Resenha - Hammerfall - Threshold

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


Me lembro de ter escrito anteriormente que o Hammerfall é dotado de um espírito oitentista impressionante, já que seus lançamentos ocorrem com intervalos de dois anos no máximo. E novamente ratifico o que foi dito, já que este novo "Threshold" é lançado com intervalo de apenas um ano do bom "Chapter V: Unbent, Unbowed, Unbroken".

A banda, como ninguém, está aprendendo a se soltar das amarras do metal melódico e buscar para si o que fazem melhor: seu metal cru e agressivo com pitadas de Accept e Judas Priest. Aos poucos vão moldando sua sonoridade de modo a não surpreender os fãs, e ao mesmo tempo mostrar evolução a cada lançamento.

publicidade

A faixa título surge pomposa, com as boas guitarras de Stefan Elmgren e Oscar Dronjak aliadas aos vocais mais agressivos e contidos de Joacin Cans (sem alguns exageros de outrora).

"The Fire Burns Forever" é mais "speed", com os coros a lá Accept que Oscar e Stefan sempre fazem ao vivo, e Joacin novamente explorando ramos mais agressivos e tons médios na voz, com ótimos resultados.

publicidade

"Rebel Inside" traz um leve flerte com o hard, enquanto que "Natural High", o primeiro single (que como é costume da banda saiu num EP antecedendo o CD) já traz guitarras com toques de Iron Maiden e uma levada contagiante. Vale citar o trabalho preciso e correto de Magnus Rosén (um dos maiores baixistas do metal da atualidade, mas que no Hammerfall faz apenas o básico) e Anders Johansson, preciso e técnico.

publicidade

Mas quem pensa que este CD é apenas mais do mesmo se engana: a levada mais lenta de "Dark Wings, Dark Woods" impressiona (a considero uma das melhores do CD, sem medo de errar), o andamento épico e cadenciado de "Carved In Stone" mostra um Hammerfall mais ousado do que de costume e "Genocide" se destaca pelas boas guitarras de Stefan, cada vez mais importante no processo de composição da banda (é dele a excelente instrumental "Reign Of The Hammer".

publicidade

O Hammerfall de outrora ainda aparece vigoroso e potente em faixas como "Howlin’ With The Pac" e "Shadow Empire". "Titan" encerra o álbum em grande estilo, deixando claro que a banda ainda tem muito a oferecer.

Um grande momento, um CD inspirado, e de longe a prova de que as bandas européias de metal cada vez mais partem para rumos interessantes e enigmáticos. O melhor da banda? Na modesta opinião deste que vos escreve, sim... agora resta esperar a turnê brasileira!

publicidade

Site Oficial: http://www.hammerfall.net

Nuclear Blast/Laser Company – 2006 (Nacional)

Faixas:
Threshold
The Fire Burns Foreer
Rebel Inside
Natural High
Dark Wings, Dark Woods
Howlin’ With The Pac
Shadow Empire
Carved In Stone
Reign Of The Hammer
Genocide
Titan




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Hammerfall: Oscar Dronjak toca seus riffs preferidos na guitarra (vídeo)

Hammerfall: é ridículo um show de metal com o público sentado, afirma Oscar DronjakHammerfall
é ridículo um show de metal com o público sentado, afirma Oscar Dronjak

Hammerfall: assista Any Means Necessary do novo ao vivo do grupoHammerfall
Assista "Any Means Necessary" do novo ao vivo do grupo

Hammerfall: ouça Live! Against The World, terceiro disco ao vivo da bandaHammerfall
Ouça Live! Against The World, terceiro disco ao vivo da banda

Hammerfall: lançado vídeo de 'Keep the Flame Burning" ao vivo, retirado de disco ao vivo

Hammerfall: assista amostra do novo ao vivo da bandaHammerfall
Assista amostra do novo ao vivo da banda

Hammerfall: disco ao vivo será lançado em outubroHammerfall
Disco ao vivo será lançado em outubro


1997: 15 discos de rock/metal que completam 20 anos de lançamento1997
15 discos de rock/metal que completam 20 anos de lançamento

Power Metal: As bandas mais populares segundo o FacebookPower Metal
As bandas mais populares segundo o Facebook


Max Cavalera: Não dou a mínima para o que pensa o pessoal do Korn ou qualquer outro!Max Cavalera
"Não dou a mínima para o que pensa o pessoal do Korn ou qualquer outro!"

Avril Lavigne: Aprenda com Rihanna como fazer um meet & greetAvril Lavigne
Aprenda com Rihanna como fazer um meet & greet


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin