Matérias Mais Lidas

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemA incrível história do hit "Se Eu Não Te Amasse Tanto Assim", de Herbert Vianna

imagemVídeo mostra o Guns N' Roses novamente tocando "Back in Black" do AC/DC

imagemPor que o Pato Fu era confundido com os Mamonas Assassinas, segundo Fernanda Takai

imagemPor motivo de saúde, Tracii Guns faz show inteiro do L.A.Guns dentro do banheiro

imagemEdu Falaschi e as versões de "Bleeding Heart" que "dá uma tristezinha" de ouvir

imagemSupla explica por que fala sempre misturando português com inglês

imagemComo o clássico "Angel Dust" fez o guitarrista Jim Martin sair do Faith No More

imagemRock in Rio 1991, Maracanã lotado, e o Guns N' Roses ameaçou não subir ao palco...

imagemO álbum do Kiss que infelizmente é ignorado pela banda, segundo Andreas Kisser

imagemTico relembra trauma que o fez entrar na Fazenda e briga bizarra com Sérgio Mallandro

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemAntes mesmo do fim do primeiro semestre, Mike Portnoy escolhe seu "Álbum do ano"


In-Edit

Resenha - Cosmopolitan Life - Al Di Meola & Leonid Agutin

Por Rodrigo Werneck
Em 04/05/06

Nota: 8

Al Di Meola é um guitarrista e violonista virtuoso, de talento reconhecido mundialmente e longa carreira nas praias do jazz, fusion e outros estilos. Mas quem é Leonid Agutin? Simplesmente um "rock star" russo, com grandes vendagens em sua terra natal. Eles estão juntos neste inusitado lançamento com o qual a Hellion nos brinda em edição digipack nacional.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Neste novo trabalho, a dupla se cercou de um time de competentes músicos, sendo que entre os baixistas destaca-se Anthony Jackson e, entre os bateristas, Vinnie Colaiuta. Além de saxofones, trompetes e outros instrumentos de sopro e cordas, e vocalistas de apoio. Já Leonid Agutin ficou responsável por teclados e violões e pelo vocal principal, na maior parte das vezes em inglês, mas por vezes cambando para versos em russo e até mesmo em português, como ocorre na faixa-título. Al Di Meola, é claro, assumiu a guitarra e mais violões, sendo o responsável por todos os solos.

A música presente no CD é basicamente um pop sofisticado, bastante agradável de se ouvir, num disco excepcionalmente bem arranjado e gravado. O bom gosto permeia toda a obra, sem exceções. As composições, todas de Agutin, são de um talento ímpar e curiosamente não nos remetem em momento algum à música russa, ficando sempre "presas" ao nosso lado do mundo, seja em influências latinas (notadamente cubanas), seja nas influências do jazz mais comercial norte-americano.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Um dos destaques é a faixa-título (cujo videoclipe, em formato MPG, está também incluído no CD), apesar da homenagem meio trôpega ao Brasil, pois se a letra nos é respeitosa (incluindo, como mencionado acima, passagens em português), o ritmo de rumba representa um equívoco freqüente de músicos estrangeiros, que em sua maioria desconhecem o que seja de fato samba ou bossa nova. A belíssima balada "Price To Learn", pontuada em toda sua extensão pelo violão muito bem colocado de Di Meola, é outro ponto alto do disco. "Smile" nos remete instantaneamente à sonoridade de Santana, e é até difícil de se acreditar que não seja o guitarrista mexicano a pilotar as 6 cordas nesta faixa, acompanhado pelo arranjo propositalmente percussivo. "If I’ll Ever Get A Chance..." é outra música de destaque, com diferentes sonoridades e bons solos de guitarra, enquanto que "Blue River" apresenta toda a complexidade e a sutileza do monstro Colaiuta, no comando das baquetas, um típico "colírio para os ouvidos".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Aliás, digno também de nota é que Al Di Meola evitou seus habituais abusos guitarrísticos, privilegiando a musicalidade e o sentimento em detrimento da técnica excessiva. Ponto para ele. Já Agutin possui bela e afinada voz, que sabe usar com esmero. Isso sem falar em seu talento como instrumentista, sendo que na última música do CD, "Shade Of Your World", chega a arriscar-se a solos de órgão e piano, com bom resultado.

Resumindo, um disco certamente recomendável àqueles que possuem um gosto musical eclético e aberto a novas sonoridades.

Tracklist:

1. Cuba Africa
2. Cosmopolitan Life
3. Nobody
4. Price To Learn
5. Tango
6. Smile
7. Portofino
8. If I’ll Get A Chance…
9. Blue River
10. Shade Of Your World
11. Cosmopolitan Life (video)

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Site: www.dimeola-agutin.com

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Rodrigo Werneck

Carioca nascido em 1969, engenheiro por formação e empresário do ramo musical por opção, sendo sócio da D'Alegria Custom Made (www.dalegria.com). Foi co-editor da extinta revista Musical Box e atualmente é co-editor do site Just About Music (JAM), além de colaborar eventualmente com as revistas Rock Brigade e Poeira Zine (Brasil), Times! (Alemanha) e InRock (Rússia), além dos sites Whiplash! e Rock Progressivo Brasil (RPB). Webmaster dos sites oficiais do Uriah Heep e Ken Hensley, o que lhe garante um bocado de trabalho sem remuneração, mais a possibilidade de receber alguns CDs por mês e a certeza de receber toneladas de e-mails por dia.

Mais matérias de Rodrigo Werneck.