a boa levada rockeira que vem norteando vários trabalhos da banda e que funciona muito bem, enquanto que “Devil I Know” é mais pesada e traz em destaque a batida forte de Mickey Dee. “Trigger” passa como um trator por nossas cabeças, com riffs rápidos e solos certeiros, e “Under The Gun” nos remete a um blues pesadão, do tipo que você ouve naquele beco escuro e imundo... coisas que só o Motorhead faz prá você.

Mesmo mantendo a fórmula consagrada e vencedora de seus predecessores, “Kiss Of Death” traz algumas surpresas para os fãs do bom rock and roll. “God Was Never On Your Side” (que remete a “Lost In The Ozone” do CD “Bastards” e traz CC DeVille – Poison – como convidado) mostra-se uma balada pesada e bem interessante, assim como a rockeira “Christine” e a cadenciada “Be My Baby”. Para os mais tradicionais, as boas “Kingdom Of The Worm” (bem similar a “Sacrifice”) e “Going Down” funcionam bem.

Um grande CD. A prova viva de que os 60 anos e os milhões de cigarros e litros de uísque de Mr. Lemmy só fizeram bem ao Motorhead. Não supera o excelente “Inferno”, mas de longe é um dos melhores CD’s do ano. COMPRE!

2006 – SPV - IMPORTADO

Site Oficial: http://www.imotorhead.com

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Kiss Of Death - Motorhead

3095 acessosMotorhead: mais rock n' roll que propriamente Metal2691 acessosResenha - Kiss Of Death - Motorhead2980 acessosResenha - Kiss Of Death - Motorhead

Phil AnselmoPhil Anselmo
Lemmy sentia dor mas não queria deixar o palco

1083 acessosMotorhead: Novas estátuas de Lemmy e Warpig pela KnuckleBonz1420 acessosMulheres: por que os feios, porcos e maus do rock as atraem?235 acessosBlend Guitar: em vídeo, Top 10 Heavy Metal Bands1093 acessosStar Wars: cosplay funde Lemmy Kilmister a Stormtrooper1265 acessosMotorhead: album solo de Lemmy a ser lançado ainda este ano0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

Lemmy KilmisterLemmy Kilmister
Bill Ward, Kiko Loureiro, Zakk Wylde e Lita Ford comentam morte

CensuraCensura
Ouvir Rock e Metal é porta de entrada para virar gay?

MotorheadMotorhead
"Radiohead e Coldplay não são rock"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"

Regis TadeuRegis Tadeu
Uma declaração apimentada sobre público de Metal Extremo

The RevThe Rev
Um dos músicos mais brilhantes perdidos na última década

MisfitsMisfits
"O satanismo de Glenn me incomoda", diz Jerry Only

5000 acessosA História da Guitarra - Parte 1: do Alaúde ao Violão5000 acessosQue comece o mimimi: 101 discos essenciais de rock5000 acessosAstros do rock: o patrimônio líquido de cada um4954 acessosAlter Bridge: Myles Kennedy compara Tremonti e Slash3055 acessosRonnie James Dio: os álbuns com o vocalista, do pior para o melhor5000 acessosDream Theater: semelhanças na capa de álbum?

Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online